Vegeta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ni hon go2.png Este artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.
Vegeta
ベジータ
Vegeta na abertura de Dragon Ball Kai.
Primeira aparição Dragon Ball Z ep. 5
Dragon Ball Kai ep. 3
Última aparição Dragon Ball Super ep. 35
Criado por Akira Toriyama
Vozes Japão Ryou Horikawa
Portugal João Loy (DBZ, ep. 001-133 e DBGT)
Portugal Vítor Rocha (DBZ, ep. 134-171)
Portugal Ricardo Spínola (DBZ, ep. 172-291)
Brasil Alfredo Rollo (Dragon Ball Z e Dragon Ball GT)
Brasil Dado Monteiro (Dragon Ball Kai)
Perfil
Raça Saiyajin
Vida no animangá
Local de nascimento Planeta Vegeta
Família Rei Vegeta (pai)
Bulma (esposa)
Trunks (filho)
Bra (filha)
Tarble (irmão)
Personagem de Dragon Ball
Portal Animangá

Vegeta (ベジータ, Bejīta?) é um personagem fictício da franquia Dragon Ball criada por Akira Toriyama. As primeiras aparições de Vegeta na franquia foram no mangá Sayōnara Son Gokū (さようなら孫悟空, Adeus Son Goku?), publicado originalmente em 1988, e no quinto episódio do anime Dragon Ball Z, como o príncipe da raça praticamente extinta de guerreiros alienígenas, chamados Saiyajins. Vegeta foi um dos primeiros antagonistas da série, visando utilizar o poder das esferas para obter imortalidade e domínio sobre toda a galáxia. Após o surgimento de inimigos em comum, Vegeta se vê forçado a formar uma aliança com os protagonistas da série. Com o tempo, ele se torna um aliado fiel ao personagem principal da série, Goku. Vegeta é conhecido por seu poder inacreditavelmente forte e principalmente por sua rivalidade com Goku.

Concepção e criação[editar | editar código-fonte]

Seguindo a regra para criação de nomes que Toriyama inventou para Dragon Ball, o nome de Vegeta tem origem na palavra vegetal. No filme Dragon Ball Z - O Retorno de Son Goku e Seus Amigos, o irmão de Vegeta, Tarble, é apresentado. Quando os dois nomes são combinados, formam a palavra "vegetable", já que vegetais são o tema de nome para todos os Saiyajins puros da franquia.

Aparência[editar | editar código-fonte]

A aparência inicial de Vegeta nos mangás é a de um personagem relativamente baixo, com cabelos espetados e visíveis entradas na testa. Comparado ao personagem principal Goku, Vegeta é bem mais baixo do que ele. Com o desenrolar da série, o estilo de Toriyama se refinou e Vegeta se tornou mais esbelto. Em Dragon Ball GT, a aparência de Vegeta sofre mudanças radicais, com o abandono completo do uso de suas vestimentas Saiyajin em troca de um estilo similar ao de um homem da vida real. No início da série, Vegeta possui uma cauda, que perde em sua 1° luta com Goku e seus aliados. Ele usa diversas variações de sua armadura Saiyajin, mas começa a abandoná-las após enfrentar Cell tirando as ombreiras da armadura, porém suas luvas e botas ainda refletem suas raízes Saiyajin até o fim da série escrita. Na saga de Majin Boo, Vegeta retira a armadura, pois no Torneio de Artes Marciais não é permitido o uso de armas nem armaduras, ficando então, apenas com o macacão azul de sua roupa saiyajin.

