Frente Eleitoral Povo Unido

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frente Eleitoral Povo Unido
Fundação 30 de setembro de 1976
Dissolução 1978
Sede  Portugal
Ideologia Comunismo, socialismo
Afiliação nacional Partido Comunista Português
Movimento Democrático Português - Comissão Democrática Eleitoral
Frente Socialista Popular

A Frente Eleitoral Povo Unido (FEPU) foi uma antiga coligação portuguesa formada pelo Partido Comunista Português (PCP), Movimento Democrático Português - Comissão Democrática Eleitoral (MDP/CDE) e pela Frente Socialista Popular (FSP), para concorrer às eleições autárquicas de 1976, que se manteve até 1978. Em 1978 foi foi fundada a APU - Aliança Povo Unido, já sem a Frente Socialista Popular, de Manuel Serra.[1]

Cronologia[editar | editar código-fonte]

Resultados eleitorais da coligação[editar | editar código-fonte]

Resultados em eleições
(o ano liga à página da eleição)
Ano Designação Tipo de Eleição Votos % Mandatos
1976 FEPU Autárquicas (Câmara Municipal) 718 006 17.2% 268
1976 FEPU Autárquicas (Assembleia Municipal) 756 856 19.04% 859
1976 FEPU Autárquicas (Assembleia de Freguesia) 629 812 16.33% 2 291

(fonte: Comissão Nacional de Eleições)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Frente Eleitoral Povo Unido. Comissão Nacional de Eleições. Página visitada em 31 de maio de 2010.
  2. Cronologia. Forum Cidadania. Página visitada em 31 de maio de 2010.
  3. Resultados Eleitorais. Comissão Nacional de Eleições. Página visitada em 31 de maio de 2010.
  4. Acordão N.º 144/87. Tribunal Constitucional (5 de maio de 1987). Página visitada em 31 de maio de 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre política, partidos políticos ou um político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.