To Mega Therion (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
To Mega Therion
Álbum de estúdio de Celtic Frost
Lançamento 27 de outubro de 1985
Gravação Entre 14 e 28 de setembro de 1985, no Casablanca Studio em Berlim
Gênero(s) Black metal, thrash metal
Duração 40:23
Gravadora(s) Noise Records
Produção Horst Müller
Cronologia de Celtic Frost
Emperor's Return
(1985)
Into the Pandemonium
(1987)
Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic.com 5 de 5 estrelas.[1]

To Mega Therion é o segundo álbum de estúdio da banda de metal extremo suíça Celtic Frost, lançado em 1985. A capa é uma pintura de H. R. Giger intitulada Satan I. O álbum serviu de base para o desenvolvimento do black metal e death metal, sendo as faixas "The Usurper" e "Circle of the Tyrants" regravadas por várias bandas do gênero.

To Mega Therion figura na lista dos "50 Maiores álbuns de Metal Extremo" da revista Metal-Rules.[2]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as faixas escritas por Tom G. Warrior.

N.º Título Duração
1. "Innocence and Wrath"   01:02
2. "The Usurper"   03:27
3. "Jewel Throne"   04:06
4. "Dawn of Meggido"   05:47
5. "Eternal Summer"   04:31
6. "Circle of the Tyrants"   04:38
7. "(Beyond the) North Winds"   03:08
8. "Fainted Eyes"   05:09
9. "Tears in a Prophet's Dream"   02:33
10. "Necromantical Screams"   06:02

Créditos[editar | editar código-fonte]

  • Tom G. Warrior - Vocais, Guitarras, Efeitos
  • Dominic Steiner - Baixo, Efeitos
  • Reed St. Mark - Bateria, Percussão, Tímpano, Vocais
Créditos adicionais
  • Martin Eric Ain – baixo (faixas 2 & 3 no relançamento de 1999, nas faixas do EP Tragic Serenades)
  • Wolf Bender - Trompa (faixas 1, 4 e 10)
  • Claudia-Maria Mokri - Vocal adicional (faixas 2, 6 e 10)
  • Horst Müller - Efeitos sonoros (faixa 9)
  • Urs Sprenger (Steve Warrior!) - Efeitos sonoros (faixa 9)

Referências

  1. http://www.allmusic.com/album/to-mega-therion-r3494
  2. «Top 50 Extreme Metal Albums». Metal-Rules. Consultado em 6 de fevereiro de 2015.