Economia da Ucrânia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Economia da Ucrânia
Edifício do Banco Nacional da Ucrânia
Moeda Grívnia
Ano fiscal Ano calendário
Blocos comerciais OMC, CEI, GUAM
Estatísticas
PIB 124,60 bilhões (nominal), 390,34 bilhões (PPA) (2018)
Variação do PIB +2,4% (2018)
PIB per capita 2960 (nominal), 9280 (PPA) (2018)
PIB por setor agricultura 9,8%, indústria 32,3%, comércio e serviços 57,9% (2010)
Inflação (IPC) 9,8% (2010)
População
abaixo da linha de pobreza
35% (2009)
Coeficiente de Gini 31 (2006)
Força de trabalho total 22,06 milhões (2010)
Força de trabalho
por ocupação
agricultura 9,9%, indústria 29,6%, comércio e serviços 60,5% (2008)
Desemprego 1,2% (2018)
Principais indústrias carvão mineral, energia elétrica, metais ferrosos e non ferrosos, máquinas e equipamentos de transporte, produtos químicos, processamento de alimentos
Exterior
Exportações 44,9 bilhões (2010)
Produtos exportados metais ferrosos e não-ferrosos, petróleo e derivados, produtos químicos, máquinas e equipamentos de transporte, alimentos
Principais parceiros de exportação Rússia 9,1%, Polônia 6,3%, Turquia 5,8%, Itália 5,7% (2018)
Importações 44,5 bilhões (2018)
Produtos importados Energia elétrica, máquinas e equipamentos, produtos químicos
Principais parceiros de importação Rússia 15%, República Popular da China 12%, Alemanha 11%, Polônia 6,9% (2018)
Dívida externa bruta 116,3 bilhões (2018)
Finanças públicas
Receitas 39 bilhões (2017)
Despesas 41 bilhões (2017)
Ajuda económica 2,2 bilhões, do FMI (2002)
Fonte principal: The World Factbook
Salvo indicação contrária, os valores estão em US$

Depois da Rússia, a Ucrânia era a segunda maior economia da antiga União Soviética. Seu Produto Interno Bruto era 4 vezes superior ao da terceira colocada.[1] Em 2014, o governo de Petro Poroshenko anunciou novas privatizações no setor da indústria de base, de maquinário, de petróleo, de extrativismo mineral e de outros serviços públicos essenciais.[2][3][4]

Comércio exterior[editar | editar código-fonte]

Em 2020, o país foi o 51º maior exportador do mundo (US $ 50,1 milhões em mercadorias, 0,3% do total mundial). Na soma de bens e serviços exportados, chega a US $ 63,4 bilhões e fica em 50º lugar mundial.[5][6] Já nas importações, em 2019, foi o 45º maior importador do mundo: US $ 53,9 bilhões.[7]

Setor primário[editar | editar código-fonte]

Agricultura[editar | editar código-fonte]

Campo de trigo na Ucrânia com as mesmas cores e formato da bandeira do país.
Milho ucraniano.
Campo de batata na Ucrânia.

O principal lugar são as planícies situadas a ocidente de Kirovograd têm um solo negro designado chernozem, que são terras de grande riqueza produtiva (ricas em húmus). A exploração intensiva dos desses solos férteis (que cobrem quase 65% do país) do cinturão agrícola ucraniano tornou o país num grande produtor de trigo, cevada e milho. Outros cultivos importantes são: centeio, beterraba açucareira, girassol, algodão, batatas, legumes, aveia, painço e trigo sarraceno. As maiores culturas industriais são as de beterraba e de semente de girassol. Cultivam-se frutas e hortaliças nos arredores das grandes cidades. Com isso, a Ucrânia é historicamente conhecida como “O celeiro da Europa” As planícies da parte oriental, embora menos férteis, sustentam muitas comunidades rurais. Estes solos foram em grande parte contaminados por radioatividade, após o acidente da central nuclear de Chernobyl, em 1986. No extremo Sul da Ucrânia,se situam as planícies secas das costas dos mares de Azov e Negro. A Crimeia é uma das mais afamadas regiões turísticas do país e situa-se mais a sul.

Em 2018, a Ucrânia[8]:

  • Foi o 5º maior produtor mundial de milho (35,8 milhões de toneladas), perdendo para EUA, China, Brasil e Argentina;
  • Foi o 8º maior produtor mundial de trigo (24,6 milhões de toneladas);
  • Foi o 3º maior produtor mundial de batata (22,5 milhões de toneladas), perdendo somente para a China e Índia;
  • Foi o maior produtor mundial de semente de girassol (14,1 milhões de toneladas);
  • Foi o 7º maior produtor mundial de beterraba (13,9 milhões de toneladas), que serve para produzir açúcar e etanol;
  • Foi o 7º maior produtor mundial de cevada (7,3 milhões de toneladas);
  • Foi o 9º maior produtor mundial de soja (4,4 milhões de toneladas);
  • Foi o 7º maior produtor mundial de colza (2,7 milhões de toneladas);
  • Foi o 13º maior produtor mundial de tomate (2,3 milhões de toneladas);
  • Foi o 5º maior produtor mundial de repolho (1,6 milhões de toneladas), perdendo para a China, Índia, Coréia do Sul e Rússia;
  • Foi o 11º maior produtor mundial de maçã (1,4 milhões de toneladas);
  • Foi o 3º maior produtor mundial de abóbora (1,3 milhões de toneladas), perdendo somente para China e Índia;
  • Foi o 6º maior produtor mundial de pepino (985 mil toneladas);
  • Foi o 5º maior produtor mundial de cenoura (841 mil toneladas), perdendo para China, Uzbequistão, EUA e Rússia;
  • Foi o 4º maior produtor mundial de ervilha seca (775 mil toneladas), perdendo somente para Canadá, Rússia e China;
  • Foi o 7º maior produtor mundial de centeio (393 mil toneladas);
  • Foi o 3º maior produtor mundial de trigo-sarraceno (137 mil toneladas), perdendo somente para China e Rússia;
  • Foi o 6º maior produtor mundial de noz (127 mil toneladas);
  • Produziu 883 mil toneladas de cebola;
  • Produziu 467 mil toneladas de uva;
  • Produziu 418 mil toneladas de aveia;
  • Produziu 396 mil toneladas de melancia;
  • Produziu 300 mil toneladas de cereja;
  • Produziu 198 mil toneladas de ameixa;
  • Produziu 193 mil toneladas de sorgo;
  • Produziu 187 mil toneladas de alho;
  • Produziu 176 mil toneladas de pimenta;
  • Produziu 111 mil toneladas de damasco;
  • Produziu 102 mil toneladas de melão;
  • Produziu 84 mil toneladas de cereja;
  • Produziu 62 mil toneladas de morango;
  • Produziu 35 mil toneladas de framboesa;
  • Produziu 33 mil toneladas de semente de mostarda;
  • Produziu 29 mil toneladas de groselha;
  • Produziu 26 mil toneladas de pêssego;

Além de outras produções de outros produtos agrícolas.[9]

Pecuária[editar | editar código-fonte]

Na pecuária, a Ucrânia foi, em 2018, o 5º maior produtor mundial de mel, com uma produção de 71,2 mil toneladas, o 18º maior produtor mundial de leite de vaca, com uma produção de 10 bilhões de litros; um dos 25 maiores produtores mundiais de carne de frango, com uma produção de 1,2 milhões de toneladas; também produziu 702 mil toneladas de carne suína, 358 mil toneladas de carne bovina, entre outros.[10]

Setor secundário[editar | editar código-fonte]

Indústria[editar | editar código-fonte]

O Banco Mundial lista os principais países produtores a cada ano, com base no valor total da produção. Pela lista de 2019, a Ucrânia tinha a 59ª indústria mais valiosa do mundo (US $ 16,6 bilhões).[11]

Em 2019, a Ucrânia era o 46ª maior produtor de veículos do mundo (7,2 mil) e o 13ª maior produtor de aço (20,8 milhões de toneladas).[12][13][14] O país também é o maior produtor do mundo de óleo de girassol.[15] Em 2018, foi o 19º maior produtor do mundo de vinho.[16]

O Donbas apresenta também indústrias metalúrgicas altamente desenvolvidas, que produzem ferro e aço em grandes quantidades. Desde 2014 que o governo ucraniano tem sido frustrado nas suas privatizações por haver pouca ou nenhuma demanda em leilões públicos.[17]

Energia[editar | editar código-fonte]

Hidrelétrica Dnieper no Oblast de Zaporíjia.