Personalidade[editar | editar código-fonte]

Quando Vegeta surge na série, é um personagem sádico, chegando ao ponto de destruir seu companheiro de longa data, Nappa, quando o mesmo não consegue derrotar Goku. Durante esse tempo, Vegeta demonstra um grande desejo por imortalidade e poder. A personalidade de Vegeta muda de assassino cruel para anti-herói vingativo, obcecado por se tornar mais forte do que Goku. Após algum tempo, Bulma se apaixona por Vegeta, e com ele tem seu primeiro filho, Trunks. Como resultado de seu amor por Bulma e o nascimento de seu filho, Vegeta se torna simplesmente um rival de Goku e escolhe a Terra como um lugar para se estabelecer e viver. Mais tarde, Vegeta e Bulma tem mais uma filha, Bra, que é apresentada apenas dez anos após a derrota de Majin Boo, nos últimos episódios da franquia Dragon Ball Z. Apesar de seu orgulho ele até o deixou de lado no décimo quarto filme da série Dragon Ball Z, "A Batalha dos Deuses" só pra não deixar os outros irritarem Bills e evitar que este, o Deus da Destruição, viesse a destruir o planeta Terra.E quando ele viu o Bills bater na Bulma,Vegeta se irrita e com isso conseguiu superar o Goku por alguns segundos,sem ter chegado no nível Super Sayajin 3. Vegeta é um dos personagens mais inteligentes da série e também um dos mais sérios, raramente exibindo humor. Quando este demonstra humor geralmente é em sentido negro, cínico e provocador.

Transformações[editar | editar código-fonte]

Oozaru, Super Sayajin, Super Vegeta, Super Vegeta 2 e Super Sayajin 4(Apenas em Dragon Ball GT), Super Sayajin Deus Super Sayajin

Habilidades[editar | editar código-fonte]

Vegeta utilizando o Galick Ho.

Vegeta é capaz de criar e fortalecer ataques através de seu ki. Ele tem a habilidade de utilizar a técnica Buku-jutsu (舞空術?) para voar. Constantes treinamentos e sua herança Saiyajin lhe deram força, velocidade e reflexos sobrehumanos.

Vegeta usa ataques similares aos dos protagonistas da série, como uma onda de ki similar ao Kamehameha de Goku. Este raio, conhecido como Galick Ho (ギャリック砲?), é usado por Vegeta durante sua batalha com Goku numa tentativa de destruir a Terra. Vegeta depois desenvolve as técnicas Explosão do Super Vegeta (ビッグ・バン・アタック?) e o Resplendor Final (ファイナルフラッシュ?), ataques muito mais poderosos do que os anteriores. Em Dragon Ball GT, demonstra um novo e poderoso ataque, o Ataque do Brilho Final (ファイナルシャインアタック?), em que dispara um grande raio verde de energia ki que se amplia com a distância. No Dragon Ball Z, saga de Boo, ele utiliza uma das técnicas mais poderosas do anime chamada de Explosão do Super Vegeta, ele usa toda a energia de sua vida para destruir o seu oponente, essa técnica é uma das mais poderosas já desenvolvidas e quase foi utilizada por Goku para matar o Dragão de 1 estrela. Vegeta também desenvolveu a técnica Zanzouken (残像拳? "Punho da Imagem Remanescente"), a técnica de se mover tão rápido que a imagem permanece parada no lugar foi utilizada pelos dois protagonistas contra o Dragão de 1 estrela. Outra característica marcante do Vegeta, é a dele possuir a habilidade de expandir seu poder através da fúria; pôde-se observar na batalha contra Bills, onde ele ultrapassou o poder de Goku mesmo estando um nível abaixo.

Vegeta possui ainda diversas transformações que aumentam suas habilidades de diferentes formas. No início da série, pode se transformar em Oozaru, que aumenta em dez vezes seu poder, contanto que ainda tenha sua cauda. Ele também ganha a habilidade de se transformar em Super Saiyajin e conforme a série progride, outros níveis mais avançados como até Super Saiyajin deus, em Fukkatsu no F, filme oficial da série .

