Universidade Europeia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Universidade Europeia é uma universidade privada portuguesa, com sede na cidade de Lisboa, reconhecida pelo Decreto-Lei n.º 87/2013, de 26 de junho.[1]

A sua entidade instituidora é a ENSILIS — Educação e Formação, Unipessoal, Lda.[1][2]

A Universidade Europeia integra a rede internacional de ensino superior Laureate International Universities.[3]

História[editar | editar código-fonte]

A Universidade Europeia resultou da transformação do Instituto Superior de Línguas e Administração de Lisboa[4] em universidade.[1]

Posteriormente a Laureate International Universities adquiriu a entidade proprietária do IADE–U Instituto de Arte, Design e Empresa - Universitário, procedeu à transmissão desse estabelecimento de ensino para a ENSILIS[5] e à sua integração na Universidade Europeia.[6]

Estatutos[editar | editar código-fonte]

Os Estatutos da Universidade Europeia foram registados pela Portaria n.º 209/2013, de 26 de junho,[7] e pelo Despacho n.º 10501/2015 (2.ª série), de 21 de setembro.[2]

A Universidade Europeia encontra-se a funcionar em regime de instalação, por um período máximo de cinco anos letivos, com início no ano letivo de 2013-2014, nos termos do Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior.[8]

Reitores[editar | editar código-fonte]

Desde Até Reitor(a)
2013 2015 Prof. Doutor Tawfiq Rkibi
2015 2019 Prof. Doutor João Manuel Frias Viegas Proença

Estrutura orgânica[editar | editar código-fonte]

De acordo com os Estatutos em vigor, a Universidade Europeia integra as seguintes unidades de ensino e de investigação[7][2][6]:

Unidades de ensino[editar | editar código-fonte]

  • Escola de Ciências Sociais e Empresariais
  • Escola de Tecnologias, Artes e Comunicação
  • Escola de Turismo, Desporto e Hospitalidade
  • Escola de Ciências da Saúde[9]
  • Instituto de Arte, Design e Empresa — Universitário[10]

Unidades de investigação[editar | editar código-fonte]

  • Instituto de Investigação e de Estudos Doutorais

Oferta académica[editar | editar código-fonte]

A oferta académica da Universidade Europeia inclui 23 licenciaturas e duplas licenciaturas, 5 licenciaturas pós-laborais, 6 mestrados, 2 doutoramentos e cerca de 11 duplos diplomas.[11]

Em relação à escola de pós-graduação a oferta académica para o período 2016-2017 é de cerca de 10 programas de pós-graduação[carece de fontes?].

Serviço de Idiomas [carece de fontes?][editar | editar código-fonte]

O Serviço de Idiomas oferece à comunidade universitária formação linguística seguindo a escala de qualificação do Espaço Europeu de Educação Superior. Oferecem-se cursos de distintos níveis (desde o A1 até ao C2) de inglês, francês, alemão, chinês e japonês e cursos de preparação de exames oficiais. Também realiza exames de certificação de nível de todos os idiomas que oferece, tanto para os seus alunos como para os não matriculados.

As pessoas alheias à universidade também podem matricular-se nestes cursos, embora a um preço mais elevado e não podem optar por bolsas.

Por outro lado, também tem um Serviço de Tradução que realiza traduções escritas técnicas ou semitécnicas, traduções jurídicas, interpretações e correção de textos.

Campus virtual[editar | editar código-fonte]

A Universidade Europeia conta com um desenvolvido Campus Virtual. Nele os estudantes podem aceder a uma série de materiais e recursos didácticos, tutorias online, fóruns e chats geridos directamente pelos seus professores e disponíveis para as disciplinas em que se hajam matriculado. Em 2012, este espaço incorpora uma nova capa social com UEMapp, uma aplicação para smartphones que permite a professores e estudantes conectar-se ao Campus Virtual e comunicar-se com outros usuários a partir de qualquer dispositivo móvel ou computador[carece de fontes?].

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  1. a b c Decreto-Lei n.º 87/2013, de 26 de junho.
  2. a b c Despacho n.º 10501/2015 (2.ª série), de 21 de setembro.
  3. Cf. Laureate.
  4. O Instituto Superior de Línguas e Administração de Lisboa era um estabelecimento de ensino privado com a natureza de escola universitária não integrada, cujo funcionamento foi autorizado pelo Despacho n.º 127/MEC/86 (2.ª série), de 28 de junho, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 100-B/85, de 8 de abril.
  5. Cf. Aviso n.º 5703/2016, de 3 de maio.
  6. a b Cf. Aviso n.º 15743/2016, de 19 de dezembro.
  7. a b Portaria n.º 209/2013, de 26 de junho.
  8. Artigo 7.º do Decreto-Lei n.º 87/2013, de 26 de junho. Artigos 38.º e 46.º da Lei n.º 62/2007, de 10 de setembro.
  9. Adicionada na alteração estatutária registada pelo Despacho n.º 10501/2015 (2.ª série), de 21 de setembro.
  10. Após o registo dos novos estatutos da Universidade Europeia, o IADE e a Escola de Tecnologias, Artes e Comunicação irão fundir-se. A nova unidade orgânica denominar-se-á Faculdade de Ciências Sociais e Design–IADE. Cf. Expresso online e Público online.
  11. Para verificar quais os ciclos de estudos que, em cada momento, se encontram acreditados pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior e registados na Direção Geral do Ensino Superior consultar o site na Internet desta Direção-Geral.