Cleibson Ferreira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cleibson Ferreira
Informações pessoais
Nome completo Cleibson Ferreira da Silva
Data de nasc. 10 de agosto de 1972 (44 anos)
Local de nasc. Recife (PE),  Brasil
Apelido Luxemburgo do Nordeste[1][2][3]
Informações profissionais
Equipa atual
Brasil Miguelense FC - AL
Posição Treinador
(ex-Futebolista)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1985–1992
1991–1992
1993
1994
1994
1995
1995
1996
1997
1998
1999
1999–2000
2001
2002
2003
2004
2004
2004
2005
2005
2006
Brasil Sport
Brasil Central
Brasil Esporte
Brasil Poções
Brasil Maruinense
Bolívia Real Potosí
Bolívia Bolívar
Bolívia Guabirá
Bolívia Nacional Potosí
Bolívia Fancesa
Brasil Alecrim
Brasil Crato
Brasil Sport Boa Vista
Brasil Formosa
Brasil Ypiranga
Brasil Guarani de Juazeiro
Brasil Petrolina
Brasil Camponovense
Brasil Operário de Mafra
Brasil Grêmio Umuarama
Brasil Brusque
Times/Equipas que treinou
1997
1997
1998
2002
2005
2006
2006
2007
2007
2007
2008
2008-2009
2009
2009
2009
2009–2010
2010
2010–2011
2011
2012
2012
2013
2013
2013
2014
2014
2014-2015
2015
2016
2016
2016
Bolívia Nacional Potosí Sub-20
Bolívia Deportiva Fancesa Sub-20
Bolívia Stormers
Pernambuco Grêmio Petrolândia-PE
Pernambuco Itacuruba
Pernambuco Santa Cruz (auxiliar-técnico)
Maranhão Codó
Maranhão Imperatriz
Pernambuco Vera Cruz
Pernambuco Náutico (auxiliar-técnico)
Pernambuco Náutico Sub-17
Brasil Brasil (observador-técnico / Nordeste)
Pernambuco Náutico Sub-20
Pernambuco Náutico B
Pernambuco Náutico (interino)
Pernambuco Seleção Pernambucana
Minas Gerais Atlético Mineiro (auxiliar-técnico estag.)
Bahia Galícia
Sergipe Boquinhense
Mato Grosso CRAC
Pernambuco Ipojuca
Rio Grande do Norte Coríntians de Caicó
Bahia Galícia
Tocantins Juventude-TO
Tocantins Sport Guaraí-TO
Pernambuco FC Afogados da Ingazeira-PE
Pernambuco América Futebol Clube-PE
Pernambuco Araripina Futebol Clube-PE
Pernambuco Pesqueira Futebol Clube-PE
Paraíba Atlético de Cajazeiras-PB
Alagoas Miguelense F.C-AL

Cleibson Ferreira da Silva, mais conhecido como Cleibson Ferreira (Recife, 10 de agosto de 1972), é um treinador e ex-futebolista brasileiro que atuava como meio campista / Atacante.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ex-jogador profissional, atuou em vários clubes brasileiros, como por exemplo o Sport Recife, onde fez parte de uma geração vitoriosa, onde atuou ao lado de jogadores como; Sergio Alves, Mirandinha, Alencar, Sandro, Lima, Albérico, Christiano, Gilberto Gaucho, Adriano, entre outros e encerrou a carreira no Brusque do estado de SC, atuou também no exterior, como por exemplo no Bolívar, Real Potosí e Guabirá, todos da Bolívia, em um total de 24 clubes profissionais de vários estados brasileiros e outros países.

Formado em Educação Física pela Escola Superior de Educação Física da Universidade de Pernambuco e pelo Conselho Federal de Educação Física, ganhou notoriedade ao dirigir o pernambucano Vera Cruz durante a Série C do Campeonato Brasileiro de 2007. No jogo da primeira rodada da competição, diante do ABC, no Estádio Carneirão, em Vitória de Santo Antão, Cleibson Ferreira foi o destaque, recebendo elogios da imprensa local e nacional que estavam cobrindo o jogo.

Quando dirigiu o Deportiva Fancesa da Bolívia, acumulou as funções de treinador e jogador. Seu time, na época, apresentava grandes atuações ao ponto de ser convidado a se firmar como treinador da equipe principal.