História[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Vegeta surge na série como o orgulhoso príncipe da raça Saiyajin. Ele visita a Terra com seu tutor Nappa com o intuito de utilizar as Esferas do Dragão para desejar a imortalidade.[1] Após Nappa perder uma luta para Goku, Vegeta o mata por ser fraco e depois enfrenta o protagonista. Graças à interferência de Gohan, Kuririn e Yajirobe, Vegeta é derrotado mas Goku o deixa fugir. Após se recuperar, ele vai até o planeta Namekusei em busca das Esferas Originais. Ele logo descobre que seu superior, o tirano e imperador galático Freeza, também está em Namekusei à procura das Esferas. Vegeta trai Freeza e elimina seus dois ajudantes, Dodoria e Zarbon. Ele depois encontra Kuririn e Gohan e forma uma aliança com eles para enfrentar um grupo de mercenários contratados por Freeza para eliminá-los, as Forças Especiais Ginyu. Vegeta perde para Rikum mas é salvo por Goku, que derrota os demais membros. Durante o combate final contra Freeza, Vegeta é morto. Contudo, ele foi ressucitado pouco tempo depois com um desejo das Esferas do Dragão.

Vegeta então passa um ano na Terra, morando na casa de Bulma até que Goku retorna do espaço e Trunks, o futuro filho de Vegeta com Bulma, volta ao passado para avisar sua família e amigos sobre a aparição de androides que os matariam. Nos três próximos anos Vegeta começa um relacionamento com Bulma e o Trunks do presente nasce. Ao mesmo tempo, Vegeta finalmente se torna um Super Saiyajin e utiliza seus novos poderes para vencer o Androide 19. Entretanto, ele é humilhado em um combate contra a Androide 18 e continua seu treinamento com o Trunks do futuro na Sala do Tempo. Ele sai a tempo de impedir que o androide Cell atingisse sua forma perfeita, mas o deixa evoluir a fim de ter um oponente mais poderoso. Em sua forma perfeita, Cell derrota ambos, Vegeta e Trunks. O vilão então organiza um torneio que decidiria o destino da Terra, os Jogos de Cell, onde Vegeta enfrenta um Cell Jr.. Depois de ver a morte de seu filho Trunks, Vegeta furioso, ataca Cell, sem sucesso. Porém, Vegeta ajuda Gohan na luta final contra Cell.

Sete anos mais tarde, Vegeta resolve participar do 25º Torneio de Artes Marciais para enfrentar Goku novamente. O torneio é interrompido pelo Kaioshin do Leste, que pede a ajuda de Goku e seus companheiros na sua missão de impedir o renascimento do demônio Majin Boo. Vegeta, por outro lado, permite que o mago Babidi tome conta da sua alma para receber mais força e recriar a maldade em seu coração. Ele e Goku se enfrentam novamente mas Goku para a luta quando Majin Boo ressurge. Vegeta o deixa inconsciente e parte para eliminar Majin Boo pessoalmente. Quando todos os seus esforços falham, Vegeta se sacrifica em uma enorme explosão para proteger sua família, mas Boo continua vivo. Dias mais tarde, Vegeta recebe permissão para voltar à Terra e ajudar Goku na luta contra Boo. Os dois chegam a se fundir, criando o guerreiro Vegetto, e por fim Vegeta enfrenta Majin Boo para que Goku completasse a Super Genki Dama que o destruiu. Ele é revivido pouco antes do fim da luta através das Esferas do Dragão de Namekusei. Dez anos mais tarde, Vegeta e Bulma têm outro bebê, uma garota chamada Bra. Ele se despede de Goku quando este parte para treinar Oob, a reencarnação de Majin Boo.

