Jean-Baptiste Biot

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jean-Baptiste Biot
Física, matemática e astronomia
Nacionalidade França Francês
Nascimento 21 de abril de 1774
Local Paris
Morte 3 de fevereiro de 1862 (87 anos)
Local Paris
Atividade
Campo(s) Física, matemática e astronomia
Conhecido(a) por Lei de Biot-Savart
Prêmio(s) Medalha Rumford (1840)
Assinatura
Signature of Jean-Baptiste Biot.svg

Jean-Baptiste Biot (Paris, 21 de abril de 1774 — Paris, 3 de fevereiro de 1862) foi um físico, astrônomo e matemático francês.[1]

No início da década de 1800, estudou a polarização da luz passando através de soluções químicas, bem como as relações entre a corrente elétrica e o magnetismo. A lei de Biot-Savart, que descreve o campo magnético gerado por uma corrente estacionário, leva esse nome devido à sua colaboração com Félix Savart.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Biot e Gay-Lussac subindo em um balão de ar quente em 1804. Ilustração do final do século XIX.

Biot graduou-se em engenharia na École Polytechnique de Paris. Em 1797 foi professor de matemática na École Centrale em Beauvais e, em 1800, professor de física no Collège de France em Paris, assim como em 1809 trabalhou como professor de astronomia. Foi um dos primeiros membros da Société d'Arcueil e também membro das três academias de ciências de Paris. Em 20 de agosto de 1804 colaborou com Gay-Lussac em viagem de balão, alcançando mediante esta expedição um recorde de ascensão, atingindo uma altura de 7.400 metros.

Obras[editar | editar código-fonte]

Biot foi o primeiro a descobrir a única propriedade óptica da mica, e portanto, a biotita, um mineral baseados de mica, recebe esse nome em homenagem a ele. Em 1804 Biot e Joseph Gay-Lussac construíram um balão de ar quente e subiram a mais de 5 quilômetros de altura, o que seria uma das primeiras investigação da atmosfera terrestre.

Há uma cratera lunar, a Biot, nomeada também em sua homenagem.

Referências

  1. Jean-Baptiste Biot, pag. 275 - Grande Enciclopédia Universal - edição de 1980 - ed. Amazonas

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
James David Forbes
Medalha Rumford
1840
Sucedido por
William Henry Fox Talbot


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons