Mujeres al borde de un ataque de nervios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mujeres al borde de un ataque de nervios
Mulheres à beira de um ataque de nervos (PT/BR)
Flag of Spain.svg Espanha
1988 • cor • 90 min 
Direção Pedro Almodóvar
Roteiro Pedro Almodóvar
Elenco Carmen Maura
Antonio Banderas
Julieta Serrano
Rossy de Palma
Género comédia
Idioma espanhol
Página no IMDb (em inglês)

Mujeres al borde de un ataque de nervios (br / pt: Mulheres à beira de um ataque de nervos) é um filme espanhol de 1988, do gênero comédia, dirigido por Pedro Almodóvar.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em Madri Pepa Marcos (Carmen Maura), uma atriz que está grávida mas ninguém sabe, é abandonada por Ivan (Fernando Guillén), seu amante, e se desespera tentando encontrá-lo, pois deseja que ele lhe explique por qual motivo a deixou. Enquanto tenta falar com ele recebe a visita Candela (María Barranco), uma amiga que se apaixonou por um desconhecido e agora que descobriu que ele é um terrorista xiita teme ser presa. Mais tarde chega ao apartamento Carlos (Antonio Banderas), o filho de Ivan. Ele está acompanhado de Marisa (Rossy de Palma), sua noiva, pois os dois estão procurando um imóvel para alugar. Marisa sem saber bebe um gaspacho cheio de soníferos, que Pepa tinha preparado para Ivan, mas uma confusão realmente acontece quando fica claro que Ivan vai para Estocolmo com Paulina Morales (Kiti Manver) e Lucia (Julieta Serrano), a mulher de Ivan, planeja matá-lo. Apesar de ter sido preterida, Pepa quer fazer de tudo para salvar a vida de Ivan.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

  • Carmen Maura .... Pepa
  • Antonio Banderas .... Carlos
  • Julieta Serrano .... Lucía
  • Rossy de Palma .... Marisa
  • María Barranco .... Candela
  • Kiti Manver .... Paulina Morales
  • Guillermo Montesinos .... taxista
  • Chus Lampreave .... testemunha de Jeová
  • Eduardo Calvo .... pai de Lucía
  • Loles León .... secretária
  • Ángel de Andrés López .... policial
  • Fernando Guillén .... Iván
  • Juan Lombardero .... alemão
  • José Antonio Navarro .... policial
  • Ana Leza .... Ana
Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o


Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar 1989 (EUA)

  • Indicado na categoria de Melhor Filme Estrangeiro.

Globo de Ouro 1989 (EUA)

  • Indicado na categoria de Melhor Filme Estrangeiro.

BAFTA 1990 (Reino Unido)

  • Indicado na categoria de Melhor Filme Estrangeiro.

Prêmio Goya 1989 (Espanha)

  • Recebeu cinco prêmios, nas categorias de Melhor Filme, Melhor Atriz (Carmen Maura), Melhor Atriz Coadjuvante (María Barranco), Melhor Roteiro Original e Melhor Edição (Montagem).
  • Recebeu ainda indicações nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Ator Coadjuvante (Guillermo Montesinos), Melhor Atriz Coadjuvante (Julieta Serrano), Melhor Fotografia, Melhor Desenho de Produção, Melhor Maquiagem, Melhor Trilha Sonora, Melhor Figurino, Melhor Som, Melhor Direção de Produção e Melhores Efeitos Especiais.

Festival de Veneza 1988 (Itália)

  • Recebeu o prêmio de Melhor Roteiro.

Festival Internacional de Toronto 1988 (Canadá)

  • Recebeu o Prêmio do Público.

Prêmio David di Donatello 1989 (Itália)

  • Venceu na categoria de Melhor Diretor estrangeiro (Pedro Almodóvar).

National Board of Review 1988 (EUA)

  • Venceu na categoria de Melhor Filme em Língua Estrangeira.

Prêmios Sant Jordi 1989 (Espanha)

  • Venceu na categoria de Melhor Atriz Espanhola (María Barranco)

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Este foi o primeiro dos dois filmes de Pedro Almodóvar que foram indicados ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro; o seguinte foi Todo sobre mi madre (Tudo sobre minha mãe), de 1999.
  • Victoria Abril recusou o papel de "Candela".

Ligações externas[editar | editar código-fonte]