Instituto de Educação do Pará

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

O Instituto de Educação estadual do Pará (IEEP) foi fundado em 1871 como a primeira escola normal na gestão do então governador Joaquim Machado Portela, presidente da província do Pará, e é um dos colégios mais antigos do Brasil. A conquista da profissionalização iniciada com a escola normal significou um importante avanço da instituição pública no estado do Pará.

No final de janeiro de 1947, a escola passou a ser chamar Instituto de Educação do Pará (IEP), hoje Instituto Estadual de Educação do Pará (IEEP). O instituto entra em um novo período com o advento da Lei de Diretrizes e Bases da Educação, que retomou o ensino médio e a modalidade normal.

É o segundo colégio mais antigo do estado do Pará, perdendo apenas para o Colégio Estadual Paes de Carvalho, que foi fundado em 1841.

Sua formação durante muitos anos era voltada para o magistério, mas desde 2002, o colégio também atende alunos do ensino médio regular.

Hoje tem status de boa escola pública, possuindo 259 troféus em sua vitrine de canto orfeônico, teatro, banda marcial e grupo folclórico, entre outras premiações e homenagens.

Banda de fanfarra[editar | editar código-fonte]

A banda de fanfarra é uma atividade que faz parte do processo pedagógico e contribui com a formação integral do educando.

Ícone de esboço Este artigo sobre escolas ou colégios é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.