Ito Roque

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ito Roque
Informações pessoais
Nome completo Adilson Roque
Data de nasc. 03 de julho de 1968 (50 anos)
Local de nasc. Araraquara (SP), Brasil
Nacionalidade brasileira
Informações profissionais
Equipa atual Brasil URT
Posição Treinador (ex-atleta)
Clubes de juventude
Brasil Ferroviária
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1990-1992
1992
1993
1994-1997
1997-1999
1999
2000
2001
2001
Brasil União Bandeirante
Brasil Ferroviária
Brasil Independente
Brasil Paulista
Catar Al-Ittihad
Malásia Kuala Lumpur
Brasil Rio Preto
Brasil Taubaté
Brasil São José-SP
Times/Equipas que treinou
2002-2004
2005
2005-2006
2007
2007-2009
2010
2010-2012
2012-2013
2013
2013-2014
2014
2014-2015
2015
2015-2016
2016
2017
2018
2019
2019-
Brasil Ferroviária (assistente técnico)
Brasil CRAC
=Emirados Árabes Unidos Al-Arabi
Brasil Mirassol
Brasil Atlético Sorocaba (categorias de base)
Brasil Canedense
Brasil Penapolense
Brasil Ferroviária
Brasil Mixto
Brasil Rio Preto
Brasil Rio Verde
Brasil Matonense
Brasil Taubaté
Brasil Sertãozinho
Brasil Taubaté
Brasil Villa Nova-MG
Brasil Novorizontino
Brasil Caldense
Brasil URT





Adilson Roque, também conhecido com a alcunha Ito Roque, (3 de julho de 1968, Araraquara) é ex-atleta e treinador de futebol brasileiro. Atualmente está na URT.

História[editar | editar código-fonte]

Jogador[editar | editar código-fonte]

Ito começou no futebol nas categorias de base da Ferroviária, clube da cidade de Araraquara, sua cidade natal. [1] Ito foi profissionalizado em 1990, quando atuou no União Bandeirante. Retornou a Ferroviária em 1992.

Também teve passagens pelo Independente de Limeira, Paulista de Jundiaí, Rio Preto. No Taubaté foi contratado no ano 2000 para a disputa do Campeonato Paulista da Série A-3. [2]

Ainda esteve no futebol do exterior, tendo atuado no Al-Ittihad do Catar e no Kuala Lumpur da Malásia. Ito encerrou a carreira em 2001, quando foi atleta do São José-SP. [3]

Técnico[editar | editar código-fonte]

Ito Roque começou a carreira na parte técnica como assistente da Ferroviária entre os anos de 2002 e 2004. Começou como técnico no CRAC, de Catalão, em 2005. Teve experiência no comando do Al-Arabi, clube dos Emirados Árabes Unidos.

Passou ainda por Mirassol, Atlético Sorocaba e Canedense. Teve ainda a primeira grande conquista na Penapolense, aonde alcançou a fase semifinal da Copa Paulista de 2010 e o título do Campeonato Paulista da Série A-3 de 2011. [4]

Após o trabalho, teve passagem pela Ferroviária e Mixto. No Rio Preto, realizou boa campanha na primeira fase da Série A-3 de 2014, mas com fraco desempenho no quadrangular semifinal, o que impediu de conseguir acesso à Série A-2. [5]

Ainda em 2014 dirigiu o Rio Verde no Campeonato Goiano de Futebol da Segunda Divisão [6]

No final de 2014, assumiu o comando da Matonense, equipe que foi promovida para a disputa da Série A-2 de 2015. [7] Mas os maus resultados e uma sequência de três derrotas consecutivas levou o técnico pedir demissão do clube de Matão em fevereiro. [8]

Mas logo foi contratado pelo Taubaté para a sequência da disputa do Campeonato Paulista da Série A-3. [9] Após 17 partidas, com 11 vitórias, quatro empates e três derrotas, o Burro da Central conquistou o título da competição, ao vencer o Votuporanguense por 4 x 0 no dia 31 de maio na segunda partida da final, após derrota por 3 x 0 na primeira partida da decisão. [10]

No final do mês de setembro, Ito foi contratado pelo Sertãozinho para o comando da equipe que irá disputar o Campeonato Paulista da Série A-3 de 2016. [11]

Em 10 de março de 2016 foi contratado novamente pelo Taubaté.[12]

No dia 02 de outubro de 2018, Ito Roque acertou com a Caldense pra comandar a equipe no Mineiro de 2019.[13] Após a derrota de 2 a 0 ante a Patrocinense, equivalente a 3° rodada do Mineiro, o treinador anunciou e deixou o comando da veterana.[14]

Em 04 de fevereiro de 2019, Ito Roque confirmou o retorno ao Campeonato Mineiro desta vez para comandar a URT, o treinador já havia trabalhado na mesma competição no comando da Caldense na mesma temporada.[15]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Penapolense
Taubaté

Referências

  1. Lucas Belussi (9 de maio de 2011). «Acesso consolidou rápida ascensão do técnico Ito Roque». Jornal Interior. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  2. «Taubaté dispensa oito jogadores para reduzir elenco e despesas do clube». Jornal Folha de S. Paulo. 14 de janeiro de 2000. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  3. Alberto Simões. «Atletas do São José - Letra I». www.albertosimoes.com.br. Consultado em 16 de setembro de 2015. Arquivado do original em 3 de setembro de 2011 
  4. Futebol Interior (23 de maio de 2011). «A3: Ito Roque comemora título e campanha "soberana" do Penapolense». www.futebolinterior.com.br. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  5. Carlos Petrocilo (22 de julho de 2015). «Rio Preto traz atacante de velocidade». Diário da Região. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  6. «Segundona 2014: Rio Verde já tem treinador». Rio Verde Agora. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  7. Felipe Santilho (31 de outubro de 2014). «Matonense contrata técnico araraquarense Ito Roque». Araraquara.com. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  8. Angelo Tedeschi (28 de fevereiro de 2015). «Após 3ª derrota seguida, Ito Roque pede demissão da Matonense». Globo Esporte.com. Consultado em 16 de setembro de 2015 
  9. Marcos Eduardo Carvalho (2 de março de 2015). «Ito Roque é o novo técnico do Taubaté». Jornal O Vale. Consultado em 16 de setembro de 2015. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  10. Marcos Eduardo Carvalho (31 de maio de 2015). «Taubaté goleia e conquista o título da Série A-3 do Paulistão». Jornal O Vale. Consultado em 16 de setembro de 2015. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  11. Fernando Laurenti (24 de setembro de 2015). «CONTRATADO ! - Ito Roque é o novo treinador do Touro para a temporada 2016». Jornal Agora Sertãozinho. Consultado em 13 de outubro de 2015 
  12. «Campeão da A3 em 2015, Ito Roque é o novo técnico do Taubaté para A2». globoesporte.com. Consultado em 10 de março de 2016 
  13. «Caldense anuncia Ito Roque como técnico para o Mineiro 2019». Globoesporte. Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  14. «Após derrota para o Patrocinense, Ito Roque deixa a Caldense e Zezito assume como interino». Globoesporte. Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  15. «Ito Roque é anunciado pela URT para sequência do Campeonato Mineiro». Globoesporte. Consultado em 20 de fevereiro de 2019