Heinrich Hertz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Heinrich Hertz
Física
Nacionalidade Alemanha Alemão
Residência  Alemanha
Nascimento 22 de Fevereiro de 1857
Local Hamburgo
Morte 1 de Janeiro de 1894 (36 anos)
Local Bonn
Atividade
Campo(s) Física
Instituições Universidade de Kiel, Universidade de Karlsruhe, Universidade de Bonn
Alma mater Universidade de Munique, Universidade Humboldt de Berlim
Tese 1880: Über die Induction in rotirenden Kugeln
Orientador(es) Hermann von Helmholtz
Orientado(s) Vilhelm Bjerknes, Josef Geitler von Armingen
Conhecido(a) por Radiação eletromagnética, efeito fotoelétrico
Prêmio(s) Medalha Matteucci (1888), Medalha Rumford (1890)
Assinatura
Autograph of Heinrich Hertz.png

Heinrich Rudolf Hertz (Hamburgo, 22 de Fevereiro de 1857Bonn, 1 de Janeiro de 1894[1] ) foi um físico alemão. Hertz demonstrou a existência da radiação electromagnética, criando aparelhos emissores e detectores de ondas de rádio.

Hertz pôs em evidência em 1888 a existência das ondas eletromagnéticas imaginadas por James Maxwell em 1873 (ver equações de Maxwell).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Hertz nasceu em Hamburgo a 22 de Fevereiro de 1857. Interessou-se desde muito cedo pela construção de mecanismos, tema que sempre o atraiu, mesmo enquanto trabalhou na área da física.

Levado por essa sua apetência, frequentou uma faculdade de engenharia durante dois anos. No entanto, a sua vontade de levar a cabo investigação científica fê-lo optar pela física, tendo ingressado na Universidade Humboldt de Berlim em 1878.

Obteve, em 1880, num trabalho proposto por Hermann von Helmholtz, seu professor, intitulado Sobre a Energia Cinética da Electricidade, um resultado excepcional, dada a pesquisa original que efectuara. Torna-se, nesse mesmo ano, assistente de von Helmholtz, ocupação durante a qual estuda a elasticidade dos gases e a propagação de descargas eléctricas através deles.

Três anos mais tarde, torna-se professor na Universidade de Kiel, onde inicia investigações sobre a electrodinâmica de Maxwell, a qual se opunha à electrodinâmica mecanicista e a anteriores teorias sobre a natureza da acção a distância.

Muda-se novamente em 1885, desta vez para Karlsruhe, onde leccionou na Escola Politécnica. Casa-se, um ano mais tarde, com Elisabeth Doll, filha de um seu colega professor.

A partir de 1883, ano da sua mudança para Kiel, descobre a produção e propagação das ondas electromagnéticas bem como formas de controlar a frequência das ondas produzidas. Todas essas experiências permitiram-lhe demonstrar a existência de radiação electromagnética, tal como previsto teoricamente por Maxwell.

A respeito das propriedades das ondas electromagnéticas, que Heinrich Rudolf Hertz passa a estudar, descobriu que a sua velocidade de propagação é igual à velocidade da luz no vácuo, que têm comportamento semelhante ao da luz, e que oscilam num plano que contém a direcção de propagação. Demonstrou também a refracção, a reflexão e a polarização das ondas.

Em 1888, apresentou os resultados das suas experiências à comunidade científica, os quais obtiveram o sucesso merecido.

Cinco anos mais tarde, no início de 1893, Hertz adoece e é operado de um tumor na orelha. No entanto, no final desse ano, adoece de novo e, no dia 1 de Janeiro de 1894, antes de completar 37 anos, morre de bacteremia.

Está sepultado no Friedhof Ohlsdorf, Hamburgo, Alemanha.[2]

Cronologia[editar | editar código-fonte]

Busto no campus da Universidade de Karlsruhe. Tradução: Neste local Heinrich Hertz descobriu as ondas eletromagnéticas nos anos 1885 — 1889
  • 22 de Fevereiro de 1857 Hamburgo (Alemanha) nascimento. São seus pais Gustav Ferdinand Hertz, advogado, e Anna Elisabeth Pfefferkorn-Hertz
  • 1863 — 1872 Aluno aplicado na escola do dr. Richard Lange
  • 1872 Aluno no Johanneum Gymnasium em Hamburgo
  • 1875 Após um ano de preparação especial é admitido para ingresso em uma universidade (Abitur). Antes de ingressar na vida universitária decide adquirir experiência em engenharia, indo residir em Frankfurt, a fim de trabalhar no departamento de obras públicas da cidade
  • 1876 Estuda no Instituto Politécnico de Dresden
  • 1877 Serviço militar em Berlim
  • 1878 Ingressa na Universidade de Munique
  • 1879 Estudante em Berlim, aluno de Gustav Kirchhoff e Hermann von Helmholtz no Instituto de Física
  • 1880 Doutor em Física e em seguida assistente do Instituto de Física
  • 1883 Mestre de conferência na Universidade de Kiel. Efetuou pesquisas sobre o eletromagnetismo
  • 1885 Professor na Technische Hochschule de Karlsruhe
  • 1886 Casamento com Elisabeth Doll
  • 1887 Estudo das diversas teorias de Maxwell, Weber, Helmholtz. Construção de um oscilador.
  • 1888 Trabalho e descoberta das ondas eletromagnéticas no ar (15 de março)
  • 1889 Professor e pesquisador em Bonn
  • 1890 Viagem à Inglaterra
  • 1 de Janeiro de 1894 Falecimento em Bonn.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Thomas Edison
Medalha Matteucci
1888
Sucedido por
John William Strutt
Precedido por
Pietro Tacchini
Medalha Rumford
1890
Sucedido por
Nils Christoffer Dunér


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.