Campeonato Mineiro de Futebol de 2019 - Módulo I

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Mineiro de 2019
Campeonato Mineiro Sicoob 2019
Dados
Participantes 12
Organização FMF
Anfitrião  Minas Gerais
Período 19 de janeiro20 de abril
Gol(o)s 194
Partidas 76
Média 2,55 gol(o)s por partida
Campeão Cruzeiro
Vice-campeão Atlético Mineiro
Rebaixado(s) Tupi
Guarani-MG
Melhor marcador Fred (Cruzeiro) – 12 gols
Maiores goleadas
(diferença)
Atlético Mineiro 5–0 Boa Esporte
Estádio IndependênciaBelo Horizonte
20 de janeiro, 1ª rodada
 
Tupynambás 0–5 Boa Esporte
Estádio Mario HelênioJuiz de Fora
26 de janeiro, 3ª rodada
 
América Mineiro 5–0 Tupi
Estádio IndependênciaBelo Horizonte
27 de janeiro, 3ª rodada
 
Cruzeiro 5–0 Patrocinense
Estádio MineirãoBelo Horizonte
23 de março, Quartas de final
 
Atlético Mineiro 5–0 Boa Esporte
Estádio MineirãoBelo Horizonte
7 de abril, Semifinal
◄◄ Minas Gerais Módulo I de 2018 Soccerball.svg Módulo I de 2020 Minas Gerais ►►

O Campeonato Mineiro de Futebol de 2019 - Módulo I, oficialmente denominado como Campeonato Mineiro Sicoob 2019, foi a 105.ª edição do campeonato estadual de Minas Gerais equivalente à elite. O torneio contou com a participação de 12 equipes e foi realizado entre os dias 19 de janeiro e 20 de abril.

Regulamento[editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

O Módulo I foi disputado por doze clubes em turno único. Todos os times jogaram entre si uma única vez. Ao fim das onze rodadas, os oito primeiros colocados avançaram para a fase final, enquanto os dois últimos serão rebaixados para o Módulo II de 2020.[1][2]

O campeonato também indicou os representantes do estado de Minas Gerais para o Campeonato Brasileiro da Série D de 2020. Os três melhores times que não estejam disputando a Série A, a Série B ou a Série C ganharam as vagas, ou seja, seis equipes estarão disputando as três vagas no brasileiro da quarta divisão. Os três primeiros colocados na classificação geral disputarão a Copa do Brasil de 2020.

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Caso haja empate de pontos entre dois clubes, os critérios de desempates serão aplicados na seguinte ordem:

  1. Número de vitórias
  2. Saldo de gols
  3. Gols marcados
  4. Confronto direto
  5. Número de cartões vermelhos
  6. Número de cartões amarelos
  7. Sorteio público na sede da FMF

Fase final[editar | editar código-fonte]

Será disputada uma fase eliminatória (conhecida como "mata-mata", com quartas-finais, semifinais e final), com confrontos de ida nas quartas finais e em ida e volta nas demais fases. O time de melhor campanha terá a vantagem de jogar em casa nas quartas de finais e também decide se terá o mando de campo no primeiro ou segundo jogo das fases subsequentes. O chaveamento é dado da seguinte forma: 1° melhor colocado x 8° melhor colocado, 2° melhor colocado x 7° melhor colocado, 3° melhor colocado x 6° melhor colocado e 4° melhor colocado x 5° melhor colocado.

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Quartas de final

  1. Saldo de gols
  2. Penalidades

Semifinal e Final

  1. Saldo de gols
  2. Melhor campanha na primeira fase

Obs: o time de melhor campanha sempre decide em casa e joga com a vantagem de dois empates ou uma vitória e uma derrota pela mesma diferença de gols.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Equipe Cidade Em 2018 Estádio Capacidade Títulos
América Futebol Clube Belo Horizonte Independência 23.019 16 (último em 2016)
Boa Esporte Clube Varginha Melão 15.471 0
Clube Atlético Mineiro Belo Horizonte Independência 23.019 43 (último em 2017)
Associação Atlética Caldense Poços de Caldas Ronaldão 7.600 1 (2002)
Cruzeiro Esporte Clube Belo Horizonte Mineirão 61.846 37 (último em 2018)
Guarani Esporte Clube Divinópolis (II) Farião 4.181 0
Tombense Futebol Clube Bandeira de tombos.jpg Tombos Almeidão 3.050 0
Clube Atlético Patrocinense Patrocínio Patrocínio Pedro Alves 10.250 0
Tupi Football Club Juiz de Fora Mario Helênio 31.863 0
Tupynambás Futebol Clube Juiz de Fora (II) Mario Helênio 31.863 0
União Recreativa dos Trabalhadores Patos de Minas Zama Maciel 4.858 0
Villa Nova Atlético Clube Bandeira de Nova Lima.gif Nova Lima 10º Castor Cifuentes 5.170 5 (último em 1951)

Estádios[editar | editar código-fonte]

América Mineiro Atlético Mineiro Boa Esporte Caldense
Independência Independência Melão Ronaldão
Capacidade: 23 019 Capacidade: 23 019 Capacidade: 15 071 Capacidade: 7 600
Independência-AtléticoxGoiás(2).jpg Independência-AtléticoxGoiás(2).jpg Boa Ec Melão.jpg Estádio Dr. Ronaldo Junqueira.jpg
Cruzeiro
Localização dos times no estado.
Guarani-MG
Mineirão Farião
Capacidade: 61 846 Capacidade: 4 181
Mineirao Stadium.jpg
Tombense Patrocinense
Antônio Guimarães de Almeida Pedro Alves do Nascimento
Capacidade: 3 050 Capacidade: 10 250
Estádio Antônio Guimarães de Almeida.jpg
Tupi Tupynambás URT Villa Nova
Mario Helênio - Juiz de Fora Mario Helênio- Juiz de Fora Zama Maciel Castor Cifuentes
Capacidade: 35.000 Capacidade: 35.000 Capacidade: 4 858 Capacidade: 5 170
Arquibancada do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio (vista de uma bilheteria).jpg Arquibancada do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio (vista de uma bilheteria).jpg Estádio Zama Maciel.png

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG % DF Classificação ou rebaixamento
1 Bandeira de Belo Horizonte.svg Atlético Mineiro 28 11 9 1 1 24 6 +18 84.8 Estável Classificados à fase final
2 Bandeira de Belo Horizonte.svg Cruzeiro 25 11 7 4 0 22 5 +17 75.8 Estável
3 Bandeira de Belo Horizonte.svg América Mineiro 22 11 6 4 1 22 9 +13 66.7 Estável
4 Bandeira de Varginha (Minas Gerais).jpg Boa Esporte 18 11 5 3 3 21 16 +5 54.5 Estável
5 Bandeira de tombos.jpg Tombense 13 11 3 4 4 11 11 0 39.4 Aumento4
6 Bandeirapocos.png Caldense 13 11 3 4 4 11 12 –1 39.4 Baixa1
7 BandeiraPatrocinioMgBr.png Patrocinense 12 11 3 3 5 10 13 –3 36.4 Baixa1
8 Bandeira de Juiz de Fora.svg Tupynambás 11 11 3 2 6 10 18 –8 33.3 Baixa1
9 Bandeira de Nova Lima.gif Villa Nova 11 11 3 2 6 9 21 –12 33.3 Baixa1
10 Flag of Patos de Minas MG.png URT 10 11 2 4 5 9 16 –7 30.3 Aumento1
11 Bandeira de divinópolis.svg Guarani-MG 10 11 1 7 3 8 13 –5 30.3 Baixa1 Rebaixados para o Módulo II de 2020
12 Bandeira de Juiz de Fora.svg Tupi 4 11 0 4 7 6 23 –17 12.1 Estável

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Rodadas na liderança[editar | editar código-fonte]

Clubes que lideraram o campeonato ao final de cada rodada:

Rodadas
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11
ATM TFC AMM ATM

Rodadas na lanterna[editar | editar código-fonte]

Clubes que ficaram na última posição do campeonato ao final de cada rodada:

Rodadas
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11
BOA VIL URT TUP

Fase final[editar | editar código-fonte]

Em itálico, as equipes que jogarão pelo empate no resultado agregado, por ter melhor campanha na fase de grupos ou mandante nas quartas-finais. Em negrito as equipes que avançaram de fase.

