Prêmio Emmy Internacional de melhor ator

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emmy Internacional de melhor ator
Descrição programas televisivos
Apresentação Academia Internacional das Artes & Ciências Televisivas
País  Estados Unidos
Primeira cerimónia 2005
Última cerimónia 2015
Detentor Maarten Heijmans
por Ramses Países Baixos
Sítio oficial

O Emmy Internacional de melhor ator (original em inglês: International Emmy Award for Best Actor) é um dos prêmios entregues pela Academia Internacional das Artes & Ciências Televisivas por excelência em televisão como parte do Prêmio Emmy Internacional que acontece na cidade de Nova Iorque.[1][2][3][4]

O primeiro premiado com a estatueta foi o franceses Thierry Frémont por seu papel no telefilme Dans la tête du tueur, uma co-produção entre a rede TF1 e a GMT Productions com direção de Claude-Michel Rome.[5]

Em 2006, Ray Winstone venceu o prêmio por sua atuação na série dramática Vicent, produzida por Rebecca Hodgson e John Rushton, e exibida pela rede ITV. Em 2007, houve um empate entre Jim Broadbent e o holandês Pierre Bokma, nas quatro cerimônias seguintes o Emmy foi entregue apenas a atores britânicos: David Suchet por Maxwell, Ben Whishaw por Criminal Justice, Bob Hoskins por The Street e Christopher Eccleston por Accused.

Em 2012, a Academia Internacional das Artes e Ciências Televisivas premiou o argentino Darío Grandinetti por seu papel na série Televisión por la Inclusión, fazendo dele o único não-europeu a vencer nesta categoria até o momento.

O Reino Unido possui atualmente o maior número de vitórias, 8 vitórias no total.[6] O atual detentor do prêmio é o holandês Maarten Heijmans por seu desempenho na minissérie Ramses que retrata a vida do cantor e compositor Ramses Shaffy.[7]

Nomeações[editar | editar código-fonte]

País Número de indicações Número de vitória(s)
 Alemanha
2 indicações
-
 Argentina
1 indicação
1 vitória
 Austrália
1 indicação
-
 Brasil
5 indicações
-
China China
4 indicações
-
Coreia do Sul Coréia do Sul
1 indicação
-
Filipinas
1 indicação
-
França França
1 indicação
1 vitória
Hong Kong Hong Kong
1 indicação
-
 Japão
1 indicação
-
 México
1 indicação
-
 Noruega
1 indicação
-
Reino Unido Reino Unido
11 indicações
8 vitórias
 País de Gales
1 indicação
-
Países Baixos Holanda
1 indicação
1 vitória
 Singapura
1 indicação
-
 Suécia
1 indicação
-

Vencedores e indicados[editar | editar código-fonte]

Ano Vencedor Título País
2005 Thierry Frémont [8] Dans la tête du tueur  França
David Walliams por Little Britain  Reino Unido
Douglas Silva por Cidade dos Homens  Brasil
Rhys Ifans por Not Only But Always  País de Gales
2006 Ray Winstone[9] Vincent  Reino Unido
Bernard Farcy por Le grand Charles  França
Bernard Hill por A Very Social Secretary  Reino Unido
Lin Shen por The confession of Feng Qi  China
2007 Jim Broadbent[10] The Street  Reino Unido
Pierre Bokma De uitverkorene Países Baixos Holanda
Bobby Au-yeung por Dicey Business Hong Kong Hong Kong
Lázaro Ramos por Cobras & Lagartos  Brasil
2008 David Suchet[11] Maxwell  Reino Unido
Pedro Cardoso por A Grande Família  Brasil
Karl Markovics por Franz Fuchs Áustria Áustria
Wang Chengyang por The I-go King and His Son  China
2009[12] Ben Whishaw[13] Criminal Justice  Reino Unido
Oscar Olivares por Capadocia  México
Robert de Hoog por Skin  Países Baixos
Chen Li por Ultimate Rescue  China
2010[14] Bob Hoskins[15] The Street  Reino Unido
Sebastian Koch por Sea Wolf  Alemanha
Sid Lucero por Dahil May Isang Ikaw Filipinas
Leonardo Sbaraglia por Epitafios 2  Argentina
2011[16] Christopher Eccleston[17] Accused  Reino Unido
Fábio Assunção por Dalva e Herivelto - Uma Canção de Amor  Brasil
Jang Hyuk por The Slave Hunters Coreia do Sul Coréia do Sul
Michael Nyqvist por Millennium  Suécia
2012[18] Darío Grandinetti[19] Televisión por la inclusión  Argentina
Arthur Acuña por The Kitchen Musical  Singapura
Jason Isaacs por Case Histories  Reino Unido
Stein Winge por Norwegian Cozy  Noruega
Zhu Yawen por Flying Eagle  China
2013[20] Sean Bean[21] Accused  Reino Unido
Heino Ferch por Anatomy of Revenge  Alemanha
Marcos Palmeira por Mandrake  Brasil
Shinichi Tsutsumi por Yasu – A Single Father’s Story  Japão
2014[22] Stephen Dillane The Tunnel  Reino Unido
Claude Legault por 19-2  Canadá
Pablo Rago por Televisión por la Justicia  Argentina
Xiubo Wu por The Orphan of Zhao China China
2015 Maarten Heijmans Ramses  Países Baixos
Engin Akyurek por Kara Para Aşk Turquia Turquia
Emílio de Mello por Psi  Brasil
Rafe Spall por Black Mirror  Reino Unido
2016 Dustin Hoffman Roald Dahl's Esio Trot  Reino Unido
Alexandre Nero por A Regra do Jogo  Brasil
Florian Stetter por Nackt unter Wölfen  Alemanha
James Wen por Echoes of Time  Singapura

Referências

  1. «BEING A MEMBER OF THE ACADEMY». iemmys.tv (em inglês). Consultado em 14 de setembro de 2013 
  2. «A ACADEMIA INTERNACIONAL DE ARTES E CIÊNCIAS TELEVISÃO». iemmys.tv (em inglês). Consultado em 14 de setembro de 2013 
  3. «BEING A MEMBER OF THE ACADEMY». iemmys.tv (em inglês). Consultado em 14 de setembro de 2013 
  4. «A ACADEMIA INTERNACIONAL DE ARTES E CIÊNCIAS TELEVISÃO». iemmys.tv (em inglês). Consultado em 14 de setembro de 2013 
  5. «Thierry Frémont reçoit un Emmy Award». tempsreel.nouvelobs.com/ (em francês). Consultado em 6 de abril de 2015 
  6. «BEST PERFORMANCE BY AN ACTOR». iemmys.tv (em inglês). Consultado em 15 de outubro de 2011 
  7. «Maarten Heijmans wint Emmy voor rol in Ramses». nu.nl/film/. Consultado em 26 de novembro de 2015 
  8. «Emmy Internacional não premia indicados brasileiros». UOL Entretenimento. 22 de novembro de 2005. Consultado em 25 de setembro de 2013 
  9. «British TV triumphs at Emmys». The Guardian (em inglês). 21 de novembro de 2006. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  10. «British and Dutch Stars Jim Broadbent and Pierre Bokma Tie in Best Performance by an Actor». iemmys.tv (em inglês). 19 de novembro de 2007. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  11. «My Week: David Suchet wins an Emmy». bricksite.com (em inglês). 29 de novembro de 2008. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  12. «Indicados ao Emmy Internacional 2009». Tele Series. 11 de outubro de 2009. Consultado em 09 de outubro de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  13. «Brit stars Julie Walters and Ben Whishaw in Emmys win». Daily Mirror (em inglês). 25 de novembro de 2009. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  14. «Indicados ao Emmy Internacional 2010». Veja. 10 de outubro de 2010. Consultado em 19 de agosto de 2012 
  15. «Bob Hoskins leads BBC International Emmy charge». BBC News (em inglês). 23 de novembro de 2010. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  16. «Indicados ao Emmy Internacional 2011». Veja. 03 de outubro de 2011. Consultado em 13 de setembro 2013  Verifique data em: |data= (ajuda)
  17. «Salford star Christopher Eccleston leads the way at Emmy Awards». manchestereveningnews.com (em inglês). 23 de novembro de 2011. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  18. «Indicados ao Emmy Internacional 2012». Veja. 08 de outubro de 2011. Consultado em 13 de setembro 2013  Verifique data em: |data= (ajuda)
  19. «Cristina Banegas y Darío Grandinetti, ganadores en los Emmy». La Nación (em espanhol). 20 de novembro de 2012. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  20. «Indicados ao Emmy Internacional 2013». Veja. 07 de outubro de 2013. Consultado em 09 de outubro de 2013  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  21. «Game of Thrones star Sean Bean wins International Emmy». The Daily Telegraph (em inglês). 26 de novembro de 2013. Consultado em 17 de novembro de 2014 
  22. «42ND INTERNATIONAL EMMY® AWARDS NOMINEES». International Emmy. 13 de outubro de 2014