Em Dragon Ball Super, que se passa entre a derrota de Majin Boo e o epílogo do mangá, Vegeta conhece o deus da destruição, Bills, e seu atendente Whis, que estavam a procura do Deus Super Saiyajin. Vegeta inicialmente enfrenta Bills quando este interrompe o aniversário de Bulma, mas depois participa de um ritual para transformar Goku no Deus Super Saiyajin. Após a luta contra Bills, Vegeta parte para treinar sobe a tutela de Whis. Com o tempo ele adquire o ki divino e usa seus novos poderes para enfrentar Freeza, que foi ressucitado por seus servos remanescentes. Ao longo da luta, Freeza explode a Terra, mas Whis volta no tempo e permite que Goku salve Vegeta. Alguns meses mais tarde, Vegeta e outros personagens são selecionados por Bills para representar o sétimo universo em um duelo contra os guerreiros de Champa, o deus da destruição do sexto universo. Após três vitórias consecutivas, Vegeta é eliminado pelo guerreiro inimigo Hit.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Aparições em outras mídias[editar | editar código-fonte]

Em Dragon Ball GT, Vegeta é possuído por Baby e enfrenta Goku, mas eventualmente se separa do corpo de Baby após a destruição do mesmo. Ele também está presente na luta contra o Super 17 e todos os vilões que escaparam do inferno. Quando Omega Shenlong surge no enredo, Vegeta se funde com Goku como Super Saiyajin 4 para formar Gogeta Super Saiyajin 4, mas e goku quem derrota Omega shenlong com a gemki dama universal. Ao fim da série, Vegeta se despede de Goku, que lhe deixa a tarefa de proteger a Terra em seu lugar.

Vegeta aparece em vários jogos da série Dragon Ball tanto como personagem jogável ou chefe. Em alguns jogos, tais como Dragon Ball: Raging Blast, Vegeta é capaz de se transformar em Super Saiyajin 3.[2] Ele ainda está presente nos jogos crossovers Battle Stadium D.O.N,[3] Jump Super Stars[4] e sua sequência Jump Ultimate Stars.[5] Ainda dentro da série, Vegeta aparece em vários filmes. Se destacou em Dragon Ball Z: O Renascimento da Fusão - Goku e Vegeta, onde deixou seu orgulho de lado para se fundir com Goku, criando Gogeta, a fim de derrotar o vilão Janemba.[6] Também apareceu em todos especiais de TV e OVAs de Dragon Ball Z. No crossover Cross Epoch, que junta personagens de Dragon Ball e One Piece, Vegeta se torna o capitão de um grupo de piratas espaciais cuja tripulação inclui Trunks, Nami e Nico Robin.[7] No mangá Neko Majin, paródia de Dragon Ball feita por Akira Toriyama, Vegeta aparece em um capítulo enfrentando o protagonista Neko Majin. Ao final da luta, Vegeta decide nunca mais aparecer em um mangá de comédia.[8] Vegeta teve uma breve aparição em uma edição especial do mangá Kochikame. Nessa edição, Vegeta e Goku assistem Ryo, protagonista do mangá, tentar prender Freeza por ter estacionado sua nave de forma ilegal.[9] A primeira luta entre Vegeta e Goku foi parodiada em um capítulo do mangá Bobobo-bo Bo-bobo, lançado em novembro de 2004 pela revista Shōnen Jump. Os personagens Jelly Jiggler e Don Patch representavam Goku e Vegeta respectivamente.[10] No episódio Money Ball Z, paródia do filme Moneyball, do programa MAD, Vegeta e outros personagens de Dragon Ball são colocados no time de baseball Oakland Athletics.[11] O personagem Vegetal do mangá espanhol Dragon Fall é uma paródia de Vegeta.[12]

Vegeta já fez diversas contribuições para o gênero musical. No álbum Dragon Ball Z Hit Song Collection 8: Character Special 2, Vegeta canta a música "Vegeta-sama no Oryori Jigoku!!", que se foca no personagem cozinhando um okonomiyaki.[13] Na canção "Saiyan Blood", presente no álbum Dragon Ball Kai: Song Collection, Vegeta fala sobre o quão grandioso ele é.[14] Outras músicas que falam sobre Vegeta são "Koi no NAZONAZO", que mostra a sua relação com Bulma, e "Ai wa Ballad no Yō ni~Vegeta no Theme~", onde Vegeta reflete sobre sua vida e família.[15] [16] Ele também é citado na música "Goku" de Soulja Boy Tell 'Em.[17] Em 2012, o escritor Derek Padula criou o livro Dragon Ball Z "It's Over 9,000!" When Worldviews Collide, onde ele fala sobre os pontos de vistas de Goku e Vegeta e como eles estavam predestinados a lutar.[18] A imagem de Vegeta já foi utilizada para estampar latas de café vendidos pela empresa japonesa Pokka.[19]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Vegeta foi muito bem recebido pelos leitores, telespectadores e fãs de Dragon Ball, tornando-se um dos personagens mais populares da série. Nas duas enquetes de popularidade realizadas pela Weekly Shōnen Jump, Vegeta se classificou em quarto e segundo lugar respectivamente.[20] Em outra enquete, presente no guia Dragon Ball Kazenban Official Guide: Dragon Ball Forever, Vegeta se classificou em segundo lugar novamente.[21] Ele também apareceu em duas edições do prêmio anual Anime Grand Prix, realizado pela revista Animage, na categoria "Personagem Masculino Favorito". Em 1991 o personagem ficou em décimo segundo lugar e em 1992 caiu para décimo terceiro.[22] [23] Na lista "Top 8 Histórias de Amor em Animes", do site About.com, a relação entre Vegeta e Bulma foi colocada em segundo lugar, com a escritora Katherine Luther comentando que a formação desse casal foi extremamente inesperada pelos fãs.[24] O site de jogos IGN nomeou Vegeta o vigésimo primeiro melhor personagem de anime de todos os tempos, dizendo que ele foi o primeiro "bastardo absoluto" que conquistou os fãs.[25] Uma segunda edição da lista feita pelo mesmo site em 2014 subiu Vegeta para décimo lugar.[26] Ainda apareceu em terceiro lugar no "Top 10 Vilões em Animes", também do IGN.[27] Em uma pesquisa da Oricon, Vegeta foi eleito o oitavo melhor coadjuvante em anime e mangá.[28] Em uma votação sobre melhor anti-herói do mundo dos animes, realizada pelo site brasileiro Henshin, Vegeta ficou em quarto lugar.[29] O Mania Entertainment colocou Vegeta em nono lugar na sua lista de personagens masculinos que mais causam dor de cabeça por causa da sua obsessão em superar Goku.[30] Várias mercadorias com a aparência de Vegeta tem sido lançadas, tais como figuras de ação,[31] [32] chaveiros,[33] adesivos[34] e até mesmo carteiras.[35]

Desde sua primeira aparição, Vegeta vem sendo analisado e críticado por várias mídias especializadas em anime, mangá e video game. Em uma crítica da Saga Saiyajin, feita pelo site Mania Entertainment, a primeira luta entre Vegeta e Goku foi dita como a melhor luta já criada.[36] Theron Martin do Anime News Network notou que o orgulho de Vegeta foi parcialmente responsável por todo o sucesso da série. Sua segunda luta contra Goku foi comentada por ser muito divertida, apesar de sua duração e dos estilos de luta de Goku e Vegeta, descritos como "um tanto velhos".[37] Em outra revisão, Theron afirmou que a melhor cena da luta final contra Cell foi quando Vegeta superou seu orgulho para ajudar Gohan, já que o climax foi criado nessa cena.[38] O site de jogos GameSpot caracterizou Vegeta como o modelo de pessoa errada; "ele é ganancioso, invejoso, egoísta, emocional e, pior de tudo, genocida. Vegeta é o oposto de Goku, apesar de ambos serem Saiyajins".[39] Em uma revisão dos primeiros quarenta episódios de Dragon Ball Z, o IGN disse que vilões como Vegeta não são nada extravagantes, mas eles têm um carisma sarcástico e arrogante que os deixam divertidos.[40] No livro Dragon Ball Z "It's Over 9,000!" When Worldviews Collide, o escritor Derek Padula comenta inúmeras vezes que a personalidade e a visão de mundo de Vegeta são os resultados de ter sido criado em uma sociedade que luta pelo poder, construída através da fusão de tecnologia científica externa e uma ciência mente-corpo.[18] Ele também afirma que Goku provocou uma enorme mudança na vida de Vegeta; por exemplo, em seu modo de ver os outros: "antes de conhecer Goku, Vegeta via os outros seres como números que eram mostrados em seu scouter".[18] O site Them Anime Reviews achou que o relacionamento de Vegeta e Bulma tinha muito potencial cômico e críticou o modo como ele foi esquecido com o tempo.[41] Seu dublador brasileiro, Alfredo Rollo, comentou em uma entrevista que "o que eu mais curto no Vegeta é aquele estilo durão. Ele nunca dá risada - só sarcastica - e não tem esse lance de sensibilidade, amor e carinho".[42] Seu seiyu Ryo Horikawa, também em uma entrevista, comentou que se sente honrado e sortudo por fazer a voz do Vegeta. Ele disse que sempre tentou fazer do Vegeta o "vilão supremo", sofisticado mas intimidador.[18]

Vegeta, assim como vários personagens, recebeu muitas críticas negativas em Dragon Ball GT. Muitos sites e fãs comentaram que o personagem deixou de ser legal e se tornou um pateta, citando o seu novo "bigode esquisito" como um dos culpados.[43]

Referências

  1. Dragon Ball Z, cap. 10
  2. «Vegeta Goes Super Saiyan 3 In Dragon Ball: Raging Blast» (em inglês). Kotaku. Consultado em 15 de dezembro de 2012. 
  3. Li, Richard (20 de agosto de 2006). «Battle Stadium D.O.N. Preview» (em inglês). 1UP. Consultado em 2 de abril de 2012. 
  4. «Dragon Ball em Jump Super Stars» (em japonês). Consultado em 21 de maio de 2010. 
  5. «Dragon Ball em Jump Ultimate Stars» (em japonês). Consultado em 21 de maio de 2010. 
  6. Dragon Ball Z: O Renascimento da Fusão - Goku e Vegeta!. Japão: Toei Animation. 4 de março de 1995. 
  7. Akira Toriyama& Eiichiro Oda (25 de dezembro de 2006). "Cross Epoch" (em Japonês). Shonen Jump. 〒101-8050 Tokyo-to, Chiyoda-ku Hitotsubashi 2-5-10: Shueisha.
  8. Toriyama, Akira (2005). «3». Neko Majin, volume 01 Shueisha [S.l.] ISBN 4-08-873825-X. 
  9. Akimoto, Osamu (2006). «Kochira Namek-Sei Dragon Kōen-mae Hashutsujo (こちらナメック星ドラゴン公園前派出所, lit. Essa é a Estação da Polícia do Dragão em Frente ao Estacionamento do planeta Namekusei?)». Super Kochikame Shueisha [S.l.] ISBN 4-08-874096-3. 
  10. Sawai, Yoshio (2004). Especial da Mordaça 2005 da Shonen Jump. Dragon Ball (Japão: Shueisha). p. 2. 
  11. "Money Ball Z / Green Care Bear". MAD. Cartoon Network. November 21, 2011.
  12. «Dragon Fall - Introdução». Consultado em 25 de fevereiro de 2011. 
  13. "Vegeta-sama no Oryori Jigoku!!" (em Japonês) (Álbum). "Dragon Ball Z Hit Song Collection 8: Character Special 2". Vários. COCC-9067.
  14. "Saiyan Blood" (em Japonês) (Álbum). "Dragon Ball Kai: Song Collection". Vários. COCX-35798.
  15. "Koi no NAZONAZO" (em Japonês) (Álbum). "Dragon Ball Z Hit Song Collection 8½ Special". Vários. Japão: Columbia Records. 1991. COCC-9247.
  16. "Ai wa Ballad no Yō ni~Vegeta no Theme~" (em Japonês) (single). "Saikyō no Fusion". Hironobu Kageyama. FMDC-518.
  17. «"Goku", por Soulja Boy Tell 'Em» (em inglês). Consultado em 6 de março de 2011. 
  18. a b c d Padula, Derek (2012). Dragon Ball Z "It's Over 9,000" When Worldviews Collide [S.l.: s.n.] ISBN 978-0-9831205-2-0. 
  19. «Café para Saiyajins» (em japonês). Consultado em 16 de junho de 2011. 
  20. Toriyama, Akira (1995). «Trabalho Completo com Comentários». DragonBall Daizenshuu 1 – Complete Illustrations (Japão: Shueisha). pp. 208–217. 
  21. Toriyama, Akira (30 de abril de 2004). «Pesquisa de popularidade». Dragon Ball Forever (em japonês) (Japão: Shueisha). SBN 4-08-873702-4. 
  22. «Anime Grand Prix 1991» (em japonês). Animage. Consultado em 7 de maio de 2011. 
  23. «Anime Grand Prix 1992» (em japonês). Animage. Consultado em 7 de maio de 2011. 
  24. «Top 8 Anime Love Stories» (em inglês). About.com. Consultado em 2 de junho de 2012. 
  25. «Goku wins a place with the best» (em inglês). IGN. 20 de outubro de 2009. Consultado em 21 de outubro de 2009. 
  26. «Top 25 Greatest Anime Characters». IGN. Consultado em 27 de janeiro de 2015. 
  27. «Top 10 Vilões em Animes» (em inglês). IGN. Consultado em 7 de junho de 2015. 
  28. «Kuririn no topo da parada». Henshin. Consultado em 19 de julho de 2012. 
  29. «Eu amo odiar». Henshin. Consultado em 19 de julho de 2012. 
  30. «10 Male Headaches of Anime» (em inglês). Mania Entertainment. 26 de outubro de 2009. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  31. «Dragonball Kai Bandai 6 Inch Dragon Hero SemiPoseable Vinyl Figure Vegeta» (em inglês). Amazon. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  32. «Bandai Super Saiyan Vegeta - S.H.Figuarts» (em inglês). Amazon. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  33. «Dragon Ball Kai Ultimate Deformed Mascot 3 Keychain Strap ~2" - Vegeta» (em inglês). Amazon. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  34. «Dragon Ball Z SS Vegeta Sticker» (em inglês). Amazon. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  35. «Dragon Ball Z - Vegeta Blue Wallet» (em inglês). Amazon. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  36. «Dragon Ball Z Saga 1: Sayain Showdown (also w/box)» (em inglês). Mania Entertainment. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  37. «Dragon Ball Z DVD - Season 8 Uncut» (em inglês). Anime News Network. 4 de março de 2009. Consultado em 12 de maio de 2009. 
  38. «Dragon Ball Z DVD - Season 6 Box Set (uncut)» (em inglês). Anime News Network. 25 de novembro de 2008. Consultado em 12 de maio 2009. 
  39. «Dragon Ball Z: Franchise Player» (em inglês). GameSpot. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  40. «Dragon Ball Z: Dragon Box One DVD Review» (em inglês). IGN. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
  41. «Dragon Ball Z Review» (em inglês). Them Anime Reviews. Consultado em 17 de maio 2009. 
  42. «Alfredo Rollo - Saiyajin criador de Pokémon». Henshin. Consultado em 19 de julho de 2012. 
  43. «Dragon Ball GT - The Lost Episodes DVD Box Set Review» (em inglês). IGN. Consultado em 27 de dezembro de 2012. 
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Vegeta