Jogos Olímpicos de Verão de 1948

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jogos da XIV Olimpíada
Londres 1948
PosterLondres 1948.jpg
Dados
Países participantes 59
Atletas 4104
Eventos 136 em 17 esportes
Cerimônia de abertura 29 de julho
Cerimônia de encerramento 14 de agosto
Abertura oficial Rei Jorge VI do Reino Unido
Juramento do atleta Donald Finlay
Tocha John Mark
Estádio principal Estádio de Wembley
◄◄ Berlim 1936 {{{evento}}} Helsinque 1952 ►►

Jogos Olímpicos de Verão de 1948 oficialmente Jogos da XIV Olimpíada, foram os Jogos Olímpicos realizados pela segunda vez em Londres - após doze anos de interrupção devido à II Guerra Mundial - de 29 de julho a 14 de agosto daquele ano. Assim como os Jogos de 1920 tinham acontecido em Antuérpia, como uma homenagem do Comitê Olímpico Internacional ao sofrimento do povo belga durante a Primeira Guerra Mundial, Londres teve a honraria de sediá-los pela segunda vez em virtude do martírio que a cidade havia sofrido durante a guerra, especialmente com os bombardeios perpetrados pela força aérea nazista durante o período de 1940-41, que devastaram a capital inglesa.

Depois de seis anos de um conflito com milhões de vítimas e um custo financeiro impossível de se calcular, tanto a Europa quanto a Grã-Bretanha estavam arrasadas economicamente, o que tornou extremamente árdua a tarefa de organizar os Jogos. De qualquer modo, os organizadores conseguiram fazer um evento digno, restaurando o famoso Estádio de Wembley para servir como palco central dos Jogos Olímpicos, que contou com a participação de 59 nações, com a presença de 4.104 atletas, 370 deles sendo mulheres, em 19 modalidades e foram abertos pelo Rei Jorge VI em pessoa.

Processo de candidatura[editar | editar código-fonte]

A escolha de Londres como sede dos Jogos Olímpicos de Verão de 1948 iniciou-se na 38ª sessão do Comitê Olímpico Internacional, realizada na própria cidade de Londres em 9 de junho de 1939. Na oportunidade ficou decidido que as Olimpíadas de 1944 seriam em Londres, em uma votação que também concorreram as cidades de Roma, Detroit e Lausana. Com o advento da II Guerra Mundial e a destruição de toda a infraestrutura do Reino Unido e de muitos outros países europeus, foi inevitável o cancelamento dos Jogos de 1944.

Resultados da eleição da cidade-sede dos Jogos da XIV Olimpíada[1]
Cidade CON Rodada única
Londres  Reino Unido 20
Roma  Itália 11
Detroit  Estados Unidos 2
Lausana Suíça 1

Com o final da Guerra, o COI decidiu, em setembro de 1946, realizar a próxima Olimpíada em 1948, mantendo a escolha de Londres, que manifestou o interesse em realizar os Jogos Olímpicos postergados.

Londres, que já havia anteriormente sediado as Olimpíadas de 1908, tornou-se a segunda cidade a ser a anfitriã olímpica por duas vezes. Paris já havia sido duas vezes sede dos Jogos Olímpicos, em 1900 e em 1924. Atenas sediou os Jogos Olímpicos Intercalados de 1906, mas estes não foram incluídos nas estatísticas oficiais, pois não respeitaram o intervalo olímpico de 4 anos, embora tenham servido para reavivar o espírito olímpico depois dos fracassos de divulgação e público dos Jogos Olímpicos de Verão de 1900 e Jogos Olímpicos de Verão de 1904.

Destaques[editar | editar código-fonte]

