Luena (Angola)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luena
Jardim do Palacio do Governador Luena Moxico.jpg
Província Moxico
Características geográficas
População 21.000 hab.

Luena está localizado em: Angola
Luena
Localização de Luena em Angola
11° 47' " S 19° 53' " E{{{latG}}}° {{{latM}}}' {{{latS}}}" {{{latP}}} {{{lonG}}}° {{{lonM}}}' {{{lonS}}}
Prefixo telefónico 054
Projecto Angola  • Portal de Angola

Luena (às vezes escrito Lwena) é a capital da província do Moxico em Angola. A cidade possui uma população de 21.000 habitantes e está distante de Luanda por 1 250 km.

História[editar | editar código-fonte]

Luso ou Vila Luso foi o nome dado pelos portugueses quando Angola era uma colónia de Portugal. Após a independência do país, em 1975, como a cidade tinha um nome português que identificava de alguma forma esta região com o país colonizador, o governo angolano decidiu mudar o seu nome, dando-lhe o nome do rio que banha a região o rio Lwena.

Durante a guerra muitas ONGs trabalharam em Luena, incluindo MSF Belgique, Jesuit Relief Service, GOAL Irlanda, Vietnam Veterans e Medair.

Foi em Luena que ocorreram algumas das hostilidades que despoletaram a Guerra Civil Angolana, e foi perto de Luena que morreu Jonas Savimbi, líder da UNITA, o que pôs fim àquele conflito, em 2002.

Educação[editar | editar código-fonte]

A cidade do Luena tem as seguites escolas: A VALA (Escola Primária), Centro Educativo Dom Bosco (Ensino Primário), Escola do Primeiro Ciclo (Camarada Tchifutchi), Centro Euducativo Maria Auxiliadora-CEMA (Ensino Médio), 1 de Novembro Puniv (Ensino Médio), Instituto Médio de Saúde-IMS, Instituto Médio de Administração e Gestão do Luena IMAG-Luena (Ensino Médio Técnico) e a Faculdade José Eduardo dos Santos (Ensino Superior).

Língua Espanhola[editar | editar código-fonte]

Na cidade existe um certo número de falantes do espanhol por causa da presença do exército de Cuba no final do século XX, durante o processo conflituoso de descolonização e a Guerra Civil Angolana. [carece de fontes?]

Etnias[editar | editar código-fonte]

A capital do Moxico é habitada por diversos grupos étnicos, são eles: Luena ou Lwena, Côkwe (cujo idioma é o mais falado na região), Luvale, Ovimbundu, Bundas, Luchazes e Lunda-Dembo.

Geografia[editar | editar código-fonte]

A cidade está em uma zona que tem, em média, 1 350 m acima do nível do mar, possui um clima tropical modificado pela altitude com uma pluviometria média anual entorno de 1200 mm e temperatura média de 21ºC.

Igrejas[editar | editar código-fonte]

Em Luena existem igrejas de várias denominações cristãs. No bairro do Zorró existe a Igreja de Sacalumbo NS. das Vitórias do Luena (católica).

Igreja Sacalumbo Nossa Senhora das Vitórias do Luena

Turismo[editar | editar código-fonte]

Em Luena, existem alguns pontos turísticos a se visitar, entre eles pode-se encontrar a Reserva Florestal do Luena, esta floresta tem um tamanho de 1 800 Km² e fica é demarcada pelos caminhos dos rios Luena e Camege, Lago Dilolo. Tem também o Parque Nacional da Cameia. Quanto ao sector hoteleiro, existem no momento um total de: 3 hotéis (todos em funcionamento), hotel Luena, Kawango, Lumafil, 5 pensões e 34 bares e restaurantes.

O principal meio de transporte a região é o aéreo (para transporte interprovincial), pois as estradas ainda estão a ser reformadas e a linha ferroviária está a ser construída.

A cidade esta constituída em diversos bairros, alguns destes são: Nzaji, Popular, Mandembwe, Zorro, Said-Mingas, Santa Rosa, Sinal-Velho, Aço, Kapango e muitos outros.


Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Angola, integrado no Projecto Angola é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.