Governo do Estado do Rio de Janeiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Governador do Rio de Janeiro
Brasão do estado do Rio de Janeiro.svg
Residência Palácio Guanabara
Palácio Laranjeiras
Duração 4 anos
Website www.rj.gov.br

O Governo do Estado do Rio de Janeiro ou Poder Executivo fluminense é chefiado pelo governador do estado do Rio de Janeiro, Brasil, que é eleito em sufrágio universal e voto direto e secreto pela população do estado para mandatos de 4 anos de duração, podendo ser reeleito para mais um mandato.

Sua sede atual é o Palácio Guanabara, que desde 1975 é sede do governo fluminense. Já a residência oficial da governadoria estadual é o Palácio Laranjeiras.

O estado do Rio de Janeiro é composto pelos por três poderes: legislativo, representado pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, executivo, representado pelo governador, e o judiciário, representado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Executivo[editar | editar código-fonte]

O Poder Executivo fluminense é composto por 20 secretarias, incluindo a Procuradoria Geral e a Defensoria Pública do Estado do Rio.

Legislativo[editar | editar código-fonte]

O Poder Legislativo do Rio de Janeiro é unicameral, assim como os das demais unidades federativas brasileiras, constituído pela ALERJ, sediada no Palácio Tiradentes, no Centro do Rio de Janeiro. Ela é constituída por 70 deputados estaduais, que são eleitos a cada 4 anos.

Judiciário[editar | editar código-fonte]

A maior corte do Poder Judiciário fluminense é o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, localizada no Palácio da Justiça do Estado do Rio de Janeiro, no centro do Rio.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Governo do RJ. «GOVERNADORIA CONHEÇA O GOVERNADOR». Consultado em 9 de dezembro de 2017 
  2. Folha de S.Paulo. «Tribunal restabelece prisão de Picciani e mais dois deputados do RJ». Consultado em 9 de dezembro de 2017 
  3. TJRJ. «Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro». Consultado em 9 de dezembro de 2017