Jogos Olímpicos de Verão de 1976

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jogos da XXI Olimpíada
Montreal 1976
1976-montreal.jpg
Dados
Países participantes 92
Atletas 6028
Eventos 198 em 21 esportes
Cerimônia de abertura 17 de julho
Cerimônia de encerramento 1 de agosto
Abertura oficial Rainha Elizabeth II do Canadá
Juramento do atleta Pierre St.-Jean
Juramento do árbitro Maurice Fauget
Tocha Stéphane Préfontaine e Sandra Henderson
Estádio principal Estádio Olímpico
◄◄ Munique 1972 {{{evento}}} Moscou 1980 ►►

Jogos Olímpicos de Verão de 1976 oficialmente Jogos da XXI Olimpíada, foram os Jogos Olímpicos realizados em Montreal, Canadá, entre 17 de julho e 1 e agosto, com a participação de 6.804 atletas de 92 nações competindo em 21 esportes. Estes foram os primeiros Jogos marcados por um grande boicote. Lideradas pela República do Congo, 26 nações africanas, o Iraque e a Guiana se recusaram a participar deles, em protesto pelo COI não suspender a Nova Zelândia, que havia autorizado sua seleção nacional de rugby a excursionar pela África do Sul, que se encontrava suspensa da comunidade internacional por causa da política racista do Apartheid.[1]

A escolha de Montreal como sede dos Jogos, contra a candidatura de cidades importantes como Los Angeles e Moscou, não foi feliz no resultado final, apesar da boa organização e total segurança – reflexos dos ocorrido em Jogos de Munique em 1972.

Financeiramente os Jogos foram um fracasso, causando o maior prejuízo econômico da história do evento até Atenas 2004, totalizando mais de 2 bilhões de dólares americanos em dívidas, levando a cidade a demorar mais de 40 anos para conseguir quitar as dívidas relacionadas ao evento. Seu ousado, caríssimo e problemático estádio olímpico até hoje permanece como um símbolo do fracasso desta edição. No campo esportivo, mais uma grande decepção. Pela primeira e única vez na história dos Jogos de Verão, o país anfitrião terminou a competição sem conseguir conquistar uma única medalha de ouro.[2]

Processo de candidatura[editar | editar código-fonte]

Resultados da eleição da cidade-sede dos Jogos da XXI Olimpíada[3]
Cidade CON Rodada 1 Rodada 2
Montreal  Canadá 25 41
Moscou  União Soviética 28 28
Los Angeles  Estados Unidos 17 -

Fatos e destaques[editar | editar código-fonte]

O Estádio Olímpico (francês: Le Stade Olympique). O prejuízo financeiro marcou os Jogos de Montreal.
  • Os Jogos foram abertos pela Rainha Elizabeth II e toda a família real britânica compareceu à cerimônia de abertura. A chama olímpica foi “eletronicamente” transmitida por ondas elétricas de Atenas até Ottawa, capital do país, através de sinais de satélites, de onde foi levada em revezamento até Montreal, entrando no estádio conduzida por um casal de jovens, um de origem francesa e a outra de origem inglesa, Stéphane Préfontaine e Sandra Henderson, representando as duas culturas que formaram o país. Esse revezamento se tornou um vexame mundial quando debaixo de uma forte chuva, a Pira Olímpica simplesmente apagou. Numa atitude desesperada ela foi acesa de novo por um funcionário do estádio com um isqueiro. O Comitê Organizador mandou a pira ser novamente acesa com o fogo reserva.[4]
  • A ginasta romena Nadia Comăneci, de apenas 14 anos, foi a grande estrela de Montreal, sendo a primeira atleta da história a receber a nota perfeita de 10.0 neste esporte, nas barras assimétricas. A nota teve que ser apresentada nos placares eletrônicos do ginásio como 1.00, pois até então os placares da ginástica não eram fabricados com dois dígitos antes da divisão da fração, já que a nota 10 era considerada impossível. Comaneci conquistaria três medalhas de ouro e receberia nada mais nada menos que outras seis notas 10 da equipe de jurados durante a competição.[1]
  • O ginasta japonês Shun Fujimoto conquistou a excelente nota 9,7 nas argolas, terminado o exercício com uma difícil pirueta de três voltas e a queda em pé na posição ereta perfeita, ajudando a conseguir a medalha de ouro por equipes para o Japão, que disputava a liderança lado a lado com a URSS. Fujimoto realizou a prova com o joelho quebrado.[1]
  • Clarence Hill, das Bermudas, conquistou a medalha de bronze na categoria super-pesados do boxe, dando a seu pequeno país a honra de se tornar a nação de menor população do mundo (53.500 habitantes na época) a ganhar uma medalha nos Jogos Olímpicos.[1]
  • O Canadá é, até hoje, o único país-sede dos Jogos Olímpicos que não ganhou nenhuma medalha de ouro em seus próprios Jogos.[6]

