Cnidoscolus quercifolius

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaCnidoscolus quercifolius
Cnidoscolus quercifolius

Cnidoscolus quercifolius
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Angiospermas
Classe: Eudicotiledôneas
Ordem: Rosídeas/Malpighiales
Família: Euphorbiaceae
Subfamília: Crotonoideae
Tribo: Manihoteae
Género: Cnidoscolus
Espécie: C. quercifolius
Nome binomial
Cnidoscolus quercifolius
Pohl

Cnidoscolus quercifolius (sin. C. phyllacanthus. Anteriormente conhecida como Jatropha phyllacantha Müll.Arg.),[1] popularmente chamada de favela, faveleira, faveleiro ou mandioca-brava[2] , é uma planta da família das euforbiáceas. É endêmica do Brasil. A sua gama de distribuição inclui os estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Bahia, Pernambuco, Piauí e São Paulo.

É a planta que deu origem ao termo "favela", por ocasião da Guerra de Canudos. É um arbusto. Possui flores brancas, dispostas em cimeiras. O fruto é uma cápsula que contém sementes oleaginosas[2] , semelhantes às sementes de fava. Daí, os nomes "favela", "faveleiro" e "faveleira".

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. GRIN Species Profile
  2. a b FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 762.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre plantas é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cnidoscolus quercifolius