Victor/Victoria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Victor/Victoria
Victor/Victoria (PT)
Victor ou Victória? (BR)
 Estados Unidos
1982 •  cor •  132 min 
Direção Blake Edwards
Roteiro Blake Edwards
Elenco Julie Andrews
James Garner
Robert Preston
Alex Karras
John Rhys-Davies
Género comédia musical
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Victor/Victoria (br: Victor ou Victória? / pt: Victor/Victoria) é um filme estadunidense de 1982, do gênero comédia musical, dirigido por Blake Edwards (de A pantera cor de rosa e Bonequinha de luxo).

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Na Paris de 1934, Victoria Grant é uma cantora lírica desempregada que conhece Carroll Todd, um cantor homossexual que tinha sido recentemente demitido. Juntos eles articulam um plano, no qual ela se faz passar por um homem, o Conde Victor Grezhinski, e que é um transformista. Mas a farsa corre o perigo de ser desmascarada quando ela se apaixona por King Marchand, um gângster.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Julie Andrews .... Victoria Grant / Conde Victor Grezhinski
  • James Garner .... King Marchand
  • Robert Preston .... Carroll Todd 'Toddy'
  • Lesley Ann Warren .... Norma Cassady
  • Alex Karras .... 'Squash' Bernstein
  • John Rhys-Davies .... Andre Cassell
  • Graham Stark .... garçon
  • Peter Arne .... Labisse, proprietário do Che Lui Nightclub
  • Herb Tanney .... Charles Bovin
  • Michael Robbins .... gerenter do hotel
  • Norman Chancer .... Sal Andratti
  • Malcolm Jamieson .... Richard DiNardo
  • John Cassady .... Juke
  • Jay Benedict .... Guy Langois

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Oscar 1983 (EUA)

Prêmio César 1983 (França)

  • Vencedor na categoria de melhor filme estrangeiro (meilleur film étranger).

Globo de Ouro 1983 (EUA)

  • Recebeu cinco indicações, nas categorias de melhor ator comédia/musical (Preston), melhor atriz coadjuvante (Warren), melhor filme comédia/musical, melhor trilha sonora e melhor atriz comédia/musical (Andrews), vencendo esta última.

Prêmio David di Donatello 1983 (Itália)

  • Venceu nas categorias de melhor atriz estrangeira (Julie Andrews) e melhor roteiro de filme estrangeiro.

Grammy 1983 (EUA)

  • Recebeu uma indicação na categoria de melhor trilha sonora - TV/cinema.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Este é o sexto de oito filmes em que o diretor Blake Edwards e a atriz Julie Andrews, sua esposa na vida real, trabalharam juntos. Os demais foram Lili, minha adorável espiã, de 1970; As sementes de tamarindo, de 1974; Julie and Dick at Covent Garden, de 1974; Mulher nota 10, de 1979; S.O.B., de 1981; O homem que amava as mulheres, de 1983, e Assim é a vida, de 1986.
  • Vítor ou Victória? é baseado em Viktor und Viktoria, filme alemão de 1933.
  • Tom Selleck esteve cotado para interpretar o personagem "King Marchand", mas teve que desistir do personagem devido ao seu trabalho na série de televisão Magnum.
  • A TRADUCAO foi produzida pela Hebert Richards em, muito provavelmente, 1985. A Atriz Anne Leslie Warren na dublagem diz "te vejo na igreja". A personagem dela é a "loura-burra", scort de luxo que nessa cena divide o diálogo com um crooner gay! Nao aparece nenhuma igreja no filme. Na verdade ela disse: "Keep in touch", mas os encarregados da dublagem entenderam "see you in church".

Ligações externas[editar | editar código-fonte]