1941 (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
1941
1941 - Ano Louco em Hollywood (PT)
1941 - Uma guerra muito louca (BR)
 Estados Unidos
1979 • cor • 118 min 
Direção Steven Spielberg
Roteiro Robert Zemeckis
Bob Gale
Elenco Dan Aykroyd
John Belushi
Christopher Lee
John Candy
Género comédia, guerra
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

1941 (br: 1941 - Uma guerra muito louca / pt: 1941 - Ano Louco em Hollywood) é um filme estadunidense de 1979, dos gêneros comédia e guerra. Dirigido por Steven Spielberg.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

7 de dezembro de 1941. Em um ataque de surpresa o braço naval aéreo da frota imperial japonesa bombardeou a base naval de Pearl Harbor, nos Estados Unidos, e colocou o país na 2ª Guerra Mundial. Os americanos ficaram abalados, chocados e ultrajados com este ataque traiçoeiro. Na costa oeste a população entrou em paranóia. O pânico se espalhou e todos se convenceram de que a Califórnia era o próximo alvo. O general do estado-maior Joseph W. Stilwell (Robert Stack), comandante do 3º batalhão do exército, recebeu ordens de defender o sul da Califórnia. Unidades da marinha e do exército se mobilizaram para o local. Baterias de defesa antiaérea foram colocadas de prontidão. Operações de defesa civil entraram em ação. Pela 1ª vez desde a Guerra Civil cidadãos americanos se preparavam para defender sua pátria contra um inimigo, que poderia atacar em qualquer lugar e a qualquer hora, com uma força desconhecida. Em 13 de dezembro de 1941, na costa da Califórnia, um submarino japonês quer atacar algo que desencorage a população. O alvo escolhido é Hollywood, o que gera uma enorme confusão.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o


Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • Recebeu 3 indicações ao Óscar, nas categorias de Melhor Fotografia, Melhor Som e Melhores Efeitos Especiais.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O personagem do general Stilwell foi oferecido a John Wayne e Charlton Heston. Ambos recusaram o papel, alegando que o filme seria anti-patriótico e desrespeitoso com as pessoas que lutaram na II Guerra Mundial.
  • O personagem Wild Bill Kelso originalmente não teria tanto espaço no filme, com seu tempo de cena sendo ampliado após a contratação de John Belushi para interpretar o personagem.
  • O posto de gasolina em que o capitão Wild Bill Kelso abastece é o mesmo usado por Steven Spielberg em Encurralado (1971).
  • Os nomes Reese e Foley são usados por Robert Zemeckis e Bob Gale para personagens que sejam policiais ou agentes do governo em todos os filmes para os quais escrevem o roteiro.
  • As filmagens duraram 247 dias.
  • Durante as filmagens o diretor de fotografia William A. Fraker foi demitido, devido a diferenças criativas com Steven Spielberg e John Milius. O restante do filme foi fotografado por Frank Stanley, que não foi creditado.
  • O orçamento de 1941 - Uma Guerra Muito Louca foi de 35 milhões de dolares

Ligações externas[editar | editar código-fonte]