  • Os Jogos de Londres foram os primeiros a serem transmitidos por televisão para residências particulares e foram vistos por cerca de 500 mil telespectadores no Reino Unido.[2]
  • A Alemanha e o Japão, agressores e perdedores da guerra recém finda, não foram convidados ao evento.[2]
  • A holandesa Fanny Blankers-Koen foi o grande nome feminino dos Jogos. Aos trinta anos, casada e mãe de dois filhos, Fanny ganhou quatro medalhas de ouro nos 100m, 200m, 80m c/barreiras e revezamento 4x100m. Uma regra que na época ainda limitava a participação de mulheres em mais de três provas individuais, a impediu de conquistar mais medalhas, pois era também a recordista mundial do salto em altura e salto em distância. A "dona de casa voadora", como era chamada, em 1999 foi eleita 'A Atleta do Século XX'.[2]
  • O mundo foi apresentado àquele que seria o sucessor do grande finlandês Paavo Nurmi no pós-guerra, o tcheco Emil Zatopek, campeão olímpico dos 10.000 m. Quatro anos depois, em Helsinque, Zatopek, apelidado “A Locomotiva Humana” pela sua arrancada impressionante na volta final das provas, surpreenderia o planeta com seus resultados.
  • Em 1938, o húngaro Károly Takács integrava a equipe de tiro campeã mundial da Hungria, quando uma granada decepou sua mão direita, a mão com que atirava. Takacs aprendeu então a atirar com a mão esquerda e em Londres, dez anos depois, conquistou a medalha de ouro no Tiro, modalidade pistola-rápida.[3]
  • Pela primeira vez foram usados os blocos de largada no chão para apoiar e impulsionar os pés dos corredores nas provas rápidas do atletismo.
  • Aos 17 anos, o norte-americano Bob Mathias tornou-se campeão olímpico do decatlo, apenas quatro meses após começar a praticar a modalidade, tornando-se o mais jovem vencedor de uma prova do atletismo masculino na história dos Jogos até hoje.
  • As mais dramáticas imagens dos Jogos foram novamente na Maratona, quando o belga Etienne Gailly entrou no estádio de Wembley liderando a prova de tal maneira desidratado e desorientado, que praticamente andou se arrastando toda a última volta até a linha de chegada, sendo ultrapassado por dois corredores, mas ainda conseguindo a medalha de bronze. Estas imagens se repetiriam 36 anos depois em Los Angeles 1984, de maneira ainda mais pungente, desta vez na estréia da maratona feminina, com a suíça Gabriella Andersen-Scheiss.
  • A situação econômica da Inglaterra no pós-guerra obrigou à realização de Jogos modestos. A maioria dos atletas estrangeiros ficou alojada em barracas da RAF e alguns em escolas.[2]

Modalidades disputadas[editar | editar código-fonte]

Quadro de medalhas[editar | editar código-fonte]

Quadro de Medalhas / Londres 1948 Olympic rings with transparent rims.svg
Posição País Ouro Prata Bronze Total
1 Estados UnidosUSA Estados Unidos 38 27 19 84
2 SuéciaSWE Suécia 16 11 17 44
3 FrançaFRA França 10 6 13 29
4 HungriaHUN Hungria 10 5 12 27
5 ItáliaITA Itália 8 11 8 27
6 FinlândiaFIN Finlândia 8 7 5 20
7 TurquiaTUR Turquia 6 4 2 12
8 ChecoslováquiaTCH Checoslováquia 6 2 3 11
9 SuíçaSUI Suíça 5 10 5 20
10 DinamarcaDEN Dinamarca 5 7 8 20
11 Países BaixosNED Países Baixos 5 2 9 16
12 Grã-BretanhaGBR Grã-Bretanha 3 14 6 23
13 ArgentinaARG Argentina 3 3 1 7
14 AustráliaAUS Austrália 2 6 5 13
15 BélgicaBEL Bélgica 2 2 3 7
16 EgitoEGY Egito 2 2 1 5
17 MéxicoMEX México 2 1 2 5
18 África do SulRSA África do Sul 2 1 1 4
19 NoruegaNOR Noruega 1 3 3 7
20 JamaicaJAM Jamaica 1 2 3
21 ÁustriaAUT Áustria 1 3 4
22 ÍndiaIND Índia 1 1
PeruPER Peru 1 1
24 IugosláviaYUG Iugoslávia 2 2
25 CanadáCAN Canadá 1 2 3
26 PortugalPOR Portugal 1 1 2
UruguaiURU Uruguai 1 1 2
28 CeilãoCEY Ceilão 1 1
CubaCUB Cuba 1 1
EspanhaESP Espanha 1 1
Trinidad e TobagoTRI Trinidad e Tobago 1 1
32 Coreia do SulKOR Coreia do Sul 2 2
PanamáPAN Panamá 2 2
34 BrasilBRA Brasil 1 1
IrãIRI Irã 1 1
PolôniaPOL Polônia 1 1
Porto RicoPUR Porto Rico 1 1

Referências

  1. aldaver.com. INTERNATIONAL OLYMPIC COMMITTEE VOTE HISTORY (em inglês). Página visitada em 7 de outubro de 2009.
  2. a b c d e London's three Olympic Games compared. BBC News. Página visitada em 25/07/2012.
  3. The Right-Handed Shooter Who Won With His Left Hand. beijing2008.cn. Página visitada em 30 de dezembro de 2010.
  4. Svinth, Joseph R. Harold Sakata: Olympic weightlifter and professional wrestler. Página visitada em 21 de outubro de 2007.

Referência[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]