Jogos Olímpicos de Verão de 1956

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: "Jogos Olímpicos de 1956" redireciona para este artigo. Para os Jogos de Inverno sediados em Cortina d'Ampezzo, veja Jogos Olímpicos de Inverno de 1956.
Jogos da XVI Olimpíada
Melbourne 1956
1956-melbourne.jpg
Dados
Países participantes 72 CONs
Sede Melbourne /
Estocolmo
País anfitrião  Austrália /
 Suécia
Atletas 3 314
Eventos 145 em 17 esportes
Cerimônia de abertura 22 de novembro
Cerimônia de encerramento 8 de dezembro
Abertura oficial Filipe, Duque de Edimburgo
Juramento do atleta John Landy
Tocha Ron Clarke
Estádio principal Melbourne Cricket Ground
◄◄ Helsinque 1952 Olympic rings without rims.svg Roma 1960 ►►

Jogos Olímpicos de Verão de 1956 (em inglês: 1956 Summer Olympics), conhecidos oficialmente como os Jogos da XVI Olimpíada foram os primeiros Jogos Olímpicos a finalmente atravessarem a linha do Equador e instalarem-se no Hemisfério Sul, mais precisamente no Melbourne Cricket Ground, na cidade de Melbourne, capital do estado de Vitória, Austrália, que foi eleita cidade-sede por apenas um voto de diferença, entre os dias 22 de novembro a 8 de dezembro, com a participação de 72 nações, representadas por 3 314 atletas, sendo 376 mulheres.

Pela primeira vez uma das modalidades esportivas dos Jogos não foram realizadas nem na cidade nem no país anfitrião, com o hipismo sendo transferido para Estocolmo, Suécia, e disputado cinco meses antes de Melbourne, graças as severas leis australianas relativas à quarentena de animais que impediam a entrada de cavalos estrangeiros no país.

Pela primeira vez, a política internacional se tornou protagonista dos Jogos. A Guerra Fria, no seu início, foi responsável pelos primeiros boicotes e desistências dos Jogos Olímpicos. Posteriormente seus reflexos seriam sentidos em todas as edições até o final do século XX. A invasão da Hungria por tropas soviéticas naquele ano causou a desistência da Espanha, Países Baixos e Suíça. Os egípcios, os iraquianos e libaneses boicotaram o evento em protesto pela presença anglo-francesa, então intervindo com tropas na questão do Canal de Suez. Além disso, uma discussão incontornável entre China e Taiwan fez com que a primeira se recusasse a comparecer devido à presença da segunda, num conflito que demoraria 28 anos para ser resolvido. Apesar dos boicotes, algumas dessas nações participaram das competições equestres em Estocolmo.

Processo de candidatura[editar | editar código-fonte]

Melbourne foi escolhida como cidade-sede da XVI Olimpíada durante a 43ª sessão do Comitê Olímpico Internacional, realizada em 28 de abril de 1949 em Roma, Itália, superando as candidaturas de Buenos Aires, Cidade do México, e mais 6 candidaturas de cidades dos Estados Unidos: Los Angeles, Detroit, Chicago, Filadélfia, São Francisco e uma candidatura conjunta de St. Paul/Minneapolis.

Resultados da eleição da cidade-sede dos Jogos da XVI Olimpíada[1]
Cidade CON Rodada 1 Rodada 2 Rodada 3 Rodada 4
Melbourne  Austrália 14 18 19 21
Buenos Aires  Argentina 9 12 13 20
Los Angeles  United States 5 4 5 -
Detroit  United States 2 4 4 -
Cidade do México  Mexico 9 3 - -
Chicago  United States 1 - - -
Saint Paul-Minneapolis  United States 1 - - -
Filadélfia  United States 1 - - -
São Francisco  United States - - - -

Fatos e destaques[editar | editar código-fonte]

  • A rainha destes Jogos, para delírio dos anfitriões, foi a australiana Betty Cuthbert, de dezoito anos, apelidada "Golden Girl" e campeã olímpica nos 100 m, 200 m e 4x100 metros no atletismo.
  • Os alemães ocidentais e orientais participaram juntos num time misto, assim como o fariam nos próximos dois eventos.
  • A nadadora Dawn Fraser brilhou nas piscinas liderando a equipe australiana na vitória do revezamento 4x100 m e conquistando o ouro nos 100 m nado livre.
  • A situação na Hungria, com a invasão soviética do país, causou uma das maiores batalhas campais da história dos Jogos, quando as equipes de polo aquático dos dois países se enfrentaram na competição; após a pancadaria entre atletas e dirigentes dentro e fora da piscina os húngaros venceram o jogo e conquistaram mais tarde a medalha de ouro] Esta ocupação da Hungria fez com que os atletas húngaros fossem apoiados por muitos fãs na sua estadia na Austrália e muitos deles torceram por László Papp, que se tornou o primeiro boxeador tricampeão olímpico. Vários deles, entretanto, decidiram não voltar ao país natal depois dos Jogos e pediram asilo no Ocidente.
  • Em Melbourne, o Comitê Olímpico Internacional acolheu a sugestão de um jovem carpinteiro chinês vivendo no país, chamado John Wing, e estabeleceu que o desfile da festa de encerramento dali em diante deveria ser feito com todos os atletas misturados, simbolizando a união dos povos, ao invés da antiga parada feita ao fim da festa, igual à cerimônia de abertura.

Modalidades disputadas[editar | editar código-fonte]

Países participantes[editar | editar código-fonte]

Participantes dos Jogos Olímpicos em 1956, com as nações estreantes em azul e as que estiveram apenas em Estocolmo em verde escuro

Atletas de 67 Comitês Olímpicos Nacionais foram representadas em Melbourne. Bornéu do Norte (atual Estado de Sabá, na Malásia), Etiópia, Fiji, Libéria, Federação Malaia, Quênia e Uganda competiram pela primeira vez em Olimpíadas.

Competidores da Alemanha Oriental e da Alemanha Ocidental formaram uma única delegação chamada "Equipe Alemã Unida", no que se manteria até 1968. Pela primeira vez a República da China foi representada apenas pela ilha de Taiwan, o que levou ao boicote da República Popular da China.

Cinco CONs competiram apenas nos eventos equestres em Estocolmo, mas não enviaram atletas para Melbourne. Egito, Iraque e Líbano não competiram em Melbourne devido a Crise de Suez, enquanto Camboja (estreando em Jogos Olímpicos), Espanha, Países Baixos e Suíça boicotaram as disputas na Austrália em protesto contra a invasão soviética na Hungria.[2][3][4]

Na lista abaixo, o número entre parênteses indica o número de atletas por cada nação nos Jogos:

Os seguintes CONs participaram apenas das competições de hipismo, em Estocolmo:

Quadro de medalhas[editar | editar código-fonte]

 Ordem  País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze GoldSilverBronze medals.svg
1 União SoviéticaURS União Soviética 37 29 32 98
2 Estados UnidosUSA Estados Unidos 32 25 17 74
3 AustráliaAUS Austrália 13 8 14 35
4 HungriaHUN Hungria 9 10 7 26
5 ItáliaITA Itália 8 8 9 25
6 SuéciaSWE Suécia 8 5 6 19
7 Equipe Alemã UnidaEUA Equipe Alemã Unida 6 13 7 26
8 Grã-BretanhaGBR Grã-Bretanha 6 7 11 24
9 RomêniaROU Romênia 5 3 5 13
10 JapãoJPN Japão 4 10 5 19
24 BrasilBRA Brasil 1     1

Referências

  1. aldaver.com. «INTERNATIONAL OLYMPIC COMMITTEE VOTE HISTORY» (em inglês). Consultado em 6 de outubro de 2009 
  2. «Melbourne – Stockholm 1956: (ALL FACTS)» (em inglês). COI. 24 de abril de 2018. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  3. «Melbourne – Stockholm 1956: (ALL FACTS)» (em inglês). COI. 24 de abril de 2018. Consultado em 28 de setembro de 2022 
  4. «Factbox: Past boycotts and cancellations» (em inglês). Reuters. 23 de março de 2020. Consultado em 30 de setembro de 2022