Ubiretama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ubiretama
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Ubiretama
Bandeira
Brasão de armas de Ubiretama
Brasão de armas
Hino
Gentílico ubiretamense
Localização
Localização de Ubiretama no Rio Grande do Sul
Localização de Ubiretama no Rio Grande do Sul
Mapa de Ubiretama
Coordenadas 28° 02' 45" S 54° 40' 51" O
País Brasil
Unidade federativa Rio Grande do Sul
Municípios limítrofes Santa Rosa, Senador Salgado Filho, Guarani das Missões, Cerro Largo, Campina das Missões e Cândido Godói
Distância até a capital 499 km
História
Aniversário 28 de dezembro de 1995 (24 anos)
Administração
Prefeito(a) Ildo Leske (PDT, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 126,694 km²
População total (est. IBGE/2018[2]) 2 049 hab.
Densidade 16,2 hab./km²
Clima subtropical úmido
Altitude 208 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (IBGE/2010[2]) 0,700 alto
PIB (IBGE/2016[3]) R$ 59 866,15 mil
PIB per capita (IBGE/2016[3]) R$ 26 630,85

Ubiretama é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Ubiretama é vocábulo indígena que significa "terra dos ubis". Do tupi ubi: ubim ou ubi, uma espécie de palmeira; e retama: lugar, pátria. Outra interpretação traduz a palavra como "um lugar na terra". De yby: terra; e retama: lugar.

História[editar | editar código-fonte]

Nasceu com a vinda dos imigrantes alemães no ano de 1890, iniciou-se a colonização dividindo a região em lotes que foram distribuídos às famílias. Mais tarde chegaram famílias de descendentes poloneses, italianos, russos e tchecos. Inicialmente era chamado de Laranjeira.

Em 24 de julho de 1909, pelo Ato Institucional nº 5, foi fundado o Povoado Laranjeira, localizado na região do atual município de Ubiretama. À época, possuía 205 habitantes e 34 residências, sendo inicialmente o 5º Distrito do município de Santo Ângelo. Passou a integrar o município de Santa Rosa com sua emancipação em 1931. Em 1944, o Povoado Laranjeira, por determinação da administração de Santa Rosa, passou a denominar-se Ubiretama. Na língua tupi, "Ubiretama" significa "Terra Pátria". Em 28 de janeiro de 1955, com a emancipação de Giruá, Ubiretama passou a integrá-lo, na condição de 3º Distrito.[4]

Tornou-se um município próprio em 28 de dezembro de 1995 com o advento da Lei Estadual nº 10.654, em cumprimento ao disposto no artigo 4º da Constituição Federal e artigo 82, inciso IV da Constituição Estadual. A primeira administração municipal tomou posse em 1º de janeiro de 1997, sob liderança executiva do prefeito Luiz Carlos Kitzmann e do vice-prefeito Niltom Emídio Budel, ambos eleitos em 3 de outubro de 1996. Nas eleições municipais de 3 de outubro de 2000, adquiriram segundo mandato.[4]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Pertence à Mesorregião do Noroeste Rio-Grandense e à Microrregião de Santo Ângelo.

O Rio Laranjeiras que banha o centro da cidade é afluente do Rio Comandaí que também banha o município.

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. a b «Panorama de Ubiretama». IBGE. Consultado em 15 de agosto de 2019 
  3. a b «PIB de Ubiretama». IBGE. Consultado em 15 de agosto de 2019 
  4. a b «Histórico de Ubiretama». Consultado em 15 de agosto de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Rio Grande do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.