Consistórios de Pio XII

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Papa Pio XII na cátedra e com a tiara papal, 1939.

Este verbete elenca todos os consistórios ordinários públicos para a criação de novos cardeais presididos pelo Papa Pio XII, com a indicação de todos os cardeais criados. Ao todos, foram realizados dois consistórios, com a criação de 56 novos purpurados.

Consistório de 1946[editar | editar código-fonte]

Em 18 de fevereiro de 1946, durante o seu primeiro consistório, o Papa Pio XII criou trinta e dois cardeais. De acordo com o The New York Times, de 7 de dezembro de 1963, Alfonso Carinci, protonotário de Sua Santidade, teria sido convidado, mas recusou-se pois considerava que estava muito velho para o Colégio Cardinalício[1] . Os novos purpurados foram:

Consistório de 1953[editar | editar código-fonte]

Em 12 de janeiro de 1953, o Papa Pio XII realizou seu segundo e último consistório, criando vinte e quatro novos cardeais. Carlo Agostini, patriarca de Veneza, que seria criado cardeal nesse consistório, morreu em 28 de dezembro de 1952. Os novos purpurados foram:

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]