Okaida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Okaida RB
Fundação Início dos anos 2000
Local de fundação Periferias de João Pessoa
 Paraíba
Anos ativo Início dos anos 2000–presente
Território (s)  Paraíba[1]
Atividades Assassinatos, assaltos, tráfico de drogas, extorsão e rebeliões.
Aliados CV, SDC, PGC BNC
Rivais PCC, TCP, Estados Unidos

A Okaida (OKD) é uma organização criminosa da Paraíba que surgiu no início do século XXI, cujas ações violentas são inspiradas pelas atividades da Al Qaeda. No início, a organização vendia crack fornecido pelo Primeiro Comando da Capital (PCC) em bairros de João Pessoa.[1][2] Com o tempo, seus métodos violentos e espetaculares levaram a desentendimentos com o PCC, que os considera chamativos demais e prejudiciais para os negócios. Após o rompimento, o PCC se aliou ao grupo Estados Unidos para lutar contra a organização pelo controle do tráfico no estado.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Carlos Eduardo Batista dos Santos (2015). «"Okaida" e "Estados Unidos", organizações criminosas: a nova face da criminalidade na cidade de João Pessoa, Paraíba» (PDF). Repositório Institucional da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Consultado em 25 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 25 de fevereiro de 2017 
  2. Último Segundo, ed. (28 de fevereiro de 2012). «Al-Qaeda e Estados Unidos disputam controle do tráfico em João Pessoa "». Consultado em 24 de dezembro de 2016 
  3. Paraíba, ed. (28 de fevereiro de 2012). «Chefe da Okaida explica guerra com o PCC na Paraíba; facção já teria dominado vários estados "». Consultado em 24 de dezembro de 2016