Ética empresarial

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A ética empresarial pode ser entendida como um valor da organização que assegura sua sobrevivência, sua reputação e, consequentemente, seus bons resultados. Para Moreira, a ética empresarial é "o comportamento da empresa - entidade lucrativa - quando ela age de conformidade com os princípios morais e as regras do bem proceder aceitas pela colectividade (regras éticas)."[1] (1)

A ética do lucro[editar | editar código-fonte]

O lucro é a parte mais sensível de uma organização, por isso exige cuidado no momento do planeamento para sua obtenção. Isto significa que ser antitético, enganando seus clientes, não é uma boa conduta para a empresa que almeja se desenvolver e crescer perante à concorrência.

Assim, pode-se deduzir que a obtenção do lucro é um dos factores advindo as satisfação dos clientes, pois é objectivo do negócio, que a empresa desenvolve para cumprir suas metas, tendo como retorno o resultado dos serviços prestados.[2]

Valores éticos[editar | editar código-fonte]

São um conjunto de acções éticas que auxiliam gerentes e funcionários a tomar decisões de acordo com os princípios da organização.

Quando bem implementado, os valores éticos tendem a especificar a maneira como a empresa administrará os negócios e consolidar relações com fornecedores, clientes e outras pessoas envolvidas.[3]

Código de ética[editar | editar código-fonte]

É um instrumento criado para orientar o desempenho de empresas em suas ações e na iteração com seu diversificado público.[desambiguação necessária] Para a concretização deste relacionamento, é necessário que a empresa desenvolva o conteúdo do seu código de ética com clareza e objectividade, facilitando a compreensão dos seus funcionários.

Se cada empresa elaborasse seu próprio código, especificando sua estrutura organizacional, a actuação dos seus profissionais e colaboradores poderia orientar-se através do mesmo.

O sucesso da empresa depende das pessoas que a compõe, pois são elas que transformam os objectivos, metas, projectos e até mesmo a ética em realidade. Por isso é importante o comprometimento do indivíduo com o código de ética.[4]

Empresas que criaram seu próprio código de ética[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. MOREIRA, Joaquim Magalhães. A ética empresarial no Brasil. São Paulo: Pioneira, 1999. p. 28.
  2. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas ourives
  3. ÉTICA: identifique e articule valores claros. Disponível em: http://www.ethos.org.br/DesktopDefault.aspx?TabID=3643&Alias=ethos&Lang=pt-BR Acesso em: 10 nov 2005.
  4. MONTANI, Silvana. Ética Empresarial, um código de sobrevivência. Disponível em: http://www.itcon.com.br/noticia3.html Acesso em: 10 nov 2005.
  5. Código de ética Petrobras. Disponível em: http://www2.petrobras.com.br/portal/frame.asp?pagina=/Petrobras/portugues/visao/vis_codigos_index.htm Acesso em: 10 nov 2005
  6. ABRASEL. Disponível em: http://www.interlins.com.br/abrasel-am/codigo.htm Acesso em: 12 nov 2005
  7. CASSI. Disponível em: http://www.cassi.com.br/templateInt.asp?page=institucional/instituicao.asp&id=3&grupo=1 Acesso em: 05 mai 2009
  8. Código de Ética da Caixa: http://www.caixa.gov.br/acaixa/codigo_etica.asp
  9. Código de Ética da CPFL Energia: http://www.cpfl.com.br/Default.aspx?alias=www.cpfl.com.br/etica
  10. Disponível em: http://br.groups.yahoo.com/group/codigos_de_etica