Invasão anglo-soviética do Irã

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Invasão anglo-soviética do Irã (Irão)
IranIraqWWII en.svg
Mapa do Iraque e oeste do Irã em 1941.
Data 25 de agosto de 194117 de setembro de 1941
Local Estado Imperial do Irã
Desfecho Vitória dos Aliados
Mudanças
territoriais
O Irã foi ocupado ao norte pelos Soviéticos, e ao sul pelos Britânicos.
Combatentes
 Reino Unido
 União Soviética
State Flag of Iran (1964-1980).svg Irã
Principais líderes
Reino Unido Edward Quinan
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas Dmitri T. Kozlov
State Flag of Iran (1964-1980).svg Reza Shah Pahlavi
State Flag of Iran (1964-1980).svg Gholamali Bayandor 
Forças
 União Soviética

3 exércitos

 Reino Unido
2 divisões
3 brigadas

State Flag of Iran (1964-1980).svg Irã

9 divisões
60 aeronaves

Vítimas
 Reino Unido

22 mortos[1]
50 feridos[1]
1 blindado destruído

 União Soviética
40 mortos
3 aviões perdidos

State Flag of Iran (1964-1980).svg Irã

800 soldados mortos
200 civis mortos
2 navios de guerra afundados
4 navios de guerra danificados
6 aviões perdidos

A Invasão anglo-soviética do Irã (português brasileiro) ou invasão anglo-soviética do Irão (português europeu) foi a invasão Aliada do Estado Imperial do Irã durante a Segunda Guerra Mundial, por Soviéticos e Britânicos, as forças armadas da Commonwealth. A invasão (de 25 de agosto a 17 de setembro de 1941), recebeu o codinome de Operação Countenance. O objetivo era garantir os campos de petróleo iranianos e assegurar as linhas de abastecimento dos Aliados (ver Corredor Persa) para os Soviéticos lutando contra as forças do Eixo na Frente Oriental. Embora o Irã tenha sido oficialmente um país neutro, o seu monarca, Reza Shah Pahlavi, foi amigável para com as Potências do Eixo: ele foi deposto durante a ocupação subsequente e substituído por seu filho.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Compton Mackenzie, Eastern Epic, p.136

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre conflitos armados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.