Bishōjo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Bishōjo (美少女, lit. menina bonita?) é um termo japonês usado para referir-se a garotas jovens e bonitas1 , geralmente abaixo da idade universitária. Bishōjo não está listada como palavra no proeminente dicionário japonês Kōjien. Uma variante, biyōjo (美幼女?), refere-se a garotas antes da idade da adolescência.

Bishōjo em mangá e anime[editar | editar código-fonte]

Personagens bishōjo são vistas em quase todos os gêneros de anime e mangá, especialmente em dating sims e visual novels, conhecidos como jogos bishōjo, e em animes e mangás do gênero harém. Bishōjo se distingue do termo de sonoridade semelhante shōjo, pois se refere ao sexo e aos traços das personagens e não da audiência-alvo do programa/trabalho. Embora bishōjo não seja um gênero propriamente dito, mas sim um estilo de personagens, séries que contêm personagens predominantemente deste estilo, como as do chamado gênero harém, são por vezes informalmente chamadas de séries bishōjo. Uma vez que um dos principais atrativos dessas séries são geralmente a arte e as atraentes personagens femininas, o termo é por vezes entendido como um "gênero" que vive exclusivamente em função da comercialização de suas belas personagens em vez de seu conteúdo ou enredo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Keith Sparrow. Bishoujo Manga: Easel Does It. [S.l.]: HarperCollins, 2007. 0061139327, 9780061139321