Ŭ

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Ŭŭ" nas fontes Times New Roman e Arial

Ŭ (minúscula: ŭ) é uma letra no alfabeto esperanto,[1] baseada em u. Também é usado em bielorrusso, quando escrito na forma do século XX do alfabeto latino bielorrusso (Łacinka).[2][3] O acento (diacrítico) é conhecido como bráquia ou breve.[4]

Esta letra não deve ser confundida com u-caron, que é usada para indicar u no terceiro tom do pinyin da língua chinesa;[5][6] compare Č č (caron) com Ŭ ŭ (breve).

Bielorrusso[editar | editar código-fonte]

No alfabeto bielorrusso, a letra ŭ é chamada de u semivogal (romanizado: u nieskładovaje). Depois o alfabeto cirílico voltou a ser usado, e o latino está sendo gradualmente substituído por este. É um alofone de /v/ que forma os ditongos "aŭ", "eŭ", "oŭ" e é equivalente a [u̯]. Sua contraparte cirílica é ў.[2]

Esperanto[editar | editar código-fonte]

Esperanto flag
Tópico sobre Esperanto
Esse artigo faz parte da série em desenvolvimento Esperanto
Gramática
Esperanto | Gramática | Alfabeto | Ortografia | Vocabulário | Correlativos | Preposições | Advérbios | Conjunções | Afixos | Pronomes | Signuno
História
História | Zamenhof | "Unua Libro" | Declaração de Boulogne | "Fundamento" | Manifesto de Praga | Discursos de Zamenhof
Cultura
Cultura | Esperantistas | Esperantujo | Cinema | Internacia Televido | La Espero | Bibliotecas | Literatura | Falantes nativos | Cultura pop | Publicações | Símbolos | Dia de Zamenhof
Organizações e serviços
Amikeca Reto | Academia de Esperanto | Kurso de Esperanto | Pasporta Servo | TEJO | UEA
Críticas
Esperantido | Valor propedêutico | Reformas | Iĉismo | Esperanto X Ido | Interlingua | Novial
Wikimedia
Portal | Vikipedio | Vikivortaro | Vikicitaro | Vikifonto | Vikilibroj | Vikikomunejo | Vikispecoj
editar
Caracteres especiais
do Esperanto
Ĉ - Ĝ - Ĥ - Ĵ - Ŝ - Ŭ

Ŭ é também uma semivogal em esperanto, consistindo da 26.ª letra deste alfabeto. Possui a pronúncia de [w] como no u e no l (em português brasileiro) em qual (/ˈkwaw/), e formam os ditongos "aŭ" e "eŭ".[7]

Romeno[editar | editar código-fonte]

Ŭ anteriormente fazia parte do alfabeto romeno,[8] era usado apenas no final de uma palavra. Era essencialmente um equivalente latino do sinal forte (Ъ)[9] eslavo encontrado em idiomas como o russo. Geralmente não pronunciado, servia para indicar que a consoante anterior não era palatalizada ou que o i anterior era a vogal [i] e não um mero marcador de palatalização. Quando ŭ era pronunciado, seguiria uma vogal estressada e substituiria a semivogal u, como nas palavras ("eu"), ("ter") e meŭ ("meu"), todas escritas hoje sem o breve.

Outros usos[editar | editar código-fonte]

Em algumas transcrições filológicas do latim, "ŭ" denota um u curto[10] — por exemplo, "fŭgō" ([ˈfʊɡoː], afugentar), e "fūmō" ([ˈfuːmoː], fumar).

A romanização McCune-Reischauer do coreano usa "ŭ" para a vogal posterior fechada não-arredondada 으.[11][12][13]

Referências

  1. «Esperanto language, alphabet and pronunciation». omniglot.com. Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  2. a b S. Young (2006). Belorussian 2 ed. [S.l.]: Encyclopedia of language and linguistics 
  3. «Belarusian language, alphabet and pronunciation». omniglot.com. Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  4. «Ŭ». graphemica.com. Consultado em 23 de julho de 2019. Cópia arquivada em 23 de julho de 2019 
  5. «Chinesische Umschrift Hanyu-Pinyin | 学习中文.de». xuexizhongwen.de. Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  6. «Chinese Third Tone | Mandarin Pinyin Third Tone - ChineseFor.Us» (em inglês). Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  7. «Alfabeto e Pronúncia do Esperanto». hridiomas.com.br. 4 de novembro de 2018. Consultado em 23 de julho de 2019. Cópia arquivada em 23 de julho de 2019 
  8. «Romanian Alphabet». Pinhok Languages (em inglês). Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  9. «Romanian language, alphabet and pronunciation». omniglot.com. Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  10. «PHONETICA LATINÆ - How to pronounce Latin». la.raycui.com. Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  11. «McCune–Reischauer explained». everything.explained.today. Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  12. «Korean language | History, Characteristics, & Facts». Encyclopedia Britannica (em inglês). Consultado em 6 de dezembro de 2019 
  13. «McCune-Reischauer Romanization System for Korean Language – International and Area Studies Library – U of I Library». www.library.illinois.edu. Consultado em 6 de dezembro de 2019