Liga de Futebol Nacional do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Liga de Futebol Nacional do Brasil surgiu em 2015 com o nome de Liga de Futebol Paulista. Posteriormente para obter aceitação perante a CBF e consequentemente a FIFA, LFP (Liga de Futebol Paulista), alterou o seu estatuto e se transformou em Liga de Futebol Nacional. [1]

História[editar | editar código-fonte]

O ano turbulento de 2015 nos bastidores do futebol mundial foi igualmente confuso no Brasil. Além das prisões e dos indiciamentos de dirigentes da FIFA e da CBF, começou no Brasil o surgimento de ligas independentes, sendo a principal delas a Primeira Liga do Brasil.

Assim surgiu a Liga de Futebol Paulista, atraindo 39 equipes, das quais 30 participaram da primeira Taça Paulista realizada pela entidade em Taça Paulista de 2016.

Em janeiro de 2016, a Liga de Futebol Paulista registrou a marca da Liga de Futebol Nacional (LFN), e no ano de 2017 transformou-se em uma liga nacional, em virtude de que o estatuto da CBF não permite ligas estaduais e regionais, apenas ligas nacionais.[2]

Primeiros Clubes Filiados (2016)[3][editar | editar código-fonte]

Obs: A princípio, estava previsto que 35 equipes participariam da Taça Paulista de 2016, mas com a desistência de 4 e depois mais 6 equipes, o certame foi disputado com 25 participantes.[4][5][6][7][8] [9]

Clubes Filiados Atualmente[11][editar | editar código-fonte]




Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências