Ummagumma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ummagumma
Álbum de estúdio (estúdio e ao vivo) de Pink Floyd
Lançamento Novembro de 1969
Gravação Abril, Maio e Julho de 1969
Gênero(s) Rock Experimental, Rock Psicodélico, Música Concreta, Música Ambiente, Música Aleatória, Música de Vanguarda, Rock Instrumental, Space Rock
Duração 86:11
Gravadora(s) Harvest Records (RU)
Capitol Records (Estados Unidos)
Produção Pink Floyd e Norman Smith
Cronologia de Pink Floyd
Último
Último
Music from the Film More
(1969)
Atom Heart Mother
(1970)
Próximo
Próximo

Ummagumma é um álbum duplo da banda britânica de rock Pink Floyd, gravado e lançado em 1969, sendo o primeiro álbum gravado ao vivo e o quarto em estúdio. O projeto contém faixas gravadas ao vivo e composições inéditas em estúdio escritas individualmente pelos integrantes.[1] [2] [3]

História[editar | editar código-fonte]

Um dos álbuns foi gravado ao vivo no Mothers Club Birmingham em 27 de Abril de 1969, e na semana seguinte no Manchester College of Commerce em 2 de Maio. O outro, inclui quatro segmentos solo, um por cada membro do grupo, gravado em estúdio.

Mostrou que a nova fórmula de rock mais britânica era essencialmente capaz de suster mais aproximações experimentais à música popular como o blues e folk, mantendo as vendas num patamar aceitável para os padrões da indústria fonográfica.

O álbum foi lançado no Reino Unido em 25 de Outubro de 1969 e nos Estados Unidos em 10 de Novembro. O álbum chegou a ser o 5º mais vendido no Reino Unido e o 74º nos Estados Unidos, sendo a primeira vez que a banda conseguia pôr um álbum na lista norte americana dos 100 mais vendidos. Chegou a disco de ouro em Fevereiro de 1974 e a disco de platina em Março de 1994.

Em 1987 foi editado em álbum duplo. Em 1994, no Reino Unido e 1995 nos Estados Unidos foi editado com uma nova mistura digital. Nenhuma das versões incluía a foto da primeira mulher de Waters que aparecia no disco de vinil original.

A capa do álbum tem variantes entre as versões britânica (e canadense) e a americana. A versão britânica tinha Gigi escrito imediatamente acima do nome da banda, o que foi apagado na versão americana possivelmente devido a questões de copyright.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Disco um: ao vivo[editar | editar código-fonte]

Lado A[editar | editar código-fonte]

  1. "Astronomy Domine" - (Syd Barrett) - 8:28
  2. "Careful with That Axe, Eugene" (David Gilmour, Nick Mason, Richard Wright, Roger Waters) - 8:47

Lado B[editar | editar código-fonte]

  1. "Set the Controls for the Heart of the Sun" - (Waters) - 9:22
  2. "A Saucerful of Secrets" - (Gilmour, Mason, Wright, Waters) - 12:49

Disco dois: estúdio[editar | editar código-fonte]

Lado A[editar | editar código-fonte]

  1. "Sysyphus" (Part 1) - (Wright) - 1:08
  2. "Sysyphus" (Part 2) - (Wright) - 3:25
  3. "Sysyphus" (Part 3) - (Wright) - 1:48
  4. "Sysyphus" (Part 4) - (Wright) - 6:56
  5. "Grantchester Meadows" - (Waters) - 7:28
  6. "Several Species of Small Furry Animals Gathered Together in a Cave and Grooving with a Pict" - (Waters) - 4:57

Lado B[editar | editar código-fonte]

  1. "The Narrow Way" (Part 1) - (Gilmour) - 3:25
  2. "The Narrow Way" (Part 2) - (Gilmour) - 2:53
  3. "The Narrow Way" (Part 3) - (Gilmour) - 5:52
  4. "The Grand Vizier's Garden Party" (Entrance) - (Mason) - 0:59
  5. "The Grand Vizier's Garden Party" (Entertainment) - (Mason) - 7:06
  6. "The Grand Vizier's Garden Party" (Exit) - (Mason) - 0:40

Créditos[editar | editar código-fonte]

Participação especial:

Citações[editar | editar código-fonte]

  • "O que é que te inspirou para fazeres The Narrow Way em Ummagumma, a tua primeira grande composição para os Floyd?"
  • ”Bem, nós tínhamos decidido fazer o álbum, e que cada um teria que escrever uma peça de música sozinho...na verdade foi um desespero, tentar escrever algo sozinho, pois eu nunca tinha escrito nada antes. Fui para o estúdio e pus-me a tocar, juntando bocadinhos e peças. Há anos que não a ouço, nem faço ideia como é.” – David Gilmour - Sounds "Guitar Heroes" Magazine, Maio de 1983.

Referências

  1. "Ummagumma" Rolling Stone. Visitado em 24 de janeiro de 2015.
  2. 45 Years Ago: Pink Floyd Tries to Find Its Way With ‘Ummagumma’ Ultimate Classic Rock. Visitado em 24 de janeiro de 2015.
  3. Ummagumma - Pink Floyd Allmusic. Visitado em 24 de janeiro de 2015.
Ícone de esboço Este sobre um álbum de Pink Floyd é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.