Emil Zátopek

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emil Zátopek
campeão olímpico
Atletismo
Modalidade maratona, 10 000 m, 5 000 m
Nascimento 19 de Setembro de 1922
Kopřivnice
Nacionalidade República Checa tcheco
Falecimento 22 de novembro de 2000 (78 anos)
Praga
Compleição Peso: 72 kg Altura: 1,82m
Medalhas
Medalha Pierre de Coubertin 2000
Jogos Olímpicos
Ouro Helsínquia 1952 5000 m
Ouro Helsínquia 1952 10000 m
Ouro Helsínquia 1952 maratona
Ouro Londres 1948 10000 m
Prata Londres 1948 5000 m
Campeonato Europeu
Ouro Berna 1954 10000 metros
Ouro Bruxelas 1950 5000 metros
Ouro Bruxelas 1950 10000 metros
Bronze Berna 1954 5000 metros

Emil Zátopek (Kopřivnice, 19 de Setembro de 1922Praga, 22 de Novembro de 2000) foi um atleta checo. Em 2012, foi imortalizado no Hall da Fama do atletismo, criado no mesmo ano como parte das celebrações pelo centenário da IAAF.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sexto filho de uma família pobre, tornou-se um dos maiores nomes do atletismo em todos os tempos e recebeu o apelido de "Locomotiva de Praga" ou "Locomotiva Humana!".

É o único homem a vencer os 5000 metros, 10000 metros e a maratona numa mesma Olimpíada. O feito aconteceu nos Jogos de 1952, em Helsínquia, na Finlândia[2] .

Zátopek já havia participado da Olimpíada de Londres de 1948, quando foi medalhado com o ouro nos 10.000 m e a prata nos 5.000 m. Mas foi em Helsínquia, aos trinta anos de idade, que conseguiu sua façanha gloriosa: venceu os 10.000 m com o novo recorde olímpico de 29 min 17 s. Quatro dias depois, conquistou a medalha de ouro nos 5.000 m com o tempo de 14 min 6 s 6. E três dias depois, enfrentava a maratona no que era a sua primeira experiência na distância. Como era "calouro", Zátopek resolveu acompanhar os "especialistas" e acabou vencendo com o novo recorde olímpico de 2 h 23 min 4 s.

Ao todo, Zátopek bateu vinte recordes mundiais em distâncias variando de 5.000 m a 30.000 m. Em 1951 tornou-se o primeiro homem a cobrir 20 km em uma hora (20.052 m). Ainda participou da maratona dos Jogos de 1956, apenas 45 dias depois de se submeter a uma cirurgia de hérnia. Apesar do médico lhe recomendar ficar dois meses sem correr, Zátopek completou a maratona em sexto lugar.

Zátopek foi casado com uma atleta também Checa, de Lançamento do dardo. Trata-se de Dana Zátopková, que nasceu no mesmo dia, mês e ano que ele e também foi campeã olímpica. Na tradição deles não se permitia o casamento se a mulher fosse mais velha que o homem, mas Zatopek veio a provar que Dana era mais nova que ele algumas horas, e então puderam se casar sem choque contra a cultura deles.

Zátopec no Brasil[editar | editar código-fonte]

Em 31 de dezembro de 1953 Zátopec competiu na famosa Corrida de São Silvestre criada pelo jornalista Cásper Líbero para ser disputada no último dia de cada ano. O corredor checo venceu com facilidade sob os aplausos de todos os espectadores.

Pioneiro no treinamento desportivo[editar | editar código-fonte]

Na verdade Zátopek é uma referência no treinamento desportivo (no período pré-cientifico) por utilizar estratégias de treinamento nunca antes vistas. Ele utilizou o "interval training" pela primeira vez, fornecendo bases empíricas para as futuras pesquisas cientificas sobre esse método.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências