Vitor Cafaggi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vitor Cafaggi
Vitor Cafaggi na edição de 2018 do Festival Internacional de Quadrinhos.
Nome nativo Vitor Mariano Lopes Cafaggi
Nascimento 23 de março de 1978 (40 anos)
Belo Horizonte
Cidadania Brasil
Ocupação artista de história em quadrinhos, ilustrador, ensino de arte

Vitor Mariano Lopes Cafaggi[1] (Belo Horizonte, 23 de março de 1978) é um quadrinhista brasileiro[2][3].

Graduou-se em Desenho Industrial pela Universidade do Estado de Minas Gerais, em 2002. É professor da Casa dos Quadrinhos.[4]

Criou a webcomic Puny Parker, em que imagina a infância do personagem Peter Parker[5]. Criou também a tira Valente, publicada pelo jornal O Globo. Sua primeira publicação independente, Duo.tone, e a coletânea de tiras Valente para sempre, ambas de 2012, renderam ao autor o Troféu HQ Mix de 2012, na categoria Novo Talento (Roteirista)[6][7]. No ano seguinte, foi o vencedor na categoria Publicação de Tiras, com Valente para todas[8].

Participou dos álbuns Pequenos Heróis (2010)[9] e Futuros Heróis (2013) de Estevão Ribeiro.[10] com roteiros de Estevão Ribeiro) e MSP 50, em que recriou o personagem Chico Bento. Em 2013, criou em parceria com a irmã, Lu Cafaggi, o álbum Turma da Mônica - Laços. Segundo volume da série Graphic MSP, a história é uma visão dos dois irmãos sobre os personagens da Turma da Mônica[11].

Também em 2013, Valente foi apresentado em forma de leitura encenada no projeto Cena HQ, em Curitiba[12][13].

Em 2015, Vitor e Lu publicaram uma sequência de Turma da Mônica - Laços, Turma da Mônica - Lições,[14] o livro ganhou o 28º Troféu HQ Mix na categoria "melhor publicação juvenil".[15]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Daniel Galera
Troféu HQ Mix - Novo Talento (roteirista)
2012
Sucedido por
Raphael Fernandes