Leonel Sánchez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leonel Sánchez
Leonel Sanchez.JPG
Informações pessoais
Nome completo Leonel Guillermo Sánchez Lineros
Data de nasc. 25 de Abril de 1936 (78 anos)
Local de nasc. Santiago,  Chile
Altura 1,76 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meio-Campista
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1953-1969
1969-1970
1971
1972-1973
Chile Universidad de Chile
Chile Colo-Colo
Chile Palestino
Chile Ferrobádminton
 ?00000 (?)
?00000 (?)
?00000 (?)
?00000 (?)
Seleção nacional
1955-1968 Flag of Chile.svg Chile 84000 (23)

Leonel Guillermo Sánchez Lineros (Santiago, 25 de abril de 1936) é um ex-futebolista chileno, considerado um dos melhores do futebol do país.

Meio-campo, jogou por 20 anos, 16 deles no Universidad de Chile, onde integrou a equipe conhecida como Ballet Azul que conquistou seis campeonatos chilenos entre 1959 e 1969. Conquistou neste, que seria seu último ano no clube, o seu sexto campeonato e também uma Copa do Chile. Já havia recusado proposta do Milan para permanecer no Universidad. Em seus quatro últimos anos, rodou por Colo-Colo (onde conquistou o campeonato chileno de 1970), Palestino e encerrou a carreira no Ferrobádminton, aos 37 anos.

Com seus 84 jogos e 23 gols pela Seleção Chilena, é quem mais jogou e marcou por seu país. Participou da Copa do Mundo de 1962, em que seu país foi sede e obteve sua melhor classificação no torneio (a terceira colocação).[1] No tenso jogo contra a Itália, hostilizada à época no Chile devido à reportagens sobre o país tidas como difamadoras, Sánchez teria acertado uma cotovelada no italiano Mario David.

Terminou o mundial como um dos seis artilheiros, com 4 gols, o último deles contra o Brasil, que até então vencia por 3 a 1. O gol de Sánchez, a cerca de meia hora antes do final do jogo, animou a torcida anfitriã, mas Vavá (outro dos artilheiros) selou a vitória brasileira aos 33 minutos do segundo tempo. Outro dos seus gols fora contra o mítico goleiro soviético Lev Yashin, nas oitavas-de-final.

Sua estréia pelo Chile, em 1955, dera-se pela Copa O'Higgins justamente contra o Brasil, no Maracanã, jogo empatado em 1 x 1.

Sánchez também disputou a Copa do Mundo de 1966, mas nesta o Chile morreu na primeira fase, em último de seu grupo, atrás de União Soviética, Coréia do Norte e Itália.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências