Engenheiro civil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edifício em construção em São Paulo.

Engenheiro Civil é o responsável pela elaboração de projetos e cálculos relativos a construções de edificações, pontes e grandes estruturas. Planeja e projeta sistemas de transportes tais como rodovias, ferrovias e aeroportos. Também atua na concepção e projeto de túneis, obras de estabilidade de encostas, sistemas de saneamento básico, sistemas de irrigação e drenagem, portos e vias navegáveis, barragens e diques.

O Engenheiro Civil tem como responsabilidade realizar o planejamento, a coordenação e a execução dos mais variados tipos de construções, propondo métodos e técnicas construtivas mais eficientes para cada caso. Também realiza o controle de qualidade dos insumos utilizados e dos serviços realizados no âmbito da construção civil.

É um erro comum a comparação entre o engenheiro e o arquiteto, observando que muitas vezes em diversas universidades do mundo os dois cursos se situam em centro acadêmicos diferentes. Engenharia Civil é encontrada como Ciência Exata e a Arquitetura como Belas Artes. Especificamente o Arquiteto faz os projetos arquitetônicos tanto de edificações residenciais como comerciais, visando a beleza, a praticidade, funcionalidade, conforto ambiental, entre outros fatores ligados à relação espaço e ser humano. Já o Engenheiro Civil faz os projetos estruturais, hidro-sanitários, instalações elétricas em baixa tensão e de tubulações telefônicas e ou de cabeamento estruturado para construção de edificações.


Atuação do Engenheiro Civil[editar | editar código-fonte]

Construção Civil[editar | editar código-fonte]

Topografia, Batimetria e Georreferenciamento. Infra-estrutura Territorial e Atividades multidisciplinares referentes a Planejamento Urbano e Regional no âmbito da Engenharia Civil. Sistemas, Métodos e Processos da Construção Civil. Tecnologia da Construção Civil. Industrialização da Construção Civil. Edificações. Impermeabilização e Isotermia. Terraplenagem, Compactação e Pavimentação. Estradas, Rodovias, Pistas e Pátios. Terminais Aeroportuários e Heliportos. Tecnologia dos Materiais de Construção Civil. Resistência dos Materiais. Patologia e Recuperação das Construções. Instalações, Equipamentos, Componentes e Dispositivos Hidro-Sanitários, de Gás, de Prevenção e Combate a Incêndio. Instalações Elétricas em Baixa Tensão e Tubulações Telefônicas e Lógicas para fins residenciais e comerciais de pequeno porte.

Sistemas Estruturais[editar | editar código-fonte]

Estabilidade das Estruturas. Estruturas de Concreto, Metálicas, de Madeira e Outros Materiais. Pontes e Grandes Estruturas. Barragens. Estruturas Especiais. Pré-moldados.

Geotecnia[editar | editar código-fonte]

Sistemas, Métodos e Processos da Geotecnia e da Mecânica dos Solos e das Rochas. Sondagem, Fundações, Obras de Terra e Contenções, Túneis, Poços e Taludes.

Transportes[editar | editar código-fonte]

Infra-estrutura Viária. Rodovias, Ferrovias, Metrovias, Aerovias, Hidrovias. Terminais Modais e Multimodais. Sistemas e Métodos Viários. Operação, Tráfego e Serviços de Transporte Rodoviário, Ferroviário, Metroviário, Aeroviário, Fluvial, Lacustre, Marítimo e Multimodal. Técnica e Economia dos Transportes. Trânsito, Sinalização e Logística. Informações Espaciais.

Hidrotecnia[editar | editar código-fonte]

Hidráulica e Hidrologia Aplicadas. Sistemas, Métodos e Processos de Aproveitamento Múltiplo de Recursos Hídricos. Regularização de Vazões e Controle de Enchentes. Obras Hidráulicas Fluviais e Marítimas. Captação e Adução de Água para Abastecimento Doméstico e Industrial. Barragens e Diques. Sistemas de Drenagem e Irrigação. Vias Navegáveis, Portos, Rios e Canais.

Curso[editar | editar código-fonte]

O curso de Engenharia Civil é voltado principalmente para áreas exatas"matemática e física",além destas, encontramos matérias voltadas a: materiais, administração, contabilidade, topografia, desenho técnico, geológicas, específicas (concreto armado, estruturas metálicas, concreto protendido, estruturas de madeira, fundações). No grande geral as universidades oferecem aos acadêmicos cursos com 10 períodos semestrais (5 anos) quando estes são lecionados em 2 períodos diários (Ex. matutino e vespertino), também é possível encontrar cursos apenas noturnos, os quais, são ofertados para que os acadêmicos possam trabalhar, mas estes duram em média 7 à 8 anos.


 Uma das dicas mais recomendada para quem pretende cursar engenharia civil,  é avaliar a aptidão e o interesse por matérias exatas. E não é a toa que muitos sites recomendam este tópico, pois nos primeiros três anos, o estudante terá contato com diversas matérias de exatas entre elas: Calculo I,II,III,IV, Algebra Linear, Fisica I,II,III,IV, entre outras. Quem não gosta de exatas certamente terá dificuldades. Saber desenhar é um diferencial, existem disciplinas de desenho técnico na grade curricular, mas se o estudante já tiver noções de desenho, haverá dificuldades com o aprendizado. vejam mais dicas em www.construi.com.br/436curso-de-engenharia-civil/

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.