Saltar para o conteúdo

Diferenças entre edições de "Seiyū"

16 bytes removidos ,  13h47min de 18 de novembro de 2014
===Terceiro auge dos seiyū===
[[Ficheiro:Maria Yamamoto Fanime 2005 Meet the Guests reception.jpg|thumb|right|[[Maria Yamamoto]], uma ''seiyū'' na recepção a seus fãs.]]
Nas décadas de 1960 e 1970, o auge centra-se principalmente entorno aos tipos de meios de comunicação, como a televisão. Na [[década de 1990]] um novo auge se centro-se entornoentornou a mais meios de comunicação, como programas de rádio, realização de [[OVA]], programas de televisão, eventos públicos e [[Internet]], dando passo a publicação das primeiras revistas especializadas en seiyū, [[Seiyū Grand Prix]] e [[Boys Animage]]. Os seiyū ganharam novos fanáticos debidodevido a rádio e os CDs de música. Os concertos se começaram a realizar em grandes espaços. Quando ocorreu o segundo auge, os seiyū se conheceram como DJs, naquestanaquela época, as casas discográficas viraram em anunciantes de programas de rádio e grandes somas de dinheiro começaram a circular entornoem atorno estedeste auge. [[Megumi Hayashibara]], [[Hekiru Shiina]] e [[Mariko Kōda]], são os primeiros exemplos deste novo processo. As companhias de gravação e os seiyū formaram escolas para hacerfazer surgir novos talentos a travésatravés de todo Japão, sendo outrooutra câmbiotroca radical dos auges anteriores e de pasopasso, viraram em uma base da transformação definitiva desdedeste seiyū a ídolos.
 
Quando os atores de voz se introduziram aos jogos para televisão, a existência dos seiyū se estendeu ao país inteiro. Como consequência, o mesmo seiyū podia realizar eventos relacionados no mundo do jogo televisivo, realizando aparições e participando em programas dos rádios baseado nos jogos de televisão para atrair fanáticos.
 
Na segunda metade da década de 1990, o auge na animação aumentou a cantidade de anime que se transmitia na área de Tóquio, Com a Internet, o intercâmbio da informação dos seiyū se hizofez mais fácil e os seiyū começaram a realizar produções para Internet.
 
Atualmente, o mercado dos seiyū e as produções para as quais trabalham se mantém sólidas e aumentam dia a dia dos fanáticos das vozes dos personagens favoritos de anime.
192

edições