Henri Victor Regnault

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde fevereiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Henri Victor Regnault
Química, física, termodinâmica
Nacionalidade França Francês
Nascimento 21 de Julho de 1810
Local Aachen
Morte 19 de Janeiro de 1878 (67 anos)
Local Paris
Atividade
Campo(s) Química, física, termodinâmica
Instituições Universidade de Lyon, Collège de France
Alma mater École Polytechnique
Prêmio(s) Medalha Rumford (1848), Medalha Copley (1869), Medalha Matteucci (1875)

Henri Victor Regnault (Aachen, 21 de Julho de 1810Paris, 19 de Janeiro de 1878) foi um químico e físico francês.

É conhecido por suas medidas das propriedades térmicas dos gases.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido na Alemanha, mudou-se para Paris, após a morte de seus pais, quando tinha a idade de oito anos. Ali trabalhou numa tapeçaria até os dezoito anos. Em 1830 foi admitido na École Polytechnique e em 1832 graduou-se na École nationale supérieure des mines de Paris.

Trabalhando para Justus von Liebig em Gießen, Regnault se distinguiu na nascente ciência da química orgânica sintetizando vários hidrocarbonetos clorados, sendo designado professor de química na Universidade de Lyon. Em 1840 foi designado para a cátedra de química da École Polytechnique, e no ano seguinte tornou-se professor de física no Collège de France.

No início de 1843 começou a compilar extensas tabelas numéricas das propriedades do vapor, publicadas em 1847, o que o fez receber a Medalha Rumford da Royal Society of London e lhe valeu uma promoção a engenheiro chefe de minas. Em 1854 foi nomeado diretor da fábrica de porcelana em Sèvres (subúrbio de Paris).

Em Sèvres, ele continuou seu trabalho sobre as propriedades térmicas da matéria. Projetou termômetros, hipsômetros, higrômetros e calorímetros, e mediu o calor específico de algumas substâncias e o coeficiente de expansão térmica dos gases. No curso destes trabalhos descobriu que nem todos os gases se expandem da mesma forma quando aquecidos, e que a Lei de Boyle é apenas aproximativa, especialmente nas temperaturas próximas ao ponto de ebulição.

Foi ainda um apaixonado pela fotografia amadora. Introduziu o ácido pirogálico como agente fotográfico, e foi um dos primeiros fotógrafos a usar papéis negativos. Em 1843 foi presidente-fundador da Société Française de Photographie.

Em 1871 seu laboratório em Sèvres foi destruído e seu filho Alex-Georges-Henri Regnault morreu, ambos os eventos como resultado da Guerra franco-prussiana. Ele abandonou as pesquisas científicas no ano seguinte, não se recuperando desses golpes.

A cratera Regnault na Lua foi assim batizada em sua homenagem.


Precedido por
Michael Faraday
Medalha Rumford
1848
Sucedido por
François Jean Dominique Arago
Precedido por
Charles Wheatstone
Medalha Copley
1869
Sucedido por
James Prescott Joule
Precedido por
Hermann von Helmholtz
Medalha Matteucci
1875
Sucedido por
William Thomson