Lista do Patrimônio Mundial em San Marino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Localização dos Sítios do Patrimônio Mundial em San Marino.

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) propôs um plano de proteção aos bens culturais do mundo, através do Comité sobre a Proteção do Património Mundial Cultural e Natural, aprovado em 1972.[1] Esta é uma lista do Patrimônio Mundial existente em San Marino, especificamente classificada pela UNESCO e elaborada de acordo com dez principais critérios cujos pontos são julgados por especialistas na área. San Marino ratificou a convenção em 18 de outubro de 1991, tornando seus locais históricos elegíveis para inclusão na lista.[2]

O sítio Centro Histórico de San Marino e Monte Titano foi o primeiro local de San Marino incluído na lista do Patrimônio Mundial da UNESCO por ocasião da 32.ª Sessão do Comitê do Património Mundial, realizada em Quebec (Canadá) em 2008.[3] Desde então, San Marino conta com apenas este sítio classificado como Patrimônio da Humanidade, sendo este de classificação Cultural.

Bens culturais e naturais[editar | editar código-fonte]

San Marino conta atualmente com os seguintes lugares declarados como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO:

View of Mount Titano - San Marino.jpg Centro Histórico de San Marino e Monte Titano
Bem cultural inscrito em 2008.
Localização: San Marino
O sítio cobre 55 hectares e inclui o Monte Titano e o centro histórico da cidade, que remonta à fundação da república como cidade-estado no século XIII. San Marino está inscrito na Lista do Património Mundial como testemunho da continuidade de uma república livre desde a Idade Média. A área inscrita inclui fortificações, torres, muralhas, portões e bastiões, bem como uma basílica neoclássica do século XIX, conventos dos séculos XIV e XVI, o Palazzo Publico do século XIX e o Teatro Titano do século XVIII. A propriedade representa um centro histórico ainda habitado que preserva todas as suas funções institucionais. Graças à sua localização no topo do Monte Titano, a área não foi afetada pelas transformações urbanas que ocorreram desde o início da era industrial até os dias atuais. (UNESCO/BPI)[4]

Lista Indicativa[editar | editar código-fonte]

Em adição aos sítios inscritos na Lista do Patrimônio Mundial, os Estados-membros podem manter uma lista de sítios que pretendam nomear para a Lista de Patrimônio Mundial, sendo somente aceitas as candidaturas de locais que já constarem desta lista.[5] Desde 2021, San Marino não apresenta locais em sua Lista Indicativa.[6]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências