Demon Days

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Demon Days
Álbum de estúdio de Gorillaz
Lançamento 23 de maio de 2005
Gravação 2004
Gênero(s) Rock alternativo, hip hop alternativo, trip hop, música eletrônica
Duração 50:44
Gravadora(s) Parlophone, Virgin Records
Produção Gorillaz, Danger Mouse, Jason Cox, James Dring
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Gorillaz
Último
Último
Laika Come Home
2002
D-Sides
2007
Próximo
Próximo
Singles de Demon Days
  1. "Feel Good Inc."
    Lançamento: 5 de abril de 2005
  2. "DARE"
    Lançamento: 29 de agosto de 2005
  3. "Dirty Harry"
    Lançamento: 21 de novembro de 2005
  4. "Kids With Guns / El Mañana"
    Lançamento: 10 de abril de 2006

Demon Days é o segundo álbum de estúdio da banda Gorillaz. Foi lançado no dia 23 de maio de 2005 no Reino Unido e em 24 de maio do mesmo ano nos Estados Unidos. Demon Days ganhou o primeiro lugar no Reino Unido e o sexto nos EUA, desbancando então o outro álbum de 2001, "Gorillaz". O single "Feel Good Inc." ganhou um prêmio GRAMMY de Melhor Colaboração de Pop com Vocais.[1]

Informações[editar | editar código-fonte]

"Feel Good Inc.", o carro-chefe dos singles desse álbum, tornou-se o maior hit dos Gorillaz (2º lugar no Reino Unido, 14º lugar nos EUA) até hoje. O segundo single do álbum, "DARE", com Shaun Ryder, tornou-se outro grande sucesso, dando à banda, pela primeira vez, o primeiro lugar nos singles do Reino Unido. Desde que foi lançado, Demon Days teve duplo disco de platina nos EUA e cinco discos de platina no Reino Unido.

O álbum tem contribuições de De La Soul, Neneh Cherry, Martina Topley-Bird, Roots Manuva, MF DOOM, Ike Turner, Bootie Brown of the Pharcyde, Shaun Ryder, Dennis Hopper, o London Community Gospel Choir e Children's Choir of San Fernandez.

A capa do álbum é uma referência ao Let It Be de The Beatles e à arte de Blur: The Best Of o mais vendido álbum da primeira banda de Damon Albarn, o Blur.

Esse álbum foi lançado com a proteção de cópia Copy Control em várias regiões.

Demon Days foi mencionado pela primeira vez em artigos detalhando a reabertura do website dos Gorillaz na primeira quinzena de dezembro de 2004. Inicialmente, foi anunciado que o álbum seria lançado entre março e abril de 2005, mas o lançamento foi adiado. Em um artigo para a "Q Magazine" em fevereiro de 2005, foi dito que o álbum se chamaria "We Are Happy Landfill". Outro título anterior a esse foi "Reject False Icons", que é também o título do projeto cultural dos Gorillaz.

Em janeiro de 2005 foi lançado um promo da música "Dirty Harry" e um vídeo exclusivo na internet chamado "Rock It". Mais tarde foi contado que a faixa "Rockit" não apareceria no álbum, e sim no D-Sides, lançado em novembro de 2007.

Gorillaz em Demon Days[editar | editar código-fonte]

Na fita de entrevista We Are the Dury, a banda respondeu questões sobre os detalhes do disco e suas opiniões na teoria musical do novo álbum:

  • Noodle - "Foi o processo de gravação do disco que se tornou o aprendizado; o resultado final foi o documento, mas o destino foi a jornada."
  • Russel Hobbs - "Como um trabalho corporal, Demon Days foi mais focalizado e considerado do que o primeiro álbum, e talvez tenha uma maior gravidade, profundidade, do que o primeiro disco... A música foi para ele uma disciplina rígida, com um decorrente otimismo macabro."
  • 2D - "Parece que alguém pegou o primeiro álbum e coloriu ele."
  • Murdoc Niccals - "É, ficou bom do jeito que eu mandei ela fazer."

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Feel Good Inc." foi o primeiro single lançado. Foi lançado como um EP no Japão em 27 de abril de 2005 e como um single no Reino Unido e na Austrália em 9 de maio de 2005.
  • "DARE" foi o segundo single lançado. Foi lançado em 29 de agosto de 2005 no Reino Unido, e em 7 de setembro de 2005 no Japão como um EP.
  • "Dirty Harry" foi o terceiro single lançado. Foi lançado em 21 de novembro de 2005 no Reino Unido, e em 7 de dezembro de 2005 no Japão em forma de EP.
  • "El Mañana / Kids With Guns" foi o quarto e último single do álbum. Foi lançado em 10 de abril de 2006 no Reino Unido, e em 19 de abril de 2006 no Japão como um EP. Os ganhadores da promoção "Search For A Star" Colaborou com os Gorillaz de várias formas nesse single.

Edição limitada[editar | editar código-fonte]

Uma edição limitada do álbum foi lançada em uma capa especial, permitindo ao dono qual integrante dos Gorillaz ficaria na capa. Também contêm um livreto especial, com letras e ilustrações para cada música, um DVD contendo um vídeo (com comentário auditivo), uma pré-animação do vídeo "Feel Good Inc.", curtas animados com os integrantes da banda, uma música inédita intitulada "The Swagga" e acesso online exclusivo para certas áreas do site dos Gorillaz, com vários papéis de parede e protetores de tela, também um pé-de-cabra virtual, facilitando a abertura de um armário trancado na cozinha do site para fazer o download da música "We Are Happy Landfill".

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as faixas foram escritas pelo Gorillaz, exceto as que especificam quem as fez:

  1. "Intro" (Gorillaz, Don Harper) – 1:03
  2. "Last Living Souls" – 3:11
  3. "Kids with Guns" – 3:45 (com Neneh Cherry)
  4. "O Green World" – 4:31
  5. "Dirty Harry (canção)" (Gorillaz, Romye Robinson) – 3:43 (com Bootie Brown)
  6. "Feel Good Inc." (Gorillaz, David Jolicoeur) – 3:41 (com De La Soul)
  7. "El Mañana" – 3:50
  8. "Every Planet We Reach Is Dead" – 4:54
  9. "November Has Come" (Gorillaz, Daniel Dumile) – 2:41 (com MF DOOM)
  10. "All Alone" (Gorillaz, Rodney Smith, Simon Tong) – 3:30 (com Roots Manuva; vocal de apoio de Martina Topley-Bird)
  11. "White Light" – 2:08
  12. "DARE" – 4:04 (com Shaun Ryder)
  13. "Fire Coming Out of the Monkey's Head" – 3:16 (com Dennis Hopper)
  14. "Don't Get Lost in Heaven" – 2:00
  15. "Demon Days" – 4:29

Performance nas paradas[editar | editar código-fonte]

Dados retirados do allmusic.[2]

Ano Chart Posição
2005 European Top 100 Albums
2005 The Billboard 200 6
2005 Top Canadian Albums 5
2005 Top Electronic Albums 1
2005 Top Internet Albums 6
2005 European Top 100 Albums
2006 The Billboard 200 6
2006 Top Electronic Albums 1

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Gorillaz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.