Mary Frances Lyon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mary Frances Lyon
Conhecido(a) por Descoberta da inativação do cromossomo X
Nascimento 15 de maio de 1925 (92 anos)
Norwich
Nacionalidade Inglaterra Inglesa
Alma mater Girton College (Cambridge)
Prêmios Medalha Real (1984), Prêmio Wolf de Medicina (1996-7), Prêmio March of Dimes de Biologia do Desenvolvimento (2004), Prêmio Pearl Meister Greengard (2006)
Orientador(es) Ronald Fisher
Campo(s) Genética

Mary Frances Lyon, FRS (Norwich, 15 de maio de 1925) é uma geneticista inglesa. É conhecida pela descoberta da inativação do cromossomo X, um importante fenômeno citogenético.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Oakes, Elizabeth H. Lyon, Mary Frances. International Encyclopedia of Women Scientists. New York, NY. Facts On File, Inc. 2002. Facts On File, Inc. Science Online. [1].
  • A short biography of Mary Lyon [2].

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Daniel Joseph Bradley, Wilhelm Siegmund Feldberg e John Kingman
Medalha Real
1984
com Alexander Lamb Cullen e Alan Battersby
Sucedido por
John Argyris, John Gurdon e Roger Penrose


Ícone de esboço Este artigo sobre um médico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.