Desporto olímpico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Os desportos olímpicos (português europeu) ou esportes olímpicos (português brasileiro) compreendem todos os esportes já disputados nos Jogos Olímpicos de Verão e de Inverno. Até 2008, havia 26 esportes, 36 disciplinas e cerca de 300 eventos no programa dos Jogos de Verão e 7 esportes, 15 disciplinas e cerca de 80 eventos nos Jogos de Inverno.[1]

Esportes, modalidades e eventos[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de desportos olímpicos

Para efeito de competição olímpica, o Comitê Olímpico Internacional (COI) faz uma distinção entre "esporte" e "modalidade". Um esporte, nos termos olímpicos, é uma modalidade ou um conjunto de modalidades representado por uma Federação Internacional. Por exemplo, os desportos aquáticos, representados nos Jogos Olímpicos pela Federação Internacional de Natação, são modalidades dos Jogos Olímpicos de Verão que incluem natação, saltos ornamentais, nado sincronizado e polo aquático.[2] Patinação, representada pela União Internacional de Patinação, é um esporte dos Jogos de Inverno que inclui patinação artística, patinação de velocidade em pista longa e patinação de velocidade em pista curta.[3]

As medalhas são concedidas por evento; pode haver um ou mais eventos por esporte ou disciplina. De fato, com a retirada do beisebol e do softbol dos Jogos de Verão, toda modalidade/disciplina olímpica tem pelo menos dois eventos.

Durante o século XX, esportes de demonstração foram incluídos nos Jogos, geralmente para promover um esporte não-olímpico popular no país sede, ou para testar o interesse e o apoio de determinado esporte.[4] Alguns esportes, como o curling, foram posteriormente adicionados ao programa oficial. Isso mudou quando o COI decidiu, em 1989, eliminar esportes de demonstração dos Jogos a partir de 1992.[5] Apesar de esportes de demonstração não serem incluídos desde então, como alternativa o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Verão de 2008 recebeu permissão para organizar um torneio de Wushu durante os Jogos.[6]

Mudanças[editar | editar código-fonte]

Curling virou esporte olímpico em Nagano 1998.

Um esporte é incluído no programa dos Jogos se o COI determina que ele é largamente praticado ao redor do mundo, ou seja, o número de países que competem reflete a popularidade do esporte. Os requisitos do COI também refletem a participação do esporte no mundo - são mais estritos para homens (que representam a maior parte dos atletas) e para esportes de verão (já que mais nações participam dos Jogos de Verão). Os esportes também não devem contar com propulsão mecânica (embora tenha havido uma competição de motonáutica nos Jogos de Londres 1908).[7]

Edições anteriores dos Jogos incluíram esportes que não fazem parte do programa atual, como polo e cabo de guerra.[8] Esses esportes, conhecidos como "esportes descontinuados", foram mais tarde removidos tanto por causa da queda do interesse quanto pela falta de federação internacional.

Em 11 de julho de 2005, o COI votou por retirar beisebol e softbol do programa dos Jogos Olímpicos de Verão de 2012, em Londres[9], uma decisão que foi confirmada em 9 de fevereiro de 2006.[10] Em 2009, o golfe e o rugby (na versão Sevens) foram indicados pelo Comitê Executivo do COI para integrar o programa a partir dos Jogos de 2016.[11] A decisão final foi tomada no Congresso Olímpico em 9 de outubro de 2009 em Copenhagen, com a aprovação das novas modalidades.[12]

Esportes reconhecidos[editar | editar código-fonte]

Muitos esportes não são incluídos no programa olímpico, mas são reconhecidos pelo COI.[13] A qualquer momento, um esporte reconhecido pode ser adicionado no programa dos próximos Jogos através de uma recomendação da Comissão de Programa Olímpico do COI seguida de uma votação da Assembleia do COI.[4] Esportes reconhecidos não fazem parte da agenda dos Jogos Olímpicos, sendo parte da agenda dos Jogos Mundiais.

