The Chronicles of Narnia: Prince Caspian

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


The Chronicles of Narnia: Prince Caspian
As Crónicas de Nárnia: O Príncipe Caspian (PT)
As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian (BR)
Pôster original do filme.
 Reino Unido
 Estados Unidos

2008 • cor • 150 min 
Direção Andrew Adamson
Produção Andrew Adamson
Cary Granat
Perry Moore
Douglas Gresham
Philip Steur
Roteiro Andrew Adamson
Christopher Markus
Stephen McFeely
C.S. Lewis (livro)
Elenco William Moseley
Georgie Henley
Skandar Keynes
Anna Popplewell
Ben Barnes
Liam Neeson
Peter Dinklage
Pierfrancesco Favino
Género Aventura
ação
fantasia
Idioma inglês
Música Harry Gregson-Williams
Cinematografia Karl Walter Lindenlaub
Edição Sim Evan-Jones
Estúdio Walden Media
Distribuição Walt Disney Pictures
Lançamento Estados Unidos 16 de Maio de 2008
Brasil 30 de maio de 2008
Reino Unido 26 De Junho de 2008
Orçamento US$ 225 milhões
Receita US$ 419 665 568
Cronologia
Último
Último
The Chronicles of Narnia: The Lion, the Witch and the Wardrobe
The Chronicles of Narnia: The Voyage of the Dawn Treader
Próximo
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

The Chronicles of Narnia: Prince Caspian (As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian (título no Brasil) ou As Crónicas de Nárnia: O Príncipe Caspian (título em Portugal)) é um filme estadunidense de 2008, produzido pela Disney e Walden Media baseado no livro Príncipe Caspian, o segundo da série As Crônicas de Nárnia, escrita por C.S. Lewis. É também o segundo filme da série cinematográfica The Chronicles of Narnia, após The Chronicles of Narnia: The Lion, the Witch and the Wardrobe e sucedido pelo filme The Chronicles of Narnia: The Voyage of the Dawn Treader.

O filme é dirigido pelo neozelandês Andrew Adamson como fez no filme anterior. As filmagens ocorreram na Nova Zelândia mas também ocorreram filmagens na Polônia, na República Checa e na Eslovênia. Sua estréia no Brasil ocorreu em 30 de maio de 2008 e a estréia em Portugal aconteceu em 24 de julho de 2008.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Um ano após os eventos do filme anterior, os irmãos Pevensie: Susana, Pedro, Edmundo e Lúcia são chamados de volta para Nárnia. Para eles passou apenas um ano em nosso mundo, mas em Nárnia passaram-se mais de 1300 anos e tudo mudou. Nárnia foi dominada pelos telmarinos, liderados pelo rei Miraz que procura impedir que o herdeiro do trono, príncipe Caspian, de se tornar o seu sucessor. O príncipe então usa a trompa mágica de Susana para invocar a ajuda dos antigos reis e rainhas de Nárnia e assim depois de várias batalhas, seu objetivo era devolver aos antigos habitantes de Nárnia o país que fora tomado pelos telmarinos.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

A trilha sonora, com 16 faixas, foi composta por Harry Gregson-Williams e foi lançada no dia 13 de maio, dois dias antes da estréia do filme nos EUA. Tem a participação dos cantores: Regina Spektor interpretando a música The Call, Oren Lavie interpretando a música A Dance 'Round Memory Tree, Switchfoot interpretando a música This is Home e Hanne Hukkelberg interpretando a música Lucy.

  1. Prince Caspian Flees
  2. The Kings and Queens of Old
  3. Journey to the How
  4. Arrival at Aslan's How
  5. Raid on the Castle
  6. Miraz Crowned
  7. Sorcery and Sudden Vengeance
  8. The Duel
  9. The Armies Assemble
  10. Battle at Aslan's How
  11. Return of the Lion
  12. The Door in the Air
  13. The Call
  14. A Dance 'Round the Memory Tree
  15. This Is Home
  16. Lucy (Não creditada no filme)

A música This is Home foi usada na divulgação do filme, ganhando um vídeo clip[1] com participação da banda Switchfoot mesclada com cenas do filme

A cantora Imogen Heap, que fez uma participação na trilha sonora do primeiro filme (com a música Can't Take it In), foi novamante convidada a interpretar uma música na trilha sonora de Príncipe Caspian. Ela compôs a música Polyfilla[2] mas foi rejeitada pelos produtores por considerá-la muito obscura para o filme. Imogen anunciou, em seu Vídeo Blog #21, que a música estará no seu 3° álbum de inéditas (ainda sem título), no mesmo vídeo blog ela apresenta um pedaço da música e explica porque ela não foi aceita no filme.

DVD[editar | editar código-fonte]

O DVD começou a ser vendido no dia 2 de dezembro nos EUA, no Brasil e ficou disponível para locação desde o dia 5 de novembro e para compra a partir de Janeiro de 2009. Foi disponibilizado nos formatos DVD e Blu-ray e nas versões simples, apenas com comentários de áudio do diretor Adrew Adamson e dos atores principais e uma versão de colecionador chamada "3-Disc Collector's Edition DVD", que conta com o DVD Simples, um DVD extra com cenas excluídas, 9 extras e erros de gravação, além de um terceiro DVD com uma cópia em DisneyFile Digital Copy. A Versão em Blu-Ray Duplo terá extras mais ousados, como "Visão Interativa" e "Criação do Castelo". A versão Blu-Ray Tripla tem além de todos estes extras, um outro disco com a cópia do filme e o áudio do filme em 7.1 Dobly Digital.

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

View of Cathedral Cove From Reserve.JPG Clocher de Cathedral Cove.jpg

  • A participação de Jadis (interpretada por Tilda Swinton no primeiro filme) foi completamente por computação gráfica.
  • Tilda Swinton e seu filho fizeram uma participação como centauros figurantes na batalha final do filme.
  • No livro não existe a invasão ao castelo, mas uma fala de Nikabrik deixa implícito que aconteceu uma batalha onde eles perderam muitos de seus homens.
  • No set de filmagem, Caça-Trufas foi interpretado por uma mulher vestida de verde, depois substituída pelo texugo por computação gráfica.
  • A Weta construiu uma miniatura do castelo de Miraz para o filme, a empresa disse que nem para O Senhor dos Anéis ela havia feito uma miniatura tão grande quanto aquela.
  • A cena em que Jadis (Tilda Swinton), a Feiticeira Branca, aparece no filme, não existe originalmente no livro.
  • A floresta do filme é a mesma de Fúria de Titãs (2010).

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Príncipe Caspian
Ícone de esboço Este artigo sobre ficção científica e fantasia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.