Melhor jogador do mundo pela FIFA em 2008

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O prêmio da FIFA de melhor jogador do mundo em 2008 foi dado ao português Cristiano Ronaldo, com o argentino Lionel Messi em segundo e o espanhol Fernando Torres em terceiro.[1]

Classificação geral masculina[editar | editar código-fonte]

Pos. Jogador Pontos Time na época
1 Portugal Cristiano Ronaldo 955 Inglaterra Manchester United
2 Argentina Lionel Messi 678 Espanha Barcelona
3 Espanha Fernando Torres 203 Inglaterra Liverpool
4 Brasil Kaká 183 Itália Milan
5 Espanha Xavi Hernández 155 Espanha Barcelona
6 Inglaterra Steven Gerrard 98 Inglaterra Liverpool
7 Camarões Samuel Eto'o 58 Espanha Barcelona
8 Espanha Iker Casillas 49 Espanha Real Madrid
9 Espanha Andrés Iniesta 37 Espanha Barcelona
10 Espanha David Villa 37 Espanha Valência
11 Rússia Andrey Arshavin 36 Inglaterra Arsenal
12 Inglaterra Frank Lampard 33 Inglaterra Chelsea
13 Costa do Marfim Didier Drogba 30 Inglaterra Chelsea
14 Alemanha Michael Ballack 27 Inglaterra Chelsea
15 Espanha Cesc Fàbregas 27 Inglaterra Arsenal
16 Suécia Zlatan Ibrahimović 26 Espanha Barcelona
17 Togo Emmanuel Adebayor 25 Inglaterra Manchester City
18 França Franck Ribéry 23 Alemanha Bayern de Munique
19 Países Baixos Ruud van Nistelrooy 14 Espanha Real Madrid
20 Argentina Sergio Agüero 12 Espanha Atlético de Madrid
21 Inglaterra John Terry 11 Inglaterra Chelsea
22 Itália Gianluigi Buffon 8 Itália Juventus
23 Portugal Deco 1 Inglaterra Chelsea

Classificação Geral feminina[editar | editar código-fonte]

Pos. Jogadora Pontos Time
1 Brasil Marta 1002 Suécia Umeå
2 Alemanha Birgit Prinz 328 Alemanha Frankfurt
3 Brasil Cristiane 275 Suécia Linköpings/Brasil Corinthians
4 Alemanha Nadine Angerer 198 Alemanha 1. FFC Turbine Potsdam/Suécia Djurgården
5 Inglaterra Kelly Smith 150 Inglaterra Arsenal

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Adilson Barros (12 de janeiro de 2009). «Kaká é o único jogador da seleção lembrado pelos eleitores do Fifa Gala». GloboEsporte.com. Consultado em 15 de junho de 2010