São esportes reconhecidos pelo COI:[13]

Jogos Olímpicos de Verão[editar | editar código-fonte]

Nos primeiros Jogos, nove esportes foram disputados.[15] Desde então, o número de esportes disputados aumentou gradativamente até o nível de 28 no programa de 2000-2008. Em 2012 o número caiu para 26, voltando a subir em 2016.[10]

Para um esporte ser incluído no programa olímpico dos Jogos de Verão (mas não necessariamente ser disputado nos Jogos), precisa ser praticado por pelo menos 70 países (50 no caso de esportes femininos) em pelo menos quatro continentes.[16]

Programa atual[editar | editar código-fonte]

Os seguintes esportes farão parte do programa dos Jogos Olímpicos de Verão de 2016.[17]

Esportes descontinuados[editar | editar código-fonte]

Os seguintes esportes já fizeram parte do programa olímpico, mas não estão no programa atual.[8]

Esportes de demonstração[editar | editar código-fonte]

Os esportes a seguir já foram disputados como demonstração, mas nunca fizeram parte do programa oficial:

Jogos de Inverno[editar | editar código-fonte]

Antes de 1924, quando os primeiros Jogos de Inverno foram realizados, esportes praticados no gelo, como patinação artística e hóquei fizeram parte dos Jogos de Verão.[18] Esses dois esportes fizeram suas estreias em 1908 e 1920, respectivamente, mas foram permanentemente integrados ao programa dos Jogos de Inverno logo em sua primeira edição.[19] A Semana Internacional dos Esportes de Inverno, posteriormente batizada de I Jogos Olímpicos de Inverno e reconhecida pelo COI, consistiu de nove esportes. Desde então, o número de esportes nos Jogos de Inverno foi caindo até alcançar os atuais sete esportes, com suas quinze modalidades.[20]

Um esporte (ou disciplina) precisa ser largamente praticado em pelo menos 25 países de três continentes para fazer parte do programa olímpico.

Programa atual[editar | editar código-fonte]

Os seguintes esportes farão parte do programa dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014.[21]

Esportes de demonstração[editar | editar código-fonte]

Os esportes a seguir já foram disputados como demonstração, mas nunca fizeram parte do programa oficial:

A patrulha militar foi um evento oficial do esqui nos Jogos de 1924, mas o COI atualmente o considera evento do biatlo naqueles Jogos, e não um esporte separado. Esqui acrobático, da mesma forma, foi um evento de demonstração fora do programa do esqui estilo livre.

Olimpíadas da Juventude[editar | editar código-fonte]

Os Jogos Olímpicos da Juventude usam essencialmente os mesmos esportes da versão sénior, mas com ajustes.[22] Os esportes podem ser adaptados às infraestruturas de cada cidade-sede.[23] Nos de Verão, o nado sincronizado, o pólo aquático e o voleibol de praia não foram disputados.[24][25][26] Há igualmente alterações dentro de cada esporte, como no basquetebol, que usa o formato 3x3; ou no pentatlo, que elimina a parte de hipismo.[26] enquanto o atletismo tem algumas modificações, como a distância menor da marcha atlética ou a ausência da maratona.[27][28] Em 2018 serão estreadas as modalidades BMX freestyle, handebol de praia e kitesurf.[29]

Nos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude, o hóquei, por exemplo, não tem só os eventos de rapazes e moças, como também um evento individual de habilidades.[30][31] Na segunda edição, em 2016, o curling será disputado apenas por equipes mistas.[31] Já no luge, na patinação artística e na patinação de velocidade existem eventos em que participam equipas de CON's mistos que permitem a atletas de vários países competir na mesma equipa. O esqui alpino e o esqui cross-country têm eventos nos quais rapazes e moças competem em equipas de género misto.[31][32]

Lista dos esportes de Verão[editar | editar código-fonte]

Esta lista está conforme os esportes praticados nas Olimpíadas de Verão da Juventude de 2014, e contando com as novidades de 2018.[25][29][33]

Nota 1: Na modalidade 3 por 3 (3-on-3);

Nota 2: Existem provas combinadas de BMX, ciclismo de montanha e ciclismo de estrada; em 2018 estreia do BMX freestyle;

Nota 3: Ginástica artística, ginástica rítmica e ginástica de trampolim.

Lista dos esportes de Inverno[editar | editar código-fonte]

Esta lista inclui os esportes previstos para as Olimpíadas de Inverno da Juventude de 2016.[31]

Nota 1: Esqui no formato de snowboard;

Referências

  1. Comitê Olímpico Internacional. «Esportes olímpicos» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  2. Comitê Olímpico Internacional. «Desportos aquáticos» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  3. Comitê Olímpico Internacional. «Patinação» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  4. a b Top End Sports. «Demonstration Sports at the Olympic Games» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  5. Comitê Olímpico Internacional. «Albertville 1992 - Did you know?» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  6. Xinhua News Agency (16 de outubro de 2005). «Rogge says wushu no "Olympic sport" in 2008» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  7. SportsReference.com. «Que eventos são olímpicos?» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  8. a b Comitê Olímpico Internacional. «Olympic sports of the past» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  9. Comitê Olímpico Internacional. «Singapore 2005: 2012 Olympic Sport Vote» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  10. a b Comitê Olímpico Internacional. «Olympic programme for London 2012 confirmed» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  11. Comitê Olímpico Internacional. «IOC Executive Board proposes 2 additional sports for the 2016 Games: Golf and Rugby» (em inglês). Consultado em 22 de agosto de 2009. 
  12. Games Bids (9 de outubro de 2009). «Golf and Rugby Become Olympic Sports» (em inglês). Consultado em 9 de outubro de 2009. 
  13. a b Comitê Olímpico Internacional. «Recognised sports» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  14. «Curtain comes down on 123rd IOC Session». Comitê Olímpico Internacional. 9 de julho de 2011. Consultado em 10 de julho de 2011. 
  15. Comitê Olímpico Internacional. «Atenas 1896» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  16. Comitê Olímpico Internacional. «Factsheet: The sports on the Olympic programme» (PDF) (em inglês). p. p. 5. Consultado em 10 de julho de 2009. 
  17. Rio 2016. «Os Jogos Olímpicos - Esportes». Consultado em 22 de setembro de 2012. 
  18. WorldWeb Travel Guide. «A History of Winter Olympic Games: Celebration and Contrariety» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  19. A&E Television Networks. «Este dia na História 1924: Primeiros Jogos Olímpicos» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  20. Comitê Olímpico Internacional. «Charmonix 1924» (em inglês). Consultado em 10 de julho de 2009. 
  21. Sóchi 2014. «WinterOlympic Games» (em inglês). Consultado em 22 de setembro de 2014. 
  22. «Youth Olympic Games» (em inglês). Lillehammer 2016. Arquivado desde o original em 1 de Setembro de 2015. Consultado em 1 de Setembro de 2015. 
  23. «The Youth Olympic Games vision and principles» (PDF) (em inglês). COI. 25 de junho de 2014. p. 3. Arquivado desde o original (PDF) em 21 de outubro de 2014. Consultado em 26 de agosto de 2015. 
  24. «Singapore 2010 - Sports» (em inglês). COI. Arquivado desde o original em 22 de junho de 2015. Consultado em 27 de agosto de 2015. 
  25. a b «Nanjing 2014 - Detailed Schedule and Results» (em inglês). Nanquim 2014. Arquivado desde o original em 18 de fevereiro de 2015. Consultado em 17 de agosto de 2014. 
  26. a b Comitê Olímpico Internacional. «2014 Summer Youth Olympic Games Brochure» (PDF) (em inglês). Comitê Olímpico Internacional. Consultado em 3 de agosto de 2014. 
  27. «Timetable by Discipline - 1st Youth Olympic Games (Athletics)» (em inglês). IAAF. Arquivado desde o original em 31 de Agosto de 2015. Consultado em 31 de Agosto de 2015. 
  28. «Timetable by Discipline - 2nd Youth Olympic Games (Athletics)» (em inglês). IAAF. Arquivado desde o original em 31 de Agosto de 2015. Consultado em 31 de Agosto de 2015. 
  29. a b Nick Butler (24 de Agosto de 2015). «Buenos Aires 2018 set to become first fully gender-equal Olympic Games» (em inglês). InsidetheGames. Arquivado desde o original em 31 de Agosto de 2015. Consultado em 31 de Agosto de 2015. 
  30. «Innsbruck 2012 - Sports, Ice Hockey» (em inglês). COI. Arquivado desde o original em 5 de junho de 2015. Consultado em 27 de agosto de 2015. 
  31. a b c d «Lillehammer 2016 - Simple Event Schedule» (PDF) (em inglês). Lillehammer 2016. novembro de 2013. Arquivado desde o original (PDF) em 27 de agosto de 2015. Consultado em 27 de agosto de 2015. 
  32. «Innsbruck 2012 - Sport Events and Eligibility» (em inglês). Arquivado desde o original em 17 de Junho de 2013. Consultado em 31 de Agosto de 2015. 
  33. «Nanjing 2014 Youth Olympic Games - Sports programme and summary of qualification systems» (PDF). Comitê Olímpico Suíço. Arquivado desde o original (PDF) em 31 de Agosto de 2015. Consultado em 31 de Agosto de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]