Grão-ducado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Grão-ducado é um território cujo chefe de estado é um grão-duque (ou uma grã-duquesa). O único grão-ducado existente atualmente é o Grão-ducado de Luxemburgo, governado pelo Grão-duque Henrique Alberto.

Lista de Grão-ducados[editar | editar código-fonte]

Pré-Napoleónicos[editar | editar código-fonte]

Pós-Napoleão[editar | editar código-fonte]


O termo "Grão-Ducado" é, frequente mas erradamente, aplicado ao estado polaco entre 1807 e 1813 que, na verdade se designava Ducado de Varsóvia.

Outras jurisdições às quais nos referimos historicamente como Grão-Ducados eram , na verdade, Grão-Principados como seja o Grão-Ducado da Lituânia e o Grão-Ducado de Moscovo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.