Rodrigão (futebolista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rodrigão
Informações pessoais
Nome completo Rodrigo Gomes dos Santos
Data de nasc. 13 de outubro de 1993 (24 anos)
Local de nasc. Belmonte (BA), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,86 m
Destro
Apelido Rodrigol, Rodrigão [1] Rodrigo Chulapa [2]
Informações profissionais
Período em atividade 2013presente (4 anos)
Clube atual Bahia
Número 39
Posição Atacante
Clubes de juventude
2013 Democrata-GV
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20142015
2015
20152016
2016
2017
Democrata-GV
Boa Esporte
Campinense
Santos
Bahia (emp.)
0026 0000(8)
0005 0000(0)
0034 000(23)
0027 0000(8)
0014 0000(5)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 15 de outubro de 2017.

Rodrigo Gomes dos Santos, mais conhecido como Rodrigão (Belmonte13 de outubro de 1993), é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente, joga pelo Bahia emprestado pelo Santos.

.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Democrata-GV[editar | editar código-fonte]

Natural de Belmonte, Bahia,[3] Rodrigão começou a carreira no Democrata-GV no final de 2013, após se destacar em um período de testes.[4] Ele fez sua estreia pelo clube no ano seguinte, no Campeonato Mineiro Módulo II.

Boa Esporte[editar | editar código-fonte]

Em março de 2015, assinou com o Boa Esporte.

Rodrigão fez sua estreia como profissional em 8 de maio de 2015, sendo titular em uma derrota por 1 a 0 para o Atlético Goianiense pela Série B do Brasileirão.[5] Em 9 de junho, depois de contribuir com apenas cinco jogos, ele foi liberado pelo Boa.[6]

Campinense[editar | editar código-fonte]

Em 19 de junho de 2015, Rodrigão foi contratado pelo Campinense para disputar a Série D.[7] Em 12 de julho, marcou dois gols em uma vitória em casa por 2 a 0 contra a Globo, e acrescentou um "hat-trick" na vitória por 3 a 1 contra o Coruripe em 16 de agosto.[8]

Rodrigão começou a temporada 2016 marcando o gol da vitória em um 2 a 1 sobre o CSP pelo Campeonato Paraibano em 30 de janeiro.[9] Ele também marcou mais dois hat-tricks no mês seguinte, contra o Esporte de Patos (7 a 1 em casa)[10] e Imperatriz (3 a 0 fora).[11] Foi artilheiro da Copa do Nordeste em 2016

Santos[editar | editar código-fonte]

Em 19 de março de 2016, Rodrigão assinou um pré-contrato com o Santos, porém apenas se apresentando no seu novo clube no dia 1º de junho.[12] O atleta foi contratado para ser um reserva imeditado do centroavante Ricardo Oliveira, que por sua idade avançada (36 anos) poderia não aguentar uma temporada completa. Durante seu período no clube alvinegro, chegou a liderar o Prêmio Artur Friedenreich (que premia o jogador que mais fez gols no Brasil no ano) e aumentar uma vantagem de gols que já era conquistada quando era atleta do Campinense.[13] O jogador, porém, perdeu espaço na equipe após um ótimo começo (quatro gols em três jogos), viu seu rendimento cair e além de perder espaço na equipe para Joel e ser cotado pelo Santos para empréstimo ou uso de moeda de troca em uma eventual transação, ainda perdeu o prêmio Friendenreich para Robinho, do Atlético Mineiro.[14]

Bahia[editar | editar código-fonte]

Sem muitas oportunidades no Santos, foi emprestado ao Bahia para jogar o Campeonato Brasileiro 2017.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado até 30 de setembro de 2017.[15]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Democrata-GV 2013 0 0 0 0 0 0
2014 1 1 0 16 7 0
2015 0 0 0 10 1 0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 26 8 0 26 8 0
Boa Esporte 2015 5 0 0 5 0 0
Total 5 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 5 0 0
Campinense 2015 8 5 0 8 5 0
2016 26 18 3 26 18 2
Total 8 5 0 0 0 0 0 0 0 26 18 3 34 23 2
Santos 2016 15 3 1 4 1 0 19 4 1
2017 2 0 0 0 0 0 0 0 0 6 3 0 8 3 0
Total 17 3 1 4 1 0 0 0 0 6 3 0 27 7 1
Bahia 2017 12 5 2 0 0 0 12 5 2
Total 12 5 2 0 0 0 12 5 2

Títulos[editar | editar código-fonte]

Campinense

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Artilharias[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Rodrigol: artilheiro aceita apelido e diz não querer "acordar de sonho" - Globoesporte.globo.com». http://globoesporte.globo.com. Consultado em 13 de julho de 2016 
  2. «Chulapa passa apelido a Rodrigão e prevê: 'Vai dar certo no Santos' - Terra». https://esportes.terra.com.br/. Consultado em 15 de julho de 2016 
  3. «Atacante Rodrigão cotado para substituir Ricardo Oliveira no Santos». PB Agora. 16 de março de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  4. «Perto do Santos, artilheiro do Brasil era pintor de parede até os 19 e sonha em jogar na Vila». ESPN Brasil. 23 de março de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  5. «Arthur marca o gol da vitória rubro-negra contra o Boa Esporte». Globoesporte.com. 8 de maio de 2015. Consultado em 23 de junho de 2016 
  6. «Em processo de reformulação, Boa Esporte dispensa três jogadores». Globoesporte.com. 9 de junho de 2015. Consultado em 23 de junho de 2016 
  7. «Campinense anuncia a contratação do atacante Rodrigão, ex-Boa Esporte». Globoesporte.com. 19 de junho de 2015. Consultado em 23 de junho de 2016 
  8. «Com show de Rodrigão, Campinense bate o Coruripe e dispara na liderança». Globoesporte.com. 16 de agosto de 2015. Consultado em 23 de junho de 2016 
  9. «Campinense leva gol no fim, mas vence CSP na estreia». Voz da Torcida. 30 de janeiro de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  10. «Campinense goleia o Esporte por 7 a 1 em jogo histórico de Rodrigão e Pitbull». Globoesporte.com. 7 de março de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  11. «Rodrigão comanda goleada do Campinense contra Imperatriz». Globoesporte.com. 10 de março de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  12. «Santos acerta a contratação de Rodrigão, artilheiro do Brasil em 2016». Globoesporte.com. 19 de março de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  13. Artilheiro do Ano: Rodrigão volta a liderar isolado; Gabriel Jesus sobe
  14. Cobiçado por quatro clubes, Rodrigão é visto como moeda de troca no Santos
  15. «Perfil de Rodrigão». Soccerway. Consultado em 3 de julho de 2016 
  16. «Confira a seleção da Copa do Nordeste 2016». Esporte Interativo. 3 de maio de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 
  17. a b «Campinense e Botafogo-PB dominam a Seleção do Campeonato Paraibano». Globoesporte.com. 16 de junho de 2016. Consultado em 23 de junho de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]