Heimskringla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde março de 2014)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Uma página da cópia de Eggertson de Heimskringla

Heimskringla (de kringla heimsins, "o círculo do mundo") é o trabalho mais conhecido das antigas sagas dos reis nórdicas. Foi escrita em nórdico antigo na Islândia pelo poeta e historiador Snorri Sturluson (1179–1242) aprox. 1230. O nome Heimskringla foi primeiramente usado no século XVII, derivado das primeiras duas palavras de um dos manuscritos (kringla heimsins - o círculo do mundo).

O Heimskringla é uma coleção de contos sobre os reis noruegueses, começando com a lendária dinastia sueca dos Ynglings, seguida por relatos de monarcas noruegueses históricos de Haroldo I da Noruega do século IV até a morte do impostor Eystein Meyla em 1177. As fontes exatas de seu trabalho são contestadas, mas incluem as sagas dos reis anteriores, como a Morkinskinna, Fagrskinna e as histórias sinóticas norueguesas do século XII e tradições orais, notadamente muitos poemas de escaldo. Snorri fez visitas à Noruega e Suécia. Para eventos da metade do século XII, Snorri explicitamente nomeaia o agora perdido trabalho Hryggjarstykki como sua fonte. A composição das sagas é de Snorri.

Conteúdo[editar | editar código-fonte]

Heimskringla contém as seguintes sagas:

  1. Saga de Inglingo
  2. Saga de Halfdan, o Negro
  3. Saga de Haroldo Cabelo Belo (morto aprox. 931)
  4. Saga de Haquino, o Bom (morto 961)
  5. Saga de Rei Haroldo Mando Cinzento (morto 969)
  6. Saga de Rei Olavo Tryggvason (morto 1000)
  7. Saga de Olavo Haraldson (morto 1030), exceto por conversão de Dale-Gudbrand
  8. Saga de Magno, o Bom (morto 1047)
  9. Saga de Haroldo Hardråde (morto 1066)
  10. Saga de Olavo Kyrre (morto 1093)
  11. Saga de Magno Descalço (morto 1103)
  12. Saga de Sigurdo, o Cruzado (morto 1130) e seus irmãos
  13. Saga de Magno, o Cego (destronado 1135) e de Haroldo Gille (morto 1136)
  14. Saga de Sigurdo (morto 1155), Eystein (morto 1157) e Inge (morto 1161), os filhos de Haroldo
  15. Saga de Haquino Herdebreid (morto 1162)
  16. Saga de Magno Erlingson (morto 1184)

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Monsen, Erling (1990), "Introduction to the Translation of Snorre's History of the Norse Kings", Heimskringla or the Lives of the Norse Kings: Edited with notes by Erling Monsen and translated into English with the assistance of A.H. Smith, Mineola, New York: Dover Publications, Inc., ISBN 0-486-26366-5 . A reprint of the 1932 Cambridge edition by W. Heffer.
  • Bagge, Sverre. Society and Politics in Snorri Sturlusons Heimskringla. Berkeley, California: University of California Press, 1991. ISBN 0-520-06887-4

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Heimskringla
Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Heimskringla