Hemorragia pré-parto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hemorragia pré-parto
Menos de 500ml podem significar início do trabalho de parto.
Especialidade obstetrícia
Classificação e recursos externos
CID-10 O46
DiseasesDB 30077
A Wikipédia não é um consultório médico. Leia o aviso médico 

Hemorragia pré-parto, sangramento pré-natal ou hemorragia anteparto é uma emergência médica caracterizada por sangramento genital durante a gravidez durante ou depois da 28ª semana (alguns autores definem como a partir da 20ª semana) de idade gestacional a termo.[1][2]

Está associado com a redução do peso fetal ao nascimento.[3]

Deve ser considerada como uma emergência médica mesmo sem dor e a atenção médica deve ser procurada imediatamente. Quanto mais sangue perdido pior o prognóstico. Se não for tratada pode levar a morte da mãe e/ou do feto.

Causas[editar | editar código-fonte]

Tratamento[editar | editar código-fonte]

O tratamento depende da causa e pode incluir[4]:

  • Estimar a perda sanguínea e provável causa
  • Monitorar estado hemodinâmico e respiratório
  • Reposição de líquidos com solução fisiológica ou sangue inteira por via intravenosos
  • Controlar a hemorragia
    • Terapia medicamentosa: oxitocina, ergometrina, carbetocina ou misoprostol
    • Intervenções: Massagem uterina bimanual, tamponamento uterino, inserção de balão (técnica de Seldinger), embolização com radiação
    • Cirurgia: ligadura ou sutura de vasos sanguíneos lesionados, histerectomia parcial ou total em casos graves

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. patient.info » PatientPlus » Antepartum Haemorrhage
  2. The Royal Women’s Hospital > antepartum haemorrhage Arquivado em 8 de janeiro de 2010, no Wayback Machine. Retrieved on Jan 13, 2009
  3. «Women with placenta praevia and antepartum haemorrhage have a worse outcome than those who do not bleed before delivery». Journal of obstetrics and gynaecology : the journal of the Institute of Obstetrics and Gynaecology. 20. PMID 15512459. doi:10.1080/01443610063417 
  4. ASTURIZAGA, Patricia y TOLEDO JALDIN, Lilian. HEMORRAGIA OBSTÉTRICA. Rev. Méd. La Paz [online]. 2014, vol.20, n.2 [citado 2018-02-24], pp. 57-68 . Disponible en: <http://www.scielo.org.bo/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1726-89582014000200009&lng=es&nrm=iso>. ISSN 1726-8958.