Nas energias não-renováveis, em 2020, o país era o 61º maior produtor de petróleo do mundo, extraindo 33,5 mil barris/dia.[18] Em 2019, o país consumia 222 mil barris/dia (52º maior consumidor do mundo).[19][20] O país foi o 58º maior importador de petróleo do mundo em 2012 (33 mil barris/dia).[21] Em 2015, a Ucrânia era o 33º maior produtor mundial de gás natural, 19 bilhões de m3 ao ano. Em 2017 o país era o 33º maior consumidor de gás (29,8 bilhões de m3 ao ano) e era o 12º maior importador de gás do mundo em 2009: 26,7 bilhões de m3 ao ano.[22] Na produção de carvão, o país foi o 21º maior do mundo em 2018: 34,2 milhões de toneladas.[23]

Nas energias renováveis, em 2020, a Ucrânia era o 34º maior produtor de energia eólica do mundo, com 1,4 GW de potência instalada, e o 20º maior produtor de energia solar do mundo, com 5,3 GW de potência instalada.[24]

Recursos minerais[editar | editar código-fonte]

Mineração de ferro na Ucrânia

Em 2019, o país era o 7º maior produtor mundial de minério de ferro,[25] o 8º maior produtor mundial de manganês,[26] o 6º maior produtor mundial de titânio,[27] e o 7º maior produtor mundial de grafite.[28] Era o 9º maior produtor do mundo de urânio em 2018.[29]

A Ucrânia conta com ricas jazidas de minério de manganês no Donbas. Essa região é o centro industrial do país e um dos principais complexos minero-metalúrgicos e de industria pesada da Europa. A Ucrânia é também um importante produtor de gás natural e de petróleo, embora as reservas desses combustíveis fósseis tenham sido excessivamente exploradas durante o período soviético.

Setor terciário[editar | editar código-fonte]

Turismo[editar | editar código-fonte]

Em 2018, a Ucrânia foi o 30º país mais visitado do mundo, com 14,2 milhões de turistas internacionais. As receitas do turismo, neste ano, foram de US $ 1,4 bilhões.[30]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. The World Factbook. Consultado em 15 de março de 2011
  2. Larry Summers: A Suicidal Choice
  3. INVESTIGATIVE DOCUMENTS - Related articles
  4. «Ukraine's Poroshenko to sell all his business in order to become President». Consultado em 23 de fevereiro de 2015. Arquivado do original em 9 de maio de 2015 
  5. Trade Map - List of exporters for the selected product in 2018 (All products)
  6. Market Intelligence: Disclosing emerging opportunities and hidden risks
  7. «International Trade Statistics». International Trade Centre. Consultado em 25 de agosto de 2020 
  8. Ukraine production in 2018, by FAO
  9. Ukraine production in 2018, by FAO
  10. Produção da pecuária da Ucrânia em 2018, pela FAO
  11. Fabricação, valor agregado (US $ corrente)
  12. World vehicle production in 2019
  13. World crude steel production
  14. Global crude steel output increases by 3.4% in 2019
  15. Produção de óleos, pela FAO
  16. Major Wine Producers
  17. Ukraine Scraps Sale of Ammonia Maker After Receiving No Offers
  18. Annual petroleum and other liquids production
  19. Statistical Review of World Energy, June 2020
  20. The World Factbook — Central Intelligence Agency
  21. Annual petroleum and other liquids production
  22. CIA. The World Factbook. Natural gas - production.
  23. Statistical Review of World Energy 2018
  24. RENEWABLE CAPACITY STATISTICS 2021
  25. USGS Iron Ore Production Statistics
  26. USGS Manganese Production Statistics
  27. USGS Titanium Production Statistics
  28. USGS Graphite Production Statistics
  29. World Uranium Mining
  30. Destaques do turismo internacional


Outline of Ukraine.svg Ucrânia
História • Política • Subdivisões • Geografia • Economia • Demografia • Cultura • Turismo • Portal • Imagens