No ano de 2013 teve uma excelente temporada. No primeiro semestre, comandou o Coríntians de Caicó durante o estadual da primeira divisão, ajudando a equipe a chegar ao vice-campeonato da Copa Rio Grande do Norte de 2013. Na sequência, esteve à frente do Galícia, sendo contratado para a temporada de 2013 e dando início a uma histórica campanha, consagrando-se campeão da segunda divisão baiana[4] depois de 25 anos e, consequentemente, conseguindo o acesso após 14 anos de espera. No final do segundo semestre, fez uma grande campanha com o Juventude de Tocantins, classificando a equipe a fase final do campeonato tocantinense[5].

Cleibson Ferreira foi um dos poucos treinadores que comandou o Galícia em mais de uma temporada, estando à frente do clube baiano em 2011 e 2013.

Na temporada 2014 o treinador disputou o Campeonato Tocantinense da primeira divisão na equipe do Sport Guaraí e no segundo semestre comandou o Pernambucano Afogados da Ingazeira FC na surpreendente campanha da série A2, onde também foi o primeiro treinador do jovem clube em uma competição profissional, em 2015 o treinador trabalhou nos também clubes Pernambucanos, o centenário America FC e o Araripina FC.

Para temporada 2016 o treinador aceitou o convite do Pesqueira Futebol Clube e comandou o clube durante o campeonato Pernambucano da primeira divisão (Série A1).

Ao pedir desligamento do Pesqueira, o treinador aceitou o convite para comandar a equipe Paraibana Atlético Cajazeirense de Desportos.

Após livrar o clube Paraibano do Atlético de Cajazeiras do rebaixamente[6]. na disputa do Campeonato paraibano da primeira divisão (Série A1), realizando um feito que para muitos era impossível.

O treinador para o segundo semestre do ano 2016 foi contratado para comandar o clube alagoano Miguelense Futebol Clube.

Dando sequencia aos grandes trabalhos, o treinador conseguiu o acesso do clube para a elite do futebol Alagoano.

O Miguelense aguardava voltar as atividades profissional à17 anos, e no primeiro ano do treinador Pernambucano no futebol alagoano, conseguiu o acesso.

Títulos como treinador.[editar | editar código-fonte]

Nacional Potosí
Club Fancesa
  • Bolívia Campeonato Interestadual Sub-20: 1997
Itacuruba
  • Pernambuco Copa do Interior: 2005
Náutico
Galícia

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Stormers
  • Campeonato Chuquisaqueño (Estadual Boliviano): 1998 (vice-campeão)
Náutico
Corintians de Caicó

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

  • Eleito treinador revelação da série A2 do futebol Baiano (segundo imprensa baiana): 2011
  • Eleito melhor treinador do Nordeste das categorias de base (sub-15, sub-17 e sub-20) (segundo grupo de investidores e acompanhamento de futebol de base do Nordeste): 2008
  • Eleito melhor treinador do Brasil no ano em estatística segundo o blog esportivo Futebol Super Brilhante: 2008
  • Eleito melhor treinador da Copa Maceió (segundo imprensa alagoana): 2008

Referências

  1. «Treinador pernambucano revelação do futebol brasileiro». FutBlog.com. 18 de março de 2009. Consultado em 22 de março de 2014. 
  2. «Cleibson Ferreira recebe equipe do FNS para um bate-papo». FutebolCaririense.com. Consultado em 22 de março de 2014. 
  3. «Luxemburgo do Nordeste vive expectativa com Afogadense». FutebolCaririense.com. Consultado em 22 de março de 2014. 
  4. GloboEsporte.com (28 de julho de 2013). «Galícia conquista o título da Segunda Divisão do Campeonato Baiano». GloboEsporte.com. Consultado em 22 de março de 2014. 
  5. «Segundona chega ao fim da primeira fase no próximo sábado». MiracemaFM.com. 13 de novembro de 2013. Consultado em 22 de março de 2014. 
  6. «Após assumir Atlético de Cajazeiras e livrar do rebaixamento, Técnico Cleibson Ferreira concede exclusiva ao blog do Stefano Wanderlei». www.esportedovale.com.br/. 13 de maio de 2016. Consultado em 8 de Julho de 2016. 
  7. «Miguelense do treinador Cleibson Ferreira bate o Santa Cruz com gol nos acréscimos e sobe para a elite do Alagoano». www.esportedovale.com.br. Consultado em 2016-11-09. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]