Modalidades disputadas[editar | editar código-fonte]

Quadro de medalhas[editar | editar código-fonte]

Quadro de Medalhas / Montreal 1976 Olympic rings with transparent rims.svg
Posição País Ouro Prata Bronze Total
1 União SoviéticaURS União Soviética 49 41 35 125
2 Alemanha OrientalGDR Alemanha Oriental 40 25 25 90
3 Estados UnidosUSA Estados Unidos 34 35 25 94
4 Alemanha OcidentalFRG Alemanha Ocidental 10 12 17 39
5 JapãoJPN Japão 9 6 10 25
6 PolôniaPOL Polônia 7 6 13 32
7 BulgáriaBUL Bulgária 6 9 7 22
8 CubaCUB Cuba 6 4 3 13
9 RomêniaROM Romênia 4 9 14 27
10 HungriaHUN Hungria 4 5 13 22
11 FinlândiaFIN Finlândia 4 2 6
12 SuéciaSWE Suécia 4 1 5
13 Grã-BretanhaGBR Grã-Bretanha 3 5 5 13
14 ItáliaITA Itália 2 7 4 13
15 FrançaFRA França 2 3 4 9
16 IugosláviaYUG Iugoslávia 2 3 3 8
17 ChecoslováquiaTCH Checoslováquia 2 2 4 8
18 Nova ZelândiaNZL Nova Zelândia 2 1 1 4
19 Coreia do SulKOR Coreia do Sul 1 1 4 6
20 SuíçaSUI Suíça 1 1 2 4
21 Coreia do NortePRK Coreia do Norte 1 1 2
JamaicaJAM Jamaica 1 1 2
NoruegaNOR Noruega 1 1 2
24 DinamarcaDEN Dinamarca 1 2 3
25 MéxicoMEX México 1 1 2
26 Trinidad e TobagoTRI Trinidad e Tobago 1 1
27 CanadáCAN Canadá 5 6 11
28 BélgicaBEL Bélgica 3 3 6
29 Países BaixosNED Países Baixos 2 3 5
30 EspanhaESP Espanha 2 2
PortugalPOR Portugal 2 2
32 AustráliaAUS Austrália 1 4 5
33 IrãIRI Irã 1 1 2
34 MongóliaMGL Mongólia 1 1
VenezuelaVEN Venezuela 1 1
36 BrasilBRA Brasil 2 2
37 ÁustriaAUT Áustria 1 1
BermudasBER Bermudas 1 1
PaquistãoPAK Paquistão 1 1
Porto RicoPUR Porto Rico 1 1
TailândiaTHA Tailândia 1 1

Referências

  1. a b c d e f g h Montreal 1976. Terra. Página visitada em 12/08/2012.
  2. Britânicos sofrem escassez de ouros e pedem calma
  3. aldaver.com. INTERNATIONAL OLYMPIC COMMITTEE VOTE HISTORY (em inglês). Página visitada em 5 de outubro de 2009.
  4. Guia interativo mostra a história das tochas olímpicas. BBC Brasil. Página visitada em 12/08/2012.
  5. a b MONTREAL 1976. olympic.org. Página visitada em 12/08/2012.
  6. Canada: Olympic Tradition. nbcolympics.com. Página visitada em 12/08/2012.