Volkswagen Pointer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde abril de 2014).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.


Volkswagen Pointer
Pwiki1.jpg
Pwiki3.jpg
Visão Geral
Nomes
alternativos
Na Europa, VW Pointer é o nome do brasileiro Volkswagen Gol
Produção 19941996
Fabricante Volkswagen
Modelo
Classe Hatchback de 5 Portas
Carroceria 2 Volumes
Ficha técnica
Motor 1.8 e 2.0 com Injeção Eletrônica monoponto e multiponto
Transmissão Manual de 5 marchas
Layout Motor transversal com Tração Dianteira
Modelos relacionados Volkswagen Logus
Fiat Tipo
Ford Escort (Brasil)
Ford Verona
Chevrolet Kadett
Volkswagen Apollo
Dimensões
Peso 1190 kg
Tanque 323 Litros de Porta-Malas
64 Litros de Capacidade do Tanque de Combustível.
Consumo 2.0:
Cidade: 8,1 km/l
Estrada: 12,24 km/l
1.8:
Cidade: 10 km/l
Estrada: 14,5 km/l
Cronologia
Nenhum
Volkswagen Polo

O Pointer foi um automóvel fabricado pela Volkswagen no Brasil na década de 1990. Resultado da Autolatina (parceria firmada entre a Volkswagen e a Ford no Brasil) gerou, entre outros, os modelos híbridos Escort/Pointer e Verona/Logus. O Pointer é um facelift do Escort de 5a geração (2a geração no Brasil), adicionando farois, lanternas, para-choques e interior no estilo Volkswagen. Outubro de 1993. A imprensa é apresentada ao Pointer, nas versões CLi 1.8, GLi 1.8, GLi 2.0 e o esportivo GTi 2.0, todas equipadas com injeção eletrônica Fic. Desenvolvido sob a plataforma do novo Ford Verona, por possuir 5 portas, design mais agressivo que o Logus e tendo reunido o inédito conceito para o modelo GTi: Um esportivo confortável e de cinco portas. Possuía um design limpo e com a ausência de saliências.

Era um Hatchback de forma robusta,com enorme vidro traseiro, levemente convexo e duas janelas vigias após a segunda porta, com colunas fixas para não prejudicar em nenhum momento a visibilidade do motorista. mesmas características técnicas em relação ao seu irmão Logus, tendo como diferença os freios à disco nas 4 rodas, a ausência da motorização 1.6 devido ao seu maior peso, e no lançamento este veio no começo equipado com injeção eletrônica Bosch Le-Jetronic, sendo que os primeiros modelos 2 litros do Logus não vieram com esta injeção, e sim com o malfadado carburador eletrônico.

O modelo GTi, vinha com um grave erro de fabrica pois tinha uma relação de quinta marcha muito curta, o que fazia o motor girar a quase 3500 rpm a 100 km/h, sendo que carros de cilindrada e potência semelhantes possuíam motor que gira por volta de 2800 rpm. O problema foi sanado em julho de 1994, com a adoção de uma relação de quinta marcha mais longa, reduzindo consumo, ruído e melhorando a sua velocidade máxima consideravelmente.

O modelo foi produzido na Argentina, tendo uma boa aceitação naquele mercado, com isso nós contamos com algumas unidades Argentinas rodando por aqui, e o mesmo ocorre lá. O carro chegou a participar de um campeonato de Multi-marcas por lá.

Como o modelo foi lançado em 1994 já com injeção eletrônica, as suas únicas mudanças na linha 95/96 foram os pára-choques pintados para os modelos CLi e GLi e a mudança na padronagens dos tecidos igual ao sedã.

Na linha 1996, foi apresentado nova forração em veludo, muito mais sóbria, bonita e confortável (Igual ao Logus Wolfsburg), volante e manopla em couro para o esportivo GTi, novas rodas aro 14, usadas futuramente no Pólo Classic

O nome Pointer designou o VW Gol, VW Parati ,VW Voyage e VW Saveiro brasileiros entre as gerações 2 e 4 que foram exportados para o México. A quinta geração nese pais tomam o seus nomes originais: Volkswagen Gol e Volkswagen Saveiro.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]