Hitchcock (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hitchcock
Hitchcock (PRT/BRA)
Hopkins e Helen, destaques no cartaz do filme
 Estados Unidos
2012 •  cor •  98 min 
Direção Sacha Gervasi
Produção Ivan Reitman
Tom Pollock
Joe Medjuck
Roteiro John McLaughlin
Baseado em Alfred Hitchcock and the Making of Psycho, de Stephen Rebello
Elenco Anthony Hopkins
Helen Mirren
Scarlett Johansson
Toni Collette
Danny Huston
Jessica Biel
James D'Arcy
Gênero drama biográfico
Idioma inglês
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Hitchcock (bra/prt: Hitchcock)[1][2] é um filme norte-americano de 2012, um drama biográfico dirigido por Sacha Gervasi com roteiro de John J. McLaughlin baseado no livro não fictício de Stephen Rebello Alfred Hitchcock and the Making of Psycho.


Sinopse[editar | editar código-fonte]

Hitchcock foca na relação entre o diretor Alfred Hitchcock e sua esposa, Alma Reville, durante as filmagens de Psicose, abrangendo desde o assassino de Wisconsin Ed Gein, a inspiração real para o personagem Norman Bates, até o lançamento do inovador filme em 1960.[carece de fontes?]

Elenco[editar | editar código-fonte]


Lançamento[editar | editar código-fonte]

A Fox Searchlight anunciou em 20 de setembro de 2012, via Twitter, que Hitchcock estrearia em uma edição exclusiva em 23 de novembro de 2012 para filme poder concorrer ao Oscar. Antes disso, o filme teve sua estreia mundial como o filme de abertura do AFI Fest 2012, com uma festa no Grauman's Chinese Theatre em Hollywood. O primeiro trailer do filme foi lançado em 10 de outubro de 2012.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Após a estreia mundial do filme no AFI Fest 2012, Tom O'Neil, em 2 de novembro, em sua coluna "Gold Derby/Envelope" do Los Angeles Times escreveu: "Quando o filme se desenvolvei no AFI Fest, na noite de quinta-feira, o público explodiu em ovações selvagens no final. Este Hitchcock é tão bem-feito, tão divertido e tão cheio de suspense que deixaria o próprio Hitchcock orgulhoso. (...) É um grande candidato para melhor filme, ator, atriz, roteiro adaptado, maquiagem, trilha sonora e talvez direção de arte".[carece de fontes?] Ele concluiu que o filme "cativa". John Patterson do The Guardian de 2 de novembro chamou o filme de "inteligente e espirituoso"; "o making of de Psicose é descrito em detalhes sem vermos um frame do filme concluído" e concluindo "ele vive e respira através de Hopkins e Mirren".[carece de fontes?]


Referências

  1. «Hitchcock». Brasil: CinePlayers. Consultado em 9 de fevereiro de 2019 
  2. «Hitchcock». Portugal: CineCartaz. Consultado em 9 de fevereiro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.