Ludim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Ludim (em hebraico: לודים) é o termo hebraico para se referir à Lídia, utilizado nos livros bíblicos de Jeremias e Ezequiel. Na Tábua das Nações da Bíblia hebraica são mencionados como descendentes de Lud, filho de Sem e neto de Noé (Gênesis 10:13).[1] De acordo com o historiador judeu-romano Flávio Josefo, sua terra teria sido destruída.

Lud gerou aos ludeus, como diz a bíblia em 1 Crônicas 1:11, referindo-se aos descendentes de Mizraim. Assim como seus irmãos, Anamim, Leabim e Naftuim geraram aos anameus, leabeus e naftueus; Ludim gerou aos ludeus.[2] Pouco se sabe destes lídios semíticos, mas poderão provavelmente ser identificados com Lubdi, que é mencionado em antigos registos cuneiformes como sendo uma região que se situava entre os rios Tigre e Eufrates.

Há quem situe, seguindo teorias diferentes, a Ludim camita no norte de África, e coloque a Lude semítica na Ásia Menor.[3]

Referências

  1. Boyer, Orlando (1998). Pequena Enciclopédia Bíblica. [S.l.]: Graça Editorial 
  2. Sabbag, David C. (2007). Dicionário Bíblico. Um guia de estudos e entendimento do livro dos livros. [S.l.]: Difusão Cultural do Livro 
  3. Dicionário Bíblico Online
Ícone de esboço Este artigo sobre a Bíblia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.