Campeonato Brasileiro de Futebol de 2019 - Série C

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Current event marker.png
Este artigo ou seção é sobre um evento desportivo que ainda não ocorreu.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis.
Sports icon.png
Campeonato Brasileiro de 2019 - Série C
Brasileirão 2019 - Série C
Dados
Participantes 20
Organização CBF
Período 27 de abrilsetembro
◄◄ 2018 Soccerball.svg 2020 ►►
atualizado em 3 de dezembro

A Série C do Campeonato Brasileiro de Futebol de 2019 será uma competição equivalente à terceira divisão do futebol do Brasil. Contando como a 30ª edição da história, será disputada por 20 clubes, onde os quatro mais bem colocados ganharão acesso à Série B de 2020 e os dois últimos colocados de cada grupo na primeira fase serão rebaixados à Série D de 2020.

Formato e regulamento[editar | editar código-fonte]

A edição de 2019 mantém o formato em vigor desde 2012. A competição será disputada por 20 clubes, divididos em dois grupos: Grupo A e Grupo B. Em cada grupo, os times se enfrentam duas vezes – jogos de ida e volta – totalizando 18 rodadas, com os quatro melhores de cada grupo avançando para a fase eliminatória. As duas piores equipes de cada grupo serão rebaixadas para a Série D de 2020. Por outro lado, os quatro semifinalistas estarão automaticamente garantidos na Série B de 2020. Na edição de 2018 não houve o critério do gol marcado fora de casa como critério de desempate nos confrontos de eliminatórios (a partir das quartas de final).[1] Provavelmente também não haverá na edição de 2019.

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

Caso haja empate de pontos entre dois ou mais clubes, os critérios de desempate serão aplicados na seguinte ordem:

  1. Número de vitórias
  2. Saldo de gols
  3. Gols marcados
  4. Confronto direto
  5. Número de cartões vermelhos
  6. Número de cartões amarelos
  7. Sorteio

Participantes[editar | editar código-fonte]

Equipe Cidade Estado Em 2018 Estádio (mando) Capacidade[2] Títulos
ABC Natal Rio Grande do Norte RN 15º Frasqueirão 15 082 1 (2010)
Atlético Acreano Rio Branco Acre AC Florestão 10 000 0 (não possui)
Boa Esporte Varginha Minas Gerais MG 20º (Série B) Melão 15 471 1 (2016)
Botafogo-PB João Pessoa Paraíba PB Almeidão (PB) 19 000 0 (não possui)
Confiança Aracaju Sergipe SE 10º Batistão 15 586 0 (não possui)
Ferroviário Fortaleza Ceará CE 1º (Série D) Presidente Vargas (CE) 20 166 0 (não possui)
Globo Ceará-Mirim Rio Grande do Norte RN 14º Barretão 10 068 0 (não possui)
Imperatriz Imperatriz Maranhão MA 4º (Série D) Frei Epifânio 10 000 0 (não possui)
Juventude Caxias do Sul Rio Grande do Sul RS 19º (Série B) Alfredo Jaconi 19 924 0 (não possui)
Luverdense Lucas do Rio Verde Mato Grosso MT Passo das Emas 10 000 0 (não possui)
Náutico Recife Pernambuco PE Aflitos 22 856 0 (não possui)
Paysandu Belém Pará PA 17º (Série B) Curuzu 16 200 0 (não possui)
Remo Belém Pará PA 13º Mangueirão 45 007 1 (2005)
Sampaio Corrêa São Luís Maranhão MA 18º (Série B) Castelão 40 149 1 (1997)
Santa Cruz Recife Pernambuco PE Arruda 60 044 1 (2013)
São José-RS Porto Alegre Rio Grande do Sul RS 3º (Série D) Passo d'Areia 14 000 0 (não possui)
Tombense Tombos Minas Gerais MG 11º Almeidão (MG) 3 050 0 (não possui)
Treze Campina Grande Paraíba PB 2º (Série D) Presidente Vargas (PB) 12 000 0 (não possui)
Volta Redonda Volta Redonda Rio de Janeiro RJ 16º Raulino de Oliveira 20 255 0 (não possui)
Ypiranga de Erechim Erechim Rio Grande do Sul RS 12º Colosso da Lagoa 22 000 0 (não possui)

Estádios[editar | editar código-fonte]

ABC Atlético Acreano Boa Esporte Botafogo-PB Confiança Ferroviário
Frasqueirão Florestão Melão Almeidão (PB) Batistão Presidente Vargas
Capacidade: 15 082 Capacidade: 10 000 Capacidade: 15 471 Capacidade: 39 000 Capacidade: 15 586 Capacidade: 20 166
Estádio Frasqueirão em Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.png Andirá e Atlético (25963127325).jpg Boa Ec Melão.jpg Botxtre.jpg Estádio Estadual Lourival Baptista.jpg Presidente Vargas Stadium (3).jpg
Globo
Imperatriz
Barretão Frei Epifânio
Capacidade: 10 068 Capacidade: 12 500
Estádio Manoel Dantas Barretto.jpg Estadio Municipal Frei Epifanio.jpg
Juventude Luverdense
Alfredo Jaconi Passo das Emas
Capacidade: 19 924 Capacidade: 10 000
EstadioAlfredoJaconi22.jpg Verdao -Cuiaba - August 2009.jpg
Náutico Paysandu
Aflitos Curuzu
Capacidade: 22 856 Capacidade: 16 200
Estádio dos Aflitos.jpg Estádio da curuzu cheio.jpg
Remo Sampaio Corrêa
Mangueirão Castelão
Capacidade: 45 007 Capacidade: 40 149
Estádio Olímpico - Pará.jpg Estádio Castelão em São Luís, Maranhão, Brasil.jpg
Santa Cruz São José-RS Tombense Treze Volta Redonda Ypiranga de Erechim
Arruda Passo d'Areia Almeidão (MG) Presidente Vargas Raulino de Oliveira Colosso da Lagoa
Capacidade: 60 044 Capacidade: 14 000 Capacidade: 3 050 Capacidade: 12 000 Capacidade: 20 255 Capacidade: 22 000
Estádio do Arruda em Recife.jpg Estádio Antônio Guimarães de Almeida.jpg Estádio General Sylvio Raulino de Oliveira.jpeg Colosso-2-1-600x300.jpg

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Grupo A[editar | editar código-fonte]

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG Classificação ou rebaixamento
1 Rio Grande do Norte ABC 0 0 0 0 0 0 0 0 Zona de classificação à próxima fase
2 Paraíba Botafogo-PB 0 0 0 0 0 0 0 0
3 Sergipe Confiança 0 0 0 0 0 0 0 0
4 Ceará Ferroviário 0 0 0 0 0 0 0 0
5 Rio Grande do Norte Globo 0 0 0 0 0 0 0 0
6 Maranhão Imperatriz 0 0 0 0 0 0 0 0
7 Pernambuco Náutico 0 0 0 0 0 0 0 0
8 Maranhão Sampaio Corrêa 0 0 0 0 0 0 0 0
9 Pernambuco Santa Cruz 0 0 0 0 0 0 0 0 Zona de rebaixamento à Série D de 2020
10 Paraíba Treze 0 0 0 0 0 0 0 0

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Resultados do grupo A
  ABC BOT CON FAC GLO IMP NAU SAM STC TRE
ABC R-4 R-12 R-6 R-9 R-7 R-1 R-17 R-14 R-11
Botafogo-PB R-13 R-15 R-1 R-7 R-5 R-17 R-11 R-3 R-9
Confiança R-3 R-6 R-9 R-11 R-13 R-5 R-1 R-16 R-17
Ferroviário R-15 R-10 R-18 R-4 R-8 R-12 R-14 R-2 R-7
Globo R-18 R-16 R-2 R-13 R-10 R-15 R-3 R-8 R-5
Imperatriz R-16 R-14 R-4 R-17 R-1 R-11 R-9 R-6 R-3
Náutico R-10 R-8 R-14 R-3 R-6 R-2 R-16 R-18 R-13
Sampaio Corrêa R-8 R-2 R-10 R-5 R-12 R-18 R-7 R-13 R-15
Santa Cruz R-5 R-12 R-7 R-11 R-17 R-15 R-9 R-4 R-1
Treze R-2 R-18 R-8 R-16 R-14 R-12 R-4 R-6 R-10

Grupo B[editar | editar código-fonte]

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG Classificação ou rebaixamento
1 Acre Atlético Acreano 0 0 0 0 0 0 0 0 Zona de classificação à próxima fase
2 Minas Gerais Boa Esporte 0 0 0 0 0 0 0 0
3 Rio Grande do Sul Juventude 0 0 0 0 0 0 0 0
4 Mato Grosso Luverdense 0 0 0 0 0 0 0 0
5 Pará Paysandu 0 0 0 0 0 0 0 0
6 Pará Remo 0 0 0 0 0 0 0 0
7 Rio Grande do Sul São José-RS 0 0 0 0 0 0 0 0
8 Minas Gerais Tombense 0 0 0 0 0 0 0 0
9 Rio de Janeiro Volta Redonda 0 0 0 0 0 0 0 0 Zona de rebaixamento à Série D de 2020
10 Rio Grande do Sul Ypiranga de Erechim 0 0 0 0 0 0 0 0

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Resultados do grupo B
  AAC BOA JUV LUV PAY REM SJO TOM VRE YPI
Atlético-AC R-12 R-15 R-18 R-7 R-14 R-4 R-8 R-10 R-2
Boa Esporte R-3 R-13 R-15 R-5 R-10 R-16 R-18 R-2 R-8
Juventude R-6 R-4 R-10 R-12 R-2 R-14 R-16 R-8 R-18
Luverdense R-9 R-6 R-1 R-17 R-3 R-11 R-13 R-5 R-16
Paysandu R-16 R-14 R-3 R-8 R-18 R-6 R-2 R-13 R-10
Remo R-5 R-1 R-11 R-12 R-9 R-17 R-15 R-7 R-4
São José-RS R-13 R-7 R-5 R-2 R-15 R-8 R-10 R-18 R-12
Tombense R-17 R-9 R-7 R-4 R-11 R-6 R-1 R-12 R-14
Volta Redonda R-1 R-11 R-17 R-14 R-13 R-16 R-9 R-3 R-6
Ypiranga-RS R-11 R-17 R-9 R-7 R-1 R-13 R-3 R-5 R-15

Desempenho por rodada[editar | editar código-fonte]

Clubes que lideraram o campeonato ao final de cada rodada:

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
Grupo A
Grupo B

Clubes que ficaram na última posição do campeonato ao final de cada rodada:

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
Grupo A
Grupo B

Fase final[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Resultados da fase final
Quartas de final Semifinais Final
        
                                     
          
          
            
            
        
          
          
          
          
          
          
          
        
        

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

Notas

Referências

  1. «Série C: Conselho define fim do gol qualificado». CBF. 5 de fevereiro de 2018. Consultado em 10 de fevereiro de 2018 
  2. «CNEF Cadastro Nacional de Estádios de Futebol» (PDF). CBF. 18 de janeiro de 2016. Consultado em 12 de novembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]