Quartas-de-final Semifinais Final
 23 a 25 de março  30 de março a 7 de abril  14 e 20 de abril
                                 
 Bandeira de Belo Horizonte.svg América Mineiro 2  
 Bandeirapocos.png Caldense 0  
   Bandeira de Belo Horizonte.svg América Mineiro 2 0 2  
   Bandeira de Belo Horizonte.svg Cruzeiro 3 3 6  
 Bandeira de Belo Horizonte.svg Cruzeiro 5
 BandeiraPatrocinioMgBr.png Patrocinense 0  
   Bandeira de Belo Horizonte.svg Cruzeiro 2 1 3
   Bandeira de Belo Horizonte.svg Atlético Mineiro 1 1 2
 Bandeira de Varginha (Minas Gerais).jpg Boa Esporte (pen) 1 (3)  
 Bandeira de tombos.jpg Tombense 1 (0)  
   Bandeira de Varginha (Minas Gerais).jpg Boa Esporte 0 0 0
   Bandeira de Belo Horizonte.svg Atlético Mineiro 0 5 5
 Bandeira de Belo Horizonte.svg Atlético Mineiro 3
 Bandeira de Juiz de Fora.svg Tupynambás 1

Premiação[editar | editar código-fonte]

Campeonato Mineiro de 2019
Belo Horizonte
Cruzeiro
Campeão
(39º título)

Campeão do Interior[editar | editar código-fonte]

Campeonato Mineiro do Interior de 2019
Varginha
Boa Esporte
Campeão
(3º título)

Artilharia[editar | editar código-fonte]

Hat-tricks[editar | editar código-fonte]

Jogador Clube Adversário Placar Data Ref.
Brasil Ricardo Oliveira Atlético Mineiro Boa Esporte 5–0 20 de janeiro [3]
Brasil Fred Cruzeiro América Mineiro 3–2 31 de março [4]

Classificação Geral[editar | editar código-fonte]

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG % Classificação ou rebaixamento
Bandeira de Belo Horizonte.svg Cruzeiro 38 16 11 5 0 36 9 +27 79.1 Campeão e classificado para a Copa do Brasil 2020
Bandeira de Belo Horizonte.svg Atlético Mineiro 36 16 11 3 2 34 9 +25 75.0 Vice-campeão e classificado para a Copa do Brasil 2020
Bandeira de Belo Horizonte.svg América Mineiro 25 14 7 4 3 26 15 +11 59.5 Eliminados nas semifinais e classificados para a Copa do Brasil 2020
Bandeira de Varginha (Minas Gerais).jpg Boa Esporte 20 14 5 5 4 22 22 0 47.6
Bandeira de tombos.jpg Tombense 14 12 3 5 4 12 12 0 38.8 Eliminado nas quartas-de-final
Bandeirapocos.png Caldense 13 12 3 4 5 11 14 –3 36.1 Eliminados nas quartas-de-final e classificados à Série D 2020
BandeiraPatrocinioMgBr.png Patrocinense 12 12 3 3 6 10 18 –8 33.3
Bandeira de Juiz de Fora.svg Tupynambás 11 12 3 2 7 11 21 –10 30.5
9 Bandeira de Nova Lima.gif Villa Nova 11 11 3 2 6 9 21 –12 33.3 Módulo I de 2020
10 Flag of Patos de Minas MG.png URT 10 11 2 4 5 9 16 –7 30.3
11 Bandeira de divinópolis.svg Guarani-MG 10 11 1 7 3 8 13 –5 30.3 Rebaixados para o Módulo II de 2020
12 Bandeira de Juiz de Fora.svg Tupi 4 11 0 4 7 6 23 –17 12.1

Referências

  1. «Campeonato Mineiro - Módulo I: Regulamento» (PDF). FMF. Consultado em 30 de novembro de 2015 
  2. Superesportes (30 de outubro de 2018). «Em votação na FMF, clubes alteram formato de disputa do Campeonato Mineiro de 2019». Superesportes 
  3. «Ricardo Oliveira anota hat-trick e Atlético estreia no Mineiro goleando o Boa Esporte». ESPN. 20 de janeiro de 2019. Consultado em 14 de abril de 2019 
  4. «Com três de Fred, Cruzeiro bate América-MG». Terra. 31 de março de 2019. Consultado em 14